Início » Aplicativos e Software » Android 11 e Pixel 4a: Google marca evento I/O 2020 para maio

Android 11 e Pixel 4a: Google marca evento I/O 2020 para maio

Conferência para desenvolvedores Google I/O 2020 deve trazer detalhes sobre Pixel 4a, Android 11, Chrome OS e Stadia

Felipe Ventura Por

A próxima conferência do Google para desenvolvedores será realizada em maio: é quando esperamos obter os detalhes oficiais sobre o Android 11 e sobre produtos de hardware como um possível Pixel 4a. O evento Google I/O 2020 também deve trazer novidades para o Chrome OS, Assistente, Stadia e inteligência artificial.

Google I/O

O Google I/O ocorrerá de 12 a 14 de maio; o CEO Sundar Pichai diz que o evento será realizado no Shoreline Amphitheatre, em Mountain View, perto da sede da empresa. Como sempre, a keynote principal e as sessões serão transmitidas ao vivo pelo YouTube.

Ainda não é possível comprar ingressos para o evento: no ano passado, era necessário ser escolhido aleatoriamente em uma loteria e pagar até US$ 1.150 (estudantes, professores e pesquisadores tinham desconto).

Google I/O deve ter novidades sobre Android 11 e Pixel 4a

Google Pixel 4a

Imagem via 91mobiles

Segundo o 9to5Google, o Google I/O será utilizado para apresentar o novo smartphone Pixel 4a. Ele terá tela de 5,8 polegadas com notch em forma de furo, câmera com lente única e entrada para fone de ouvido, de acordo com o confiável Steve Hemmerstoffer (@OnLeaks).

É também na conferência para desenvolvedores que o Google costuma revelar os primeiros detalhes oficiais sobre a próxima versão do Android. Algumas informações sobre o Android 11 já apareceram em público, segundo o XDA Developers:

  • o sistema deve ganhar agendamento do modo escuro de forma nativa (isso já existe em skins de fabricantes);
  • o limite de 4 GB para gravações de vídeo deve ser removido;
  • o modo avião deve manter ligado o áudio via Bluetooth, para que sua música não seja interrompida em fones de ouvido sem fio;
  • a variante Android TV deve ganhar integração com o streaming de jogos Google Stadia;
  • desenvolvedores poderão usar uma versão wireless do ADB, ferramenta de depuração de aplicativos, dispensando um cabo entre o celular e o PC.

É possível que o Google aproveite o I/O para divulgar atualizações de outros produtos, como hardware Nest de casa conectada, Assistente, Pesquisa, Chrome OS e projetos de acessibilidade.

Com informações: VentureBeat, The Verge.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
7 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Matheus Motta (@Matheus_Motta)

E eu esperando o 10 chegar no meu celular…

@NoahCezario

e aposto que o google esse ano vai falar que tem uma nova ferramenta pra diminuir a fragmentação…

Tiago Jeronimo (@TiagoJL)

Tamo junto. Meu note 9 ainda tá no pie.

Juliano Machado Olivetti (@Juliano_Machado_Oliv)

O que espero da Google faz tempo é um modo de economia de bateria mais agressivo, principalmente na linha Pixel. Não que seja horrível o atual, mas acho que pode melhorar muito, afinal a linha Pixel é homogênica e projetada e mantida por engenheiros do Google.

Eu (@Keaton)

O modo avião quase já não faz mais sentido, não? As companias de aviação já não estavam permitindo o uso do telefone nos voos?

Agora, se mudar o nome pra “modo offline”, ai sim.