Tecnoblog
Início » Aplicativos e Software » Como tirar Carteira de Identidade Digital [DNI]

Como tirar Carteira de Identidade Digital [DNI]

O que é e como tirar a Carteira de Identidade Digital, o documento via app que une CPF, Certidão de Nascimento e Título de Eleitor

A Carteira de Identidade Digital, o DNI, é um documento nacional que vai reunir o CPF, o Título de Eleitor e a Certidão de Nascimento, além de outros documentos eum um só lugar, acessível facilmente via app para iPhone ou Android. Embora ele ainda não esteja disponível, você pode se adiantar e deixar tudo pronto para quando for liberado.

O que é?

A Carteira de Identidade Digital, chamada de Documento Nacional de Identidade ou DNI, é um documento de identificação unificado, que originalmente reúne os números do CPF, da Certidão de Nascimento e do Título de Eleitor, mas que poderá no futuro agregar outros documentos, como o número do RG (que é estadual e não federal), da CNH (Carteira Nacional de Habilitação), do Certificado de Dispensa de Incorporação (Carteira de Reservista), e etc.

O DNI é um aplicativo para iOS e Android, que poderá ser exibido pelo cidadão na solicitação de documentos, com a aplicação tendo a mesma validade dos documentos impressos.

Como tirar Carteira de Identidade Digital

Atualmente não é possível tirar a Carteira de Identidade Digital, por alguns motivos. Primeiro, o acesso ao documento está em fase de testes, tendo sido liberado para apenas 2 mil servidores em 2018, e desde então o programa não foi expandido.

Segundo, os apps para iOS e Android ainda não estão disponíveis para o público e, por fim, o DNI depende da conclusão do processo de cadastramento biométrico de todos os eleitores do país, que está em fase de andamento. Apenas quando todos estiverem cadastrados, a Carteira de Identidade Digital será liberada. No entanto, você pode se adiantar e já cadastrar a biometria do seu Título de Eleitor, se ainda não o fez.

  1. Acesse tse.jus.br e cheque se o cadastramento está liberado em sua cidade (status "Ordinário" ou "Em Revisão");
  2. Acesse o site do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do seu estado, geralmente "tre-uf.gov.br" (substitua "uf" pela sigla do seu estado);
  3. Use a ferramenta de busca do site e procure por "agendamento biometria".
    Em alguns casos o link para o agendamento de biometria poderá estar destacado na página inicial do site, mas nem sempre;
  4. Clique em "agendar biometria" ou opção semelhante;
  5. Entre com seus dados pessoais (nome completo, número do título, nome dos pais, etc.) e confirme as informações;
  6. A seguir entre com dados como CEP e rua onde mora;
  7. Na próxima tela, o site pedirá para que indique a Zona Eleitoral onde você vota (consulte seu título);
  8. Entre também com o dia e horário de preferência para o agendamento;
  9. Marque a caixa "Estou ciente de que o não comparecimento no dia e horário marcados acarretará o cancelamento do agendamento" e clique em "Agendar";
  10. O site marcará o agendamento no dia e hora escolhidos, geralmente no cartório eleitoral da sua Zona Eleitoral;
  11. Clique em "Imprimir" para imprimir o Protocolo de agendamento (a apresentação dele é obrigatória).

No dia agendado, compareça ao cartório eleitoral com os seguintes documentos:

  1. Protocolo de Agendamento;
  2. Título de Eleitor (não é obrigatório, mas é bom tê-lo à mão);
  3. Documento com foto válido (RG, Passaporte ou CNH, nessa ordem), legível e dentro da validade;
  4. Comprovante de residência recente (conta de luz, água, telefone, etc.) no nome da pessoa que fez o agendamento.

Com o cadastramento biométrico feito, você poderá tirar a Carteira de Identidade Digital assim que ela for liberada.