Início » Aplicativos e Software » Instagram começa a proibir contas para menores de 13 anos de idade

Instagram começa a proibir contas para menores de 13 anos de idade

O Instagram anunciou que a partir desta quarta-feira (4) exigirá a idade dos usuários no momento do cadastro

Victor Hugo Silva Por

Ao contrário do Facebook, o Instagram não pedia a data de nascimento dos usuários durante o cadastro. No entanto, a rede social anunciou que a partir desta quarta-feira (4) exigirá essa informação para evitar que menores de 13 anos de idade criem contas.

O TechCrunch informa que, apesar da mudança, o Instagram vai pedir apenas a idade de novos usuários. Com isso, nenhum dos usuários ativos na plataforma será afetado pela regra, que está prevista nos termos de uso da rede social, e passará a ser aplicada.

Além de servir como bloqueio para contas de crianças, os dados sobre idade serão usados para oferecer orientações para os usuários mais jovens protegerem sua privacidade. O Instagram também começou a liberar recursos para restringir quem poderá te enviar mensagens ou adicionar a grupos.

A proibição para menores de 13 anos de idade já havia sido descoberta pela pesquisadora Jane Manchun Wong, conhecida por adiantar mudanças em plataformas. Os trechos do código do app para Android já indicavam que a rede social exigiria essa informação.

“Fornecer seu aniversário nos ajuda a garantir que você obtenha a experiência certa no Instagram. Só você poderá ver seu aniversário”, apontava um aviso presente no código antes da verificação por idade ser oficializada.

Instagram quer manter usuários em segurança

Em seu anúncio sobre a exigência da idade para novos usuários, o Instagram afirmou que vai considerar a data de nascimento informada no Facebook para usuários que vincularem as duas contas. Caso os perfis não estejam conectados, o Instagram oferecerá uma seção para informar o aniversário.

“Pedir essas informações ajudará a impedir que menores de idade se juntem ao Instagram e nos ajudará a manter os jovens mais seguros e a proporcionar experiências mais adequadas à idade”, diz o Instagram.

Até então, ao não solicitar a idade dos usuários, a rede social descumpria a lei americana que impedia a coleta de dados de menores de 13 anos sem a autorização dos pais. Segundo o TechCrunch, a plataforma conseguia evitar multas ao alegar que não tinha essa informação.

A mudança apresentada pelo Instagram não impede que menores de 13 anos sigam usando a rede social, já que eles ainda poderão informar uma data falsa. Porém, a medida poderá ser um primeiro passo para evitar contatos de crianças com desconhecidos e com anúncios voltados para maiores de idade.

Atualizado às 15h38 com o anúncio do Instagram.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Harry Specter

Ou então as blogueirinhas vão fazer o que as crianças menores de 13 anos fariam de qualquer jeito: mentir o ano de nascimento.

André G

Isso é bom pois as blogueirinhas não vão mais poder explorar tanto os filhos criando contas pra eles antes mesmo dos filhos nascerem.