Início » Aplicativos e Software » Microsoft remove recursos da Cortana para focar em produtividade

Microsoft remove recursos da Cortana para focar em produtividade

A Cortana vai perder recursos ligados a música e casa conectada para oferecer mais soluções para empresas

Victor Hugo Silva Por

A Microsoft anunciou que fará algumas mudanças na Cortana para transformá-la uma ferramenta com foco no trabalho. Pensando nisso, a empresa removerá da assistente os recursos relacionados a música, casa conectada e integrações com aplicativos de terceiros.

Microsoft quer transformar Cortana em ferramenta de produtividade

A assistente também perderá o suporte para versões antigas do Windows que chegaram ao final de seu ciclo de vida. “Recomendamos que os consumidores atualizem seus dispositivos para a última versão do Windows 10 para continuarem usando a Cortana”, afirma a empresa.

A ferramenta ainda deixará de funcionar no Microsoft Launcher para Android no final de abril. Essas mudanças serão feitas porque a Microsoft já não vê a Cortana como uma rival do Google Assistente ou da Alexa.

“A próxima atualização do Windows 10 incluirá acesso a uma nova experiência da Cortana com ênfase na produtividade, ajudando você a encontrar rapidamente as informações desejadas no Microsoft 365”, indicou a companhia em seu comunicado.

O pacote Microsoft 365 tem programas do Office 365, como Word, Excel e Powerpoint, além de e-mail e armazenamento e outras ferramentas para empresas. Entre elas, estão aplicativos de tarefas, calendário, contatos e o Microsoft Teams.

A Cortana se concentrará nesses recursos, mas ainda poderá ser usada para definir alarmes, abrir apps, alterar configurações e fazer pesquisas no Bing, por exemplo. A nova versão da assistente começou a ser testada em julho de 2019, quando passou a exibir uma interface parecida com a de um chat.

De acordo com a Microsoft, as alterações com foco na produtividade serão liberadas primeiro para quem envia comandos de voz em inglês. Os usuários de outros idiomas deverão levar mais alguns meses para receberem as novidades.

Com informações: Microsoft, TechCrunch.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
11 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Eric Viana (@Eric_Viana)

Ok, então se entendi bem a Cortana vai ser uma espécie de Clippy glorificado? É isso mesmo produção?

Pedro Willyam Calheiros (@pedrowillyam)

Eita, eu tinha entrado pra falar algo do tipo.

@ksio89

Assim como o mercado de sistemas operacionais móveis, Redmond perdeu o bonde das assistentes pessoais. Podia aproveitar e tornar a Cortana opcional nas próximas builds do Windows.

 • 令和 • Ward'z de Souza 🇯🇵🎌🦊🔥 - Risonho e Límpido (@Wardz_de_souzA)

A diferença é que ela era boa, e era a 2 do mercado com personalidade. A primeira foi a Alexa.

O problema da Cortana é que o corporativo não usa essas firulas. Por isso ela está morrendo.

Schio ☭ (@Sckillfer)

Ninguém pode trabalhar ouvindo música? Uau

Cortana for Office, o Clippy que fala

Kayo (@Kayo)

O melhor é uma cortana focada no corporativo que continuará obrigatória no sistema, Microsoft…

Espero que isso mude.

ochateador (@ochateador)

Empresa que faz o serviço certo usa a versão Enterprise/Education, onde o menu iniciar e cortana apresentam zeros problemas.
Mas quando preferem economizar e comprar e comprar a versão PRO (caso de minha empresa)… a coisa fica feia. Eu basicamente utilizo muitos atalhos ou faço um caminho mais longo, só para não precisar abrir o menu iniciar.

Marcelo (@Marcelo3M)

Nesse caso não dá para usar a desculpa que perdeu o bonde, não conseguiram executar mesmo.

Leandro Alves (@KILLME)

Acho ridículo esses assistentes por voz em OS. Você gasta mais tempo perguntando via voz do que utilizando atalhos.