Início » Negócios » Nubank lança iniciativa de R$ 20 milhões para ajudar clientes

Nubank lança iniciativa de R$ 20 milhões para ajudar clientes

Nubank faz parceria com iFood, Rappi, Hospital Sírio-Libanês, Zenklub e Zee.now para oferecer produtos e serviços

Felipe Ventura Por

O Nubank anunciou nesta terça-feira (24) uma iniciativa de R$ 20 milhões para oferecer produtos e serviços aos clientes: a fintech fez parceria com o iFood e a Rappi para entregas grátis; com o Hospital Sírio-Libanês e Zenklub para consultas médicas; e com o Zee.now para compras de petshop. A ideia é ajudar as pessoas durante a quarentena para conter o coronavírus (COVID-19).

aplicativo nubank

Nubank faz parceria com iFood, Rappi e mais

Funciona assim: o cliente entra em contato via chat, e-mail ou telefone e diz se precisa de ajuda para falar com um médico, receber comida em casa ou comprar um remédio. Dependendo do caso, o atendente pode oferecer um voucher para adquirir um serviço oferecido por um dos parceiros. São eles:

  • iFood: créditos para usar no app caso cliente precise de delivery de comida; todo o valor da compra e entrega será pago pelo Nubank
  • Rappi: créditos para usar no app caso cliente precise de qualquer delivery (supermercado, remédio etc.); a compra e a entrega serão pagas pelo Nubank
  • Sírio-Libanês: voucher (código) para agendar uma consulta com médico na plataforma do hospital; o atendimento é feito por vídeo
  • Zenklub: voucher para fazer uma consulta por vídeo na plataforma usada por terapeutas, psicólogos e psiquiatras
  • Zee.Now: voucher de até R$ 100 para usar no aplicativo de entrega de produtos petshop, que pertence ao grupo Zee.Dog; o app está disponível apenas nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro

O Nubank também promete ajudar quem não está familiarizado com o iFood ou com a Rappi para garantir que o pedido seja realizado.

A fintech avisa que a parceria com o iFood e com a Zenklub já está valendo; enquanto isso, os vouchers da Rappi, Sírio-Libanês e Zee.Now serão disponibilizados ao longo desta semana, pois "alguns detalhes técnicos estão sendo finalizados".

Segundo o Nubank, os R$ 20 milhões correspondem a grande parte da verba de marketing para os próximos dois meses, além de outros ganhos de eficiência. Esse valor foi redirecionado para dar ajuda aos clientes caso necessário; o programa vai durar até o final de abril.

Comentários da Comunidade

7 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Matheus
Muito marketing pra pouca ação. Deveriam, no mínimo, baixar a taxar de juros dos altíssimos 14% am pra pelo menos 4% am. Vai ter muita gente se endividando com o Nubank por causa dessa pandemia que estamos enfrentando.
Infelizmente, esperar uma atitude nobre dos bancos é pura utopia e ingenuidade.
Júnio Andrade
Dar comida de graça?
Sério? Como eles vão saber quem necessita?
Quem necessita NÃO tem cartão roxinho.
Deveriam abaixar juros de atraso e aumentar limite para transações de mercados, farmácias e deliverys.
Carlos Rodrigues
Creio que seja o melhor que a empresa pode fazer no momento.
Baixar os juros com certeza seria bom para atrasos e tudo mais, porém tendo em vista o já prejuízo que o Nubank vem tendo (por escolha?), usar o dinheiro do marketing (pra algo que também não deixa de ser marketing) para esta causa é algo de ótimo agrado.
Mateus B. Cassiano



UmMatheus:

Deveriam, no mínimo, baixar a taxar de juros dos altíssimos 14% am pra pelo menos 4% am.


A taxa de juros do rotativo não é fixa e varia de 2,75% a 14%, dependendo do cliente (pra mim, por exemplo, é só 6,67% – dos cartões que eu tenho no momento é a taxa mais baixa). No entanto, assim como a aprovação ou não para o cartão de crédito, ninguém sabe ao certo qual o critério utilizado pelo Nubank…
Participe da discussão