Início » Celular » Samsung Galaxy Z Flip deverá ter bateria de 3.300 mAh

Samsung Galaxy Z Flip deverá ter bateria de 3.300 mAh

Previso para ser lançado em fevereiro, o Galaxy Z Flip deverá ter processador Snapdragon 855

Victor Hugo Silva Por

A Samsung deverá apresentar o Galaxy Z Flip, seu segundo celular dobrável, em evento marcado para 11 de fevereiro. Com isso, começam a surgir informações sobre o aparelho. Uma delas, divulgada por Max Weinbach, do XDA Developers, indica que ele terá bateria de 3.300 mAh.

Galaxy Z Flip

Ainda de acordo com Weinbach, o Galaxy Z Flip terá processador Snapdragon 855, o mesmo usado no Galaxy S10. Como comparação, o Motorola Razr, outro celular dobrável flip, tem bateria de 2.510 mAh e Snapdragon 710.

O celular terá uma tela com vidro ultra fino e, para evitar arranhões, contará com outra camada fina de plástico, que poderá ser substituída pelos usuários. A medida parece ser uma solução para problemas que surgiram com a remoção da película em algumas unidades de teste do Galaxy Fold.

O celular dobrável será revelado em fevereiro, mas ele já teria sido apresentado pela Samsung em uma cabine fechada na CES 2020. Segundo o site coreano Aju News, o modelo foi demonstrado pelo chefe da divisão de celulares da empresa, Koh Dong-Jin.

O Galaxy Z Flip deverá ter tela principal de 6,7 polegadas e secundária, de 1 polegada. A expectativa é de que a câmera frontal tenha 10 megapixels e seja posicionada no furo da tela Infinity-O. O celular ainda poderá ter 8 GB de RAM e 256 GB de armazenamento.

Além do novo celular dobrável, a Samsung deverá apresentar as cinco versões do Galaxy S20. O Galaxy S20+, por exemplo, deverá ter tela de 120 Hz, sensor ultrassônico para leitura de impressão digital, 12 GB de RAM e bateria de 4.500 mAh.

Galaxy Z Flip

Com informações: Gizmochina, Let’s Go Digital.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Sérgio (@trovalds)

E depois a Samsung não copia design de ninguém. Eu queria ser do time de design da empresa. Ganhar pra ficar só investigando o que a concorrência lança, fazer igual e depois deixar o marketing se virar pra explicar que o design é “original”.

Renato Pereira Meireles (@renatopmeireles)

Eu me animo mais do que deveria com smartphones dobráveis.

Marcos Casais (@mpcasais)

Legal ver eles refinando conceitos já apresentados antes, agora com uma pegada mais comercial.
Fico me perguntando se num futuro próximo irão levar esse conceito pra linhas padrões, tipo a S, ou manter somente na Z, como diferencial.