Início » Aplicativos e Software » Microsoft Edge com base do Google Chrome já pode ser baixado

Microsoft Edge com base do Google Chrome já pode ser baixado

Navegador tem acesso liberado para as extensões do Chrome

André Fogaça Por

A Microsoft liberou hoje (15) o download do novo Edge, que é baseado no Google Chrome e que substitui o Edge que já está instalado em seu computador. Além do dele, os navegadores Opera e Vivaldi também utilizam o motor Chromium.

Visualmente o Edge está muito, mas muito parecido com o Chrome, só que com a barra de endereço e buscas mais quadrada, com o ícone de menu na horizontal e com ares mais minimalistas, ainda mais do que o já minimalista Chrome. O que achei interessante é que, ao menos no Windows 10, a versão antiga é removida quando o novo é instalado – o Internet Explorer continua lá.

O anuncio de que a Microsoft trocaria o motor interno do Edge pelo que existe no Chrome aconteceu no final de 2018, com versões de teste aparecendo aqui e ali desde então. Adotar o Chromium faz com que os navegadores fiquem menos fragmentados, os sites fiquem mais compatíveis com mais browsers e a Chrome Web Store funcione por aqui, levando extensões para o novo app.

edge chrome web store

Assim como os concorrentes, o novo Edge com base no Chrome entrega uma espécie de bloqueador de rastreamento de sites e que está ativada por padrão. Além disso, há um botão que permite que um modo de compatibilidade seja acionado, que faz o motor do Internet Explorer ser ativado na aba selecionada e isso permite que sites antigos possam ser abertos sem problemas.

Edge novo

Se você quer ver como está o novo Edge feito com os fundamentos do Chrome, é possível baixar manualmente o navegador para Windows 7, 8, 8.1 e 10, macOS, iOS e Android. Se você utiliza o Windows 10, o novo browser será entregue automaticamente em uma atualização que será entregue pelo Windows Update.

Se você é um usuário do Chrome, o Edge perguntará se você quer importar dados dele e isso significa que senhas salvas, campos que são preenchidos automaticamente e todo o histórico de navegação vai junto. É um bom momento para dar uma chance para o Edge, eu vou tentar fazer isso.

Com informações: Microsoft.

Mais sobre:

Comentários da Comunidade

23 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Douglas Souza Luz

To usando há uns 3 meses como meu navegador principal já. tá me atendendo bem, mas não vejo motivo pra alguém migrar do chrome pra ele. Acho que a principal novidade vai ser que o Windows vai vir com um navegador bom de fábrica, finalmente.

Daniel R. Pinheiro

A Microsoft tem que deixar esse navegador disponível na loja (ou na web), com atualizações separadas do sistema. E tirar o IE e o Edge comum do Windows, porque ficar com três navegadores da MS (dois instalados obrigatoriamente com o sistema) é fogo…

Mickey Sigrist

"o Internet Explorer continua lá.

É um tumor que nunca será eliminado :sweat_smile:

Andre Kittler

Ele já remove o Edge atual por padrão (que ainda existe devido a compatibilidade porém com acesso impossível para qualquer usuário normal). O IE concordo que podiam fazer o mesmo, deixar existindo fisicamente mas remover todos os atalhos.
Já usar a loja… eu gostaria de saber quem usa essa abominação de verdade, e espero - mesmo - que seja menos de 1 em 100 usuários.

Mas feito isso, está usável. Recomendo esse no lugar do chrome para usuários normais.

Pika das Galaxias

Baixei pelo link do post e atualizou o edge que estava no sistema. IE ainda está aqui :sweat_smile:

Rodolpho Camargo

A loja realmente é horrível, mas eu uso pra instalar o Spotify, o Evernote, o Todo e o Instagram

Daniel R. Pinheiro

Acredito que deveriam sim, remover o IE completamente e deixar apenas disponível para baixar caso algum site exija (isso forçaria as páginas a se atualizarem, pq, neh, não estamos mais na era XP).
E sobre a loja, eu não a visito com muita frequência mais, mas boa parte dos apps do Windows (OneNote, Calendário, E-mail, To-Do, Xbox) e alguns jogos da Gameloft e da própria MS, são atualizados por lá.

Diemerson Almeida

Estou usando o Edge Chromium desde o lançamento da versão dev. É o primeiro navegador que me fez abandonar completamente o Chrome. Já havia tentado utilizar o Opera, por exemplo, mas sempre surgia algum bug que me desanimava. Firefox infelizmente ficou ultrapassado.

Diemerson Almeida

Está disponível para baixar no site da Microsoft. Vai seguir um calendário de atualizações igual ao do Chrome: nova versão a cada seis semanas. Não vai ser distribuído via microsoft store, o que eu acho uma vantagem.

Cézar Felício

Infelizmente até hoje certos sistemas do governo só funcionam nele.

É triste!

Matheus Duarte

O consumo de RAM é o padrão Chrome? Só de pensar em abrir já bateu 70%? :laughing:

Thiago Antonius Oliveira Souza

Agora o EDGE, de tanta memoria ram consumida, corrigiu seus problemas.

@guipolonca

Estou usando o novo Edge desde a versão dev e é a primeira vez em muitos anos que eu estou 100% satisfeito com um navegador. Eu sempre ficava pulando do Chrome pro Firefox e vice-versa, sempre insatisfeito com alguma coisa. Microsoft deu uma dentro! :blush:

Flávio Gonçalves

É um bom momento para dar uma chance para o Edge, eu vou tentar fazer isso.

Resolvi tentar me adaptar ao uso do Edge, pelo menos no PC. Nessas primeiras horas, o consumo de memória sem o uso do Chrome caiu absurdamente. Não dá pra cravar que a mudança valeu a pena, mas que está satisfatória até aqui, isso está.

Andre Kittler

OK, vendo aqui até que é possível viver na loja. Mas o problema é que para tu pegar os 3 apps uteis que tem temos de passar pelos 3000 uniteis, que beiram virus de tao horriveis, em uma organização que consegue ser pior que o bing.

A loja não é abandonada apenas porque não tem (quase) nada, mas sim pq é uma terra de ninguem. Eu recomendo sempre baixar aplicativo “real” dada a opção, tamanha a falta de confiança que tenho nessa loja.

Gustavo Afghani

Isso é verdade. Pra achar apps bons, tem que garimpar. Os que são realmente usáveis são aqueles que já conhecidos, como Spotify, Telegram, WhatsApp. Fora o tanto de aplicativos sem atualização há séculos, desde o tempo do Windows 8.1.

Lucas Carvalho

É basicamente um Chrome mais leve com sincronização da Microsoft. Um excelente navegador, estou usando desde a versão dev (e permaneço nela ainda). :smiley:

@ksio89

Tenho usado o canal Dev desde junho, participando ativamente do Tech Community pra reportar bugs e sugerir recursos, e há meses substituiu o Chrome como navegador principal. Ainda tem algumas coisas a serem implementadas, como sincronização de extensões, histórico e guias abertas, mas acredito que logo eles serão adicionados ao “Edgium”.

Em geral, o browser está perfeitamente usável e não me fez sentir saudade do navegador do Google. Torço muito para o novo Edge ao menos ameaçar a hegemonia do Chrome equilibrar o market share de navegadores pra desktop.

Carlos Eduardo

Migrei do Chrome para o Edge e, até o momento, não sinto falta. É um navegador mais leve e a sincronização está funcionando bem

Josué Junior

Até tentei usar, mas não sei porque, mas só o Edge com o EdgeHTML (o motor antigo) consegue rodar vídeos sem travar. No Chrome, só vídeos em 480p rodam sem travar. Nunca entendi isso, e a mesma coisa acontece nos navegadores Chromium-based (incluindo o novo Edge) e com o Firefox

Eliézer José

O Edge já botando Chrome pra mamar

@RODRIGO

Queria que o Safari voltasse, isso sim, mesmo que seja baseado no chromium!!!

Douglas Furtado Gonçalves

Só o Firefox que ainda não se rendeu ao chromium. Mas se todos os outros são baseados no chromium, o que me leva a sair do chrome para o novo edge? O meu é o firefox, está me atendendendo melhor que o chrome.

Mateus B. Cassiano

Pra quem já é usuário do Chrome, eu realmente não consigo encontrar nenhum motivo para migrar, visto que é essencialmente o mesmo visual do Chrome mas com os serviços da Microsoft substituindo os serviços do Google.

Mantive os dois instalados e o novo Edge basicamente virou o browser pra assistir Netflix, visto que no Windows 10 é o único navegador baseado no Chromium que oferece suporte ao PlayReady, necessário pra que o serviço libere resoluções superiores a 720p e som surround nos vídeos…

Felipe Insfran

FELIZMENTE não kkkkk

João M.

Tem como migrar as abas e extensões do Dev pro Stable? Tô usando ele há meses, excelente, nem sei mais o que é Chrome com os bloats da Google.

Matheus Duarte

Olha só, que grata surpresa HAHAHAHA

Lepipito

Estou adorando o novo Edge e incrivelmente ele é bem mais otimizado que o Chrome mesmo tendo a mesma base, parabens para a Microsoft

LekyChan

agora fiquei com vontade de jogar um pacman modificado onde o chrome é o pacman, os demais navegadores os fantasmas e as bolinhas seriam pentes de memória.

Vítor Gomes Neves Oliveira

Gostei do novo Edge, mas se a Microsoft não mudar essa política de atualizações, vai ter o mesmo destino do Edge antigo.

Só ver que o novo Edge nem tem sincronização completa em pleno 2020!

Fabio Torelli Júnior

Só desinstalei a versão beta pra instalar a versão oficial lançada e não tive esse problema.

José

Desinstala normal nos meus computadores.

Xico Pires

Uso Chrome há anos, tudo sincronizado. Agora dando uma chance pro novo Edge e estou gostando bastante. Falta a exibição das abas abertas em outros dispositivos, algo que eu usava no Chrome. Mas a velocidade e leveza do Edge está compensando.

Fabio Torelli Júnior

O novo Edge é muito mais rápido e leve, não faz o computador perder desempenho ou ficar lento estou muito satisfeito com a velocidade, a compatibilidade com as extensões que eu uso e a interface dele.

Vlad Kovalyov

Vi tanta gente elogiando, mas nos primeiros 5 minutos não gostei, ele importou meus favoritos do chrome sem me pedir, e aparentemente só é possível instalar as extensões da microsoft store que infelizmente não tem nem metade das que eu uso no chrome (uso umas 25), espero que isso mude.

Diemerson Almeida

Dá pra instalar extensões da Chrome Web Store.

Vlad Kovalyov

Obrigado pela dica. :grin:

João Monteiro

Tô usando o novo Edge no Android e já substituí o uso do Chrome. Percebi que o Edge tem um leve ganho de tempo na abertura de sites, parece carregar mais rápido o conteúdo, principalmente através de links que você recebe em outros apps como WhatsApp e Twitter.

­

O novo Edge segue o mesmo esquema de atualizações do Chrome, só com algumas semanas de atraso.

Paulo Guilherme

Estou usando o Edge como navegador principal no computador. Ainda não me habituei como ele no Android.

Estou gostando e sem nenhuma vontade de voltar pro Chrome tão cedo.

Vítor Gomes Neves Oliveira

Isso no PC e ainda assim veio com a sincronização capada.

No Android o Edge está super atrasado em relação ao Chrome e o app ainda é extremamente feio e bugado.

Paulo Maciel

Também vou tentar dar uma chance.

CAV

O que eu mais gostei no Microsoft Edge Chromium Edition foi da solução caseira adotada pela Microsoft para suprir a ausência do Google Tradutor integrado com o navegador: o Microsoft Translator, que é ainda mais discreto, já que mostra o status da tradução no canto da barra de endereços, ao invés de um balão pop-up.
Tem alguns bugs (ao adicionar extensões da Chrome Web Store e marcar uma das opções “Permitir em Modo InPrivate” ou “Acessar URLs”, a extensão mostra que foi desativada) e faltam coisas para refinar (esperava o edge://flags já com o design do Edge, embora já tenha opções próprias do browser da Microsoft para explorar) ou recursos do Edge original para incluir no Edge Chromium (o grupo de abas no canto superior esquerdo da tela, por exemplo).
A loja de extensões parece que está pior que a do Edge original (que já não era lá aquela coisa), e se quiser ter alguma chance, vai ter que apostar em algum diferencial que não tenha na Chrome Web Store. Do contrário, é melhor até remover do browser, que será um recurso a menos para se preocupar.
Tem uma ligeira diferença no consumo de RAM (baseado no uso do Facebook, pelo menos) em relação ao Chrome, mas não é nada muito impactante ou que possa ser considerado uma vantagem.

Josué Junior

Fui tentar novamente testar o Edge Chromium, mas segue com o problema de não conseguir executar vídeos em 720p/1080p. E pior que nem é só ele, mas todo navegador baseado no Chromium e o Firefox. Aí meio que me obriga a ficar no Edge Legacy pra poder usar, por exemplo, o YouTube. Chato isso

Alessandro Johnny

Não é algo relacionado com aceleração de hardware não? Driver de vídeo? Já tentou desativar nos flags só pra tentar isolar o problema e ver se é isso?

Josué Junior

Driver de vídeo não deve ser, já tá atualizado. Vou dar uma olhada nos flags pra saber

Alessandro Johnny

Driver atualizado pode vir com bug. :pensive:

João M.

Problema no seu PC, tem que ver isso aí se é algum codec ou algo assim. Aqui ambos Chrome e Edge rodam até 4K sem engasgos, mas tenho uma 1080 TI e 8700K.

Josué Junior

Eu poderia pensar que seria problema de hardware, mas o IE e o Edge antigo conseguem tranquilamente rodar vídeos em até 1080p 60fps, isso que eu tô estranhando. Nem a Microsoft e nem a fabricante do meu notebook soubrrsm explicar

Eduardo Alvim

Adotei o Novo Edge como padrão em casa e no escritório. So far, so good.

Participe da discussão