Início » Celular » Snapdragon 865: os testes de velocidade contra o Apple A13 e Kirin 990

Snapdragon 865: os testes de velocidade contra o Apple A13 e Kirin 990

Qualcomm promete desempenho até 25% maior no Snapdragon 865; processador fica atrás do Apple A13 presente no iPhone 11

Felipe Ventura Por

A Qualcomm ofereceu à imprensa um dispositivo de referência para testar o desempenho do Snapdragon 865: a empresa promete um aumento de 25% na performance da CPU, e melhora de 20% no chip gráfico, se comparado à geração anterior. O chipset realmente atinge esses números e supera o Kirin 990, da Huawei, em vários benchmarks; porém, ele ainda fica atrás do Apple A13 presente no iPhone 11.

Qualcomm Snapdragon 865

O AnandTech explica que o dispositivo da Qualcomm tem dois modos: “padrão” (default), que demora mais tempo até chegar ao clock máximo; e “performance”, que faz o Snapdragon 865 atingir picos de desempenho mais rápido. Normalmente, as fabricantes ajustam o chipset para funcionar entre um desses extremos.

No PCMark Work 2.0, que roda em dispositivos Android, o Snapdragon 865 faz bonito e ocupa o topo do ranking, se aproximando do Kirin 990 presente no Huawei Mate 30 Pro.

PCMark

Nos testes do XDA Developers, o Snapdragon 865 ficou à frente do Kirin 990 em diversos benchmarks, incluindo Antutu, Geekbench e 3DMark, com diferença de até 45% em desempenho.

No entanto, o novo chipset da Qualcomm decepciona um pouco em se tratando de benchmarks da web como o Speedometer, WebXPRT e JetStream. Ele é apenas de 5% a 10% melhor que os antecessores Snapdragon 855 e 855 Plus, mesmo no modo “performance”, e fica muito atrás do Apple A13.

JetStream

Snapdragon 865 tem desempenho gráfico até 22% maior

No 3DMark Graphics, os resultados do Snapdragon 865 estão mais alinhados com o que a Qualcomm prometeu para o chip gráfico: o desempenho é de 15 a 22% maior que no Snapdragon 855.

E no benchmark GFXBench Aztec High, a melhoria em relação ao antecessor é de aproximadamente 26%. Ainda assim, nos testes GFXBench, os três modelos do iPhone 11 ficam no topo do ranking em se tratando de desempenho máximo (peak).

GFXBench

O gráfico também menciona o desempenho sustentado (sustained), ou seja, após alguns minutos de uso, quando o chip tende a reduzir a velocidade para não esquentar demais o smartphone. O dispositivo da Qualcomm ainda não foi testado nesse critério.

Sobre o Snapdragon 865, o AnandTech diz que o avanço no desempenho está alinhado com o que a Qualcomm prometeu; “a questão é que isso não parece suficiente para acompanhar as grandes melhorias que a Apple conseguiu apresentar nas últimas duas gerações”.

O Snapdragon 865 é octa-core: são quatro núcleos Cortex-A55 de 1,8 GHz para tarefas simples, mais três Cortex-A77 de 2,42 GHz para apps mais exigentes, e um Cortex-A77 de 2,84 GHz para casos mais extremos.

Com informações: AnandTech, XDA Developers.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Keaton

Engraçado esse Jetstream 2... os iOS na frente, incluindo um smartphone de 2016... hahaha

joaoserpa

Uma outra abordagem para o mesmo tipo de teste: https://www.androidauthorit...

João Luiz Gomes Silveira

Esses testes são importante ja que a maioria das pessoas usam o smartphone para processar vídeos e fotos pesados. Já o restante, essa minoria, pode ficar feliz, já que no dia a dia nao tem diferença nenhuma.

Blind

Balão ver se ela começa a ser bem comparada constantemente até que dê um salto maior nas próximas gerações.

Quero logo q existe o modo desktop no Android e depois venha o Fuchsia p termos um PC de bolso finalmente!

Maiky Braga

Que época?

Eduardo

Snapdragon sempre vai ter problemas nessas comparações ao rodar num sistema Android que ainda respira Java em sua essência. Não a toa que Google desenvolve e estuda o tal Fuchsia como substituto.

Arley Martins

Kramba, falou de processamento so da Iphone 7, 8, 10, 11 nos primeiros lugares. Apple 4 anos a frente na evolução de processadores.

LengoTengo

Pau a pau com o A10.

Tá de parabéns.

Jonathan Braga

O nome dessa diferença é otimização que o CPU é produzido pela mesma fabricante do celular e do sistema operacional

Comentário Mil Grau℗

Eu lembro da época quando os SoCs Qualcomm e Samsung estava bem à frente do SoCs da Apple. Agora parece que isso se inverteu novamente. Fico imaginando quando a Apple lançar um Apple A da vida para os Macbook o quão poderoso ele será. Definitivamente o melhor SoC ARM, inclusive até o customizado da MS presente no Surface Pro X é inferior ao iPad Pro.