Início » Gadgets » Apple, Google e Amazon vão criar padrão de dispositivos para casa conectada

Apple, Google e Amazon vão criar padrão de dispositivos para casa conectada

Google, Apple e Amazon trabalham junto à Zigbee Alliance em um projeto para simplificar a indústria de dispositivos inteligentes

Por

Apple, Google e Amazon anunciaram, nesta quarta-feira (18), que se uniram à Zigbee Alliance para a criação de um protocolo de comunicação livre de royalties para dispositivos de casa inteligente. O projeto Casa Conectada sobre IP (Connected Home over IP) tem foco em segurança e visa aumentar a compatibilidade entre os diversos ecossistemas de smart home.

Google Nest Mini

No comunicado do Google, a companhia diz que a gama de dispositivos disponíveis no mercado hoje confunde e frustra o usuário, já que ele deve se preocupar em entender com qual ecossistema esse aparelho é compatível para uso — Google Assistente, Alexa ou Siri.

A união tem uma crença compartilhada de que esses dispositivos projetados para casa devem ser confiáveis, seguros e fáceis de usar. O objetivo é prover uma comunicação segura entre os dispositivos de casa inteligente, aplicativos móveis e serviços de nuvem.

Padrão pode reduzir custo e dar mais liberdade ao usuário

Além dos usuários, quem também se beneficiará com o projeto são as fabricantes e desenvolvedores. A expectativa é que o custo da produção seja reduzido, visto que eles precisarão se preocupar apenas em implantar um padrão de comunicação entre os dispositivos.

Esse novo padrão universal virá ainda para complementar as tecnologias existentes. Em comunicado, a Apple diz que o grupo continuará estimulando as fabricantes a inovarem a partir das tecnologias já disponíveis atualmente.

Para os usuários, qualquer produto de casa inteligente feito a partir deste protocolo funcionará com qualquer ecossistema. Por exemplo: se alguém usa iPhone e tem um Nest Mini em casa, qualquer um dos dispositivos poderá controlar os outros aparelhos de casa conectada, sem a restrição de funcionar apenas com o Google Assistente ou Apple HomeKit.

O projeto Casa Conectada sobre IP terá uma abordagem de código-aberto para os interessados. Outras companhias também vão participar: são os membros da Zigbee Alliance, como IKEA, Legrand, NXP Semiconductors, Resideo, Samsung SmartThings, Schneider Electric, Signify (antes Philips Lighting), Silicon Labs, Somfy e Wulian.

Uma amostra da especificação e uma referência preliminar devem ser liberadas até o final de 2020.

Tecnocast 129 — Assistentes pessoais e casa conectada

No programa falamos sobre os novos dispositivos que desembarcaram no Brasil, com a premissa de facilitar as nossas vidas (mesmo que seja só para abrir as suas cortinas pela manhã). Sim, estamos nos referindo aos falantes inteligentes do Google e da Amazon. Acompanhe:

Com informações: Google, Apple, Project Connected Home over IP.