Início » Computador » Quanto custa montar um PC com as configurações do Mac Pro 2019?

Quanto custa montar um PC com as configurações do Mac Pro 2019?

O Mac Pro 2019 é muito caro para usuários comuns, mas quando comparado a workstations concorrentes, é uma das mais baratas

Ronaldo Gogoni Por
TB Responde

O Mac Pro 2019 é uma máquina para o público profissional, com configurações de ponta e indicada para quem precisa de poder de fogo bruto. No entanto, muita gente reclamou do preço da Apple, comparando-o com computadores comuns ao invés de alinha-lo com os verdadeiros concorrentes: workstations de preço similar ou mais caras.

Apple Mac Pro (2019) e Pro Display XDR

O Mac Pro 2019 é mesmo tão caro assim?

Quando a Apple anunciou que o Mac Pro 2019 custaria entre R$ 56 mil e R$ 429 mil, muita gente considerou os valores completamente absurdos, insanos para serem praticados em um computador pessoal, e que a maçã estava forçando o limite do Campo de Distorção da Realidade™️. A verdade, no entanto, é que boa parte do público entendeu tudo errado e por culpa de Cupertino, que apresentou o produto assim.

Sendo direto, a linha Mac Pro não é voltada ao consumidor comum.

A meta da Apple com esta família de produtos sempre foi oferecer estações de trabalho potentes e compactas, com preços competitivos dentro do mercado profissional de criação. Os alvos sempre foram grandes estúdios e companhias, que precisam de máquinas dedicadas e processar grandes volumes de dados, com foco em animação, edição de vídeo, áudio e etc.

Em suma, gamers e YouTubers não são o público-alvo do Mac Pro 2019, e sim grandes companhias consumidoras de workstations concorrentes, como as fornecidas por empresas como Dell e HP, entre outras. E é comparando com esses produtos que o produto da Apple se destaca, por oferecer potência equivalente por um preço… menor.

Basicamente, o público estava comparando maçãs com laranjas.

Por outro lado, montar um computador com configuração similar pode ser uma boa opção, se você tiver conhecimento e muito dinheiro sobrando.

Quanto custa montar um PC com as configurações do Mac Pro 2019?

Vejamos as configurações do Mac Pro:

Apple Mac Pro Modelo básico Modelo topo de linha
Processador Intel Xeon W de 8 núcleos
(3,5 GHz, 4 GHz em turbo)
Intel Xeon W de 28 núcleos
(2,5 GHz, 4,4 GHz em turbo)
RAM 32 GB 1,5 TB
Placa de vídeo AMD Radeon Pro 580X com 8 GB de memória GDDR5 2x Radeon Pro Vega II Duo com 2×32 GB de memória HBM2 cada
Armazenamento SSD 256 GB 4 TB
Apple Afterburner não sim
Base pé fixo rodinhas
Preço R$ 55.999 R$ 428.799

Tomando como base o modelo de entrada, e usando produtos em geral disponíveis no Brasil, temos a seguinte lista de preços, para montar um PC bastante próximo:

  • Processador Intel Xeon W-3223: R$ 3.043
  • (conversão direta do valor sugerido pela Intel, US$ 749);
  • 32 GB de RAM DDR4 ECC: R$ 6.847;
  • GPU AMD Radeon Pro WX 7100, 8 GB GDDR5: R$ 7.701
  • (mais próxima da Radeon Pro 580X);
  • SSD HyperX Savage de 240 GB: ~R$ 659 (SSD de alta performance);
  • Placa-mãe ASUS WS C422 PRO/SE: R$ 3.499;
  • Gabinete Corsair Obsidian Series 1000D: R$ 3.567;
  • Fonte Corsair HX1200i de 1.200 W: R$ 1.542;
  • Apple Magic Keyboard com teclado numérico: R$ 999;
  • Apple Magic Mouse 2: R$ 549;
  • Windows 10 Pro: R$ 1.099.

Levando-se em conta que o usuário terá todo o trabalho para adquirir as peças, montar e configurar o gabinete, considerando que a Apple agrega design ao preço (por isso foi escolhido o gabinete Obsidian Series da Corsair), um PC Windows com configurações próximas ou equivalentes ao modelo básico do Mac Pro, com Windows 10 Pro como sistema operacional, sai pelo montante final de R$ 29.505, mantendo em mente que esta é uma configuração para uma workstation. Ou seja, um computador de trabalho.

Ainda que o valor fique em torno de metade do computador da Apple, continua sendo fora da faixa de preço de um produto para o usuário comum.

Novo Mac Pro

Partindo do modelo topo de linha, temos o seguinte cenário:

  • Processador Intel Xeon W-3275M: R$ 30.283
    (conversão direta do valor sugerido pela Intel, US$ 7.453);
  • 1,5 TB de RAM DDR4 ECC: R$ 81.270
    (12 pentes de 128 GB, apenas por importadoras);
  • 2 GPUs nVidia Titan RTX: R$ 34.999
    (a GPU mais próxima da Radeon Pro Vega II Duo, que não está disponível no mercado);
  • 4 SSDs HyperX Savage de 960 GB: R$ 7.599
    (mais próximo do SSD de 4 TB do Mac Pro);
  • Placa-mãe ASUS ROG Dominus Extreme: R$ 13.999;
  • Gabinete Corsair Obsidian Series 1000D: R$ 3.567;
  • Fonte Corsair HX1200i de 1.200 W: R$ 1.542;
  • Apple Magic Keyboard com teclado numérico: R$ 999;
  • Apple Magic Mouse 2: R$ 549;
  • Windows 10 Pro: R$ 1.099.

O valor final de um PC com as configurações acima fica em torno de R$ 175.906, levando em conta que não há uma placa semelhante à Afterburner (que custa R$ 16 mil).

Então, montar um PC sai mais em conta?

Sim, mas é preciso lembrar que o Mac Pro 2019 não é voltado para clientes que têm tempo disponível para montar suas próprias workstations, mas possuem dinheiro para pagar por configurações prontas. Nesse cenário, o computador de ponta da Apple pode sair bem mais eficiente do que uma configuração semelhante da Dell Precision 7920 ou da HP Z8, duas workstations que são concorrentes diretas do produto da maçã.

Por outro lado, serão poucos os usuários finais que terão quase R$ 200 mil à mão para montar um PC semelhante, só para rodar vídeos no YouTube e/ou jogar Minecraft.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

TacacaNuclear®

Eita corói. Vou até salvar aqui kkkk

Armando Santana

Amigo. Você conhece um ThreadRipper? Você acha que qualquer pessoa mesmo, pode pagar 10 mil reais em um CPU?

O PC que estou falando é WORKSTATION. Eu não quis dizer que qualquer usuário doméstico pode comprá-lo equipado com ThreadRipper's para ir brincar de joguinhos em seu quarto.
Eu disse que qualquer um pode montá-lo com Threadripper's, ao contrário dos EPYC que é destinado a grandes corporações. Para data centers.

Cara, você só vai conhecer ThreadRippers, o dia em que a Apple começar a mexer com eles. Mas ela, como sempre, está bem atrasadinha.

Vocês fans de Apple, acham que ela está no limite da tecnologia, usando Intel. Estão bem por fora também.

Não importa o segmento corporativo. HOJE, os ThreadRipper's e EPYC são as melhores soluções. Melhores que quaisquer CPU da Intel.
Se um MacPro não vem equipado com um Threadripper ou EPYC, ele já está MUITO atrás de qualquer workstation que possui estes. MacPro já nasceu defasado e caro!

E, óbvio que grandes corporações vão buscar soluções sólidas de grandes montadores. Mas, repito, qualquer Workstation montado com Threadripper's, por grandes corporações, como uma IBM da vida, será superior ao oferecido pela Apple. Muito atrasado mesmo, este lançamento dela.

O CPU mais parrudo que ela oferece, é um Intel 28 / 56 que não chega nem no chinelo de um 64 / 128 EPYC ou Threadripper.
Repito, a Apple está atrasadíssima em suas escolhas.
Produto é defasado com o que se tem em tecnologia no mercado. E a pior parte. É caro pra caralho, em comparação com produtos montados com AMD.

Goytá F. Villela Jr.

É, Victor, você não usa, não joga -- e também não compra workstation. Mas quem compra uma é justamente para usar algo assim. É para projetar um Boeing ou um superpetroleiro novo, ou para fazer simulações geológicas de uma nova jazida de petróleo, não é para jogar nenhum jogo ou para fazer nada que você faria num PC (até porque workstation e PC são coisas diferentes). Não é para o seu bico (nem para o meu) de qualquer ângulo que se olhe. Não é nem mesmo para gente grande, é para EMPRESA grande.

Victor Hugo Madeira

e para que eu quero esse programa, não uso não jogo kkk

Helmut

Amigo, recentemente visitei uma empresa de engenharia na dinamarca, onde uma equipe inteira foi mandada embora por conta de um erro de cálculo. Mais tarde descobriram que o erro surgiu por causa de um módulo de memória ECC com falha.
O erro ocorreu justamente no mecanismo que serve para evitar esse tipo de erro e foi descoberto numa auditoria da empresa que vendia as workstations.

O que você está sugerindo é totalmente fora da realidade PROfissional onde uma workstation é necessária. Eu entendo o argumento de "poder absoluto de processamento", mas existe toda uma questão de responsabilidade que a empresa precisa se comprometer na hora de vender algo como equipamento profissional.

Por mais que amadores possam utilizar equipamento profissional e profissionais possam adaptar hardware amador, antes de fazer tal comparação, você precisa considerar uma série de coisas para não comparar maçãs com laranjas, como sugeriu o @goytabr:disqus

#pas

Goytá F. Villela Jr.

Armando, repito: se você acha que alguém, qualquer pessoa pode montar uma workstation em casa, você não sabe o que é workstation.

Você pode montar um PC muito poderoso em casa e capaz de fazer muita coisa, mas ainda será um PC. Workstation é outra coisa. NÃO É apenas um PC muito poderoso e capaz de rodar aplicações gráficas ou de engenharia, que é o que você pensa que é.

Para poder ser chamada de workstation, além de ter uma capacidade de processamento adequada à tarefa à qual se propõe (que é a parte onde você parou), uma máquina tem que ter sido montada com componentes certificados, atendendo a certas normas (o que geralmente significa que ela é montada por robôs, porque nenhum ser humano com chave de fenda é capaz de atender a essas normas), com garantia de confiabilidade comprovada por testes em ambientes aos quais nenhuma pessoa física tem acesso. Tem que ter a interoperabilidade de todos os componentes testada exaustivamente segundo protocolos rígidos por um exército de engenheiros que você não pode contratar.

Além disso, frequentemente tem tanto o hardware como o software otimizados para a tarefa em questão. Quero ver você criar, testar e compilar sozinho na sua casa uma versão novinha em folha do sistema operacional Unix, sob medida para ter o desempenho e a confiabilidade máximos para a tarefa exigida, como os fabricantes de workstation fazem em muitos casos.

Sem tudo isso, pode ser um PC muito poderoso, mas não é uma workstation. Até porque toda empresa que precisa de uma workstation precisa muito mais ainda de profissionalismo e confiabilidade. Ela não vai gastar uma fortuna numa máquina montada por um amador, que não vai poder mandar um batalhão de engenheiros de suporte (muitas vezes com doutorado) se algo der errado. Uma empresa dessas não faz economia porca e exige garantias legais e suporte. Na hora de fechar um negócio desses, entra o pessoal de TI da compradora e da vendedora, mas também entra o departamento jurídico das duas para fechar o contrato, entra o financeiro das duas para negociar preços e prazos. Você está achando que é igual ao mercadinho da esquina que compra o PC e o sistema do primo do cunhado da mulher do dono porque dizem que o rapaz é bom e faz barato? É outro nível!

Você acha que uma Petrobras, na hora de fazer uma simulação para ver se compensa ou não botar uma plataforma enorme num campo que pode ter petróleo, uma decisão empresarial que envolve BILHÕES de reais (dezenas de vezes o maior prêmio da Mega-Sena da Virada) vai usar uma máquina feita na garagem de um pé-rapado qualquer para isso? Não mesmo! Vai na IBM, HP, Dell, Unisys, Fujitsu, Bull, e talvez até na Apple. Mas não vai no Armando. E nem no Goytá, porque não é para o seu bico, nem para o meu, nem para o de nenhuma pessoa física.

Armando Santana

Meu amigo...
Não estou falando de produtos para o acesso de pessoas normais apenas.
Os EPYC não estão para nosso acesso. E dão uma surra de pau mole nesses CPU's Intel que vem no MacPro.
Não é só especificação, é poder bruto de processamento. Renderizam MUITO mais rápido, multi-tarefas MUITO mais poderosas, etc.
Não é atoa que a Microsoft, Google e tantas outras gigantes da tecnologia, estão aderindo em massa o EPYC.
Afinal, o custo e poder de processamento é muito superior a qualquer Intel.

O Workstation que citei, é algo que você consegue montar aí da sua casa. Usando o mesmo orçamento que pagaria por um MacPro. E sairia algo muito mais poderoso.

Acho que você não compreendeu bem o que isso significa.

Cristovão Gomes

Perfeito. Kkkkk idêntico

Cristovão Gomes

Perfeito. Kkkkk

Racer

Então o problema é contigo.....

X-Tudãoᴳᴼᵀ

Pra maioria que comentou aqui.

Racer

Pra ti?

X-Tudãoᴳᴼᵀ

Acredite se quiser mas para uma grande companhia fazer isso é economia porca.

X-Tudãoᴳᴼᵀ

Faltou interpretação de texto...

Leonardo Soares

Dá pra economizar mais uns R$ 3000, trocando o Gabinete Corsair Obsidian Series 1000D por esse: https://m.camicado.com.br/p... sem falar que fica bem mais parecido.

Exibir mais comentários