Início » Negócios » Grin retira patinetes de Santos (SP) após Uber lançar concorrente na cidade

Grin retira patinetes de Santos (SP) após Uber lançar concorrente na cidade

App da Grin mostra patinetes da Yellow, cujo desbloqueio deve ser feito através da Rappi; Uber aluga patinetes em Santos

Felipe Ventura Por

Clientes da Grin receberam um e-mail nos últimos dias dizendo que a empresa deixará de alugar patinetes verdes em Santos (SP): o aplicativo mostrará apenas os veículos da Yellow, cujo desbloqueio deve ser feito através da Rappi. Essa medida não afeta as outras cidades onde a Grin atua. A Uber começou a alugar patinetes no litoral paulista em dezembro de 2019.

Patinete Grin

“Nossas patinetes Grin vão passear por outras cidades, mas os patinetes Rappi ainda estarão aqui pra você”, diz um e-mail enviado a clientes de Santos. A assessoria da Grin confirma ao Tecnoblog que “o comunicado é específico para os usuários de Santos e as operações seguem normais em São Paulo e no restante do Brasil”.

Os créditos adquiridos no aplicativo da Grin podem ser usados para pagar contas ou fazer recarga de celular; e são válidos para alugar patinetes verdes em outras cidades brasileiras, como em São Paulo.

No entanto, eles não servem para alugar patinetes da Yellow: a Rappi só aceita cartão de crédito ou débito. Os veículos amarelos aparecem no app da Grin, mas redirecionam o usuário ao aplicativo da Rappi. Se você quiser reembolso dos créditos da Grin, pode solicitá-lo preenchendo este formulário.

Vale notar que, oficialmente, a cidade de Santos não tem aluguel de bicicletas da Yellow; o serviço é oferecido na cidade vizinha de São Vicente.

Patinetes da Uber e Yellow concorrem em Santos

Patinetes da Uber e Yellow

Mapas de atuação da Uber e Yellow em Santos

Em dezembro, a Uber passou a alugar patinetes em Santos: usuários na cidade veem um botão Alugar na parte inferior, que permite escanear um QR Code para desbloquear o veículo.

A Uber cobra R$ 1,50 pelo desbloqueio e R$ 0,75 por minuto; enquanto os patinetes da Yellow saem a R$ 3 mais R$ 0,50 por minuto na Rappi. Os patinetes das duas empresas estão espalhados basicamente na mesma área de atuação, da Ponta da Praia até o Emissário Submarino.

A Jump, divisão de micromobilidade da Uber, atua em mais de 25 cidades com patinetes e/ou bicicletas elétricas: ela planejava lançar e-bikes em São Paulo no ano de 2019, o que não aconteceu. A Grow, que reúne as marcas Grin e Yellow, está em sete países e 26 cidades da América Latina, 16 delas no Brasil.

E-mail enviado pela Grin aos clientes de Santos:

Grin

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
10 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação