Início » Negócios » Amazon Prime aumenta prazos de entrega no Brasil e nos EUA

Amazon Prime aumenta prazos de entrega no Brasil e nos EUA

Amazon estende prazos de entrega no Brasil e nos EUA durante pandemia do coronavírus (COVID-19), inclusive no Prime

Felipe Ventura Por

A pandemia do novo coronavírus, causador do COVID-19, levou muito mais pessoas ao varejo online, e a maior demanda fez a Amazon estender os prazos de entrega no Brasil: assinantes do serviço Prime receberão seus produtos em até uma semana em capitais como São Paulo e Rio de Janeiro; e em até duas semanas no caso de outras cidades. Enquanto isso, nos EUA, a espera pode chegar a um mês.

Amazon - caixa

A Amazon confirma ao Recode que, nos EUA, “algumas das nossas promessas de entrega ficaram mais longas que o normal”. A empresa afirma ao Tecnoblog que acompanha atentamente a evolução dessa situação no mundo inteiro, mas não vai comentar especificamente sobre o Brasil.

No entanto, uma vista ao site brasileiro mostra que os prazos de todo tipo de produto estão maiores que o normal. Isso vale tanto para mercadorias vendidas pela varejista, como para itens de marketplace entregues pela Amazon. Coletamos alguns exemplos de prazos para entrega expressa do Prime:

  • em até 4 dias úteis para São Paulo, em até 9 dias úteis para Recife: Motorola One Action, impressora multifuncional Epson (todos vendidos por terceiros e entregues pela Amazon)
  • em até 4 dias úteis para São Paulo, em até 10 dias úteis para Recife: controle Dualshock 4 Jet para PS4, Blu-Ray do filme Coringa, licença perpétua do Microsoft Office Home & Student 2019, cápsula de café Espresso Deciso Lavazza, shampoo para bebê Johnson’s Baby, fralda Huggies (todos vendidos e entregues pela Amazon)

Prazos de entrega para São Paulo com pedido feito em 25 de março:

Amazon Prime

No Brasil, a Amazon usa os serviços dos Correios e de outras transportadoras como Total Express, Sequoia, Loggi, Jadlog e Shippify.

Normalmente, assinantes do Prime têm entrega expressa gratuita em 2 dias úteis em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Goiânia, Florianópolis e Vitória. Em outras regiões do Brasil, o prazo pode variar de 3 a 5 dias úteis.

Prazos de entrega para Recife com pedido feito em 25 de março:

Amazon Prime

Amazon Prime tem prazos de até um mês nos EUA

Claro, estamos longe de uma situação normal com a pandemia do coronavírus. Isso também se refletiu nos EUA: neste domingo, clientes da Amazon notaram que o prazo de entrega para alguns produtos não-essenciais saltou para cinco dias a um mês, mesmo para quem assina o Prime — que costuma garantir entrega em até dois dias.

A Amazon explica em comunicado: “para atender nossos clientes em necessidade, além de ajudar a garantir a segurança de nossos associados, alteramos nossos processos de logística, transporte, cadeia de suprimentos, compras e vendedores de terceiros para priorizar o estoque e a entrega de itens com maior prioridade para nossos clientes”.

Nos EUA e no Reino Unido, a Amazon também mudou algumas regras no marketplace: ela prioriza o recebimento de “artigos básicos, suprimentos médicos e outros produtos de alta demanda” em seus armazéns. Até 5 de abril, os centros de distribuição da empresa deixarão de receber produtos não-essenciais e vendidos por terceiros.

Entre as categorias essenciais para a Amazon, estão itens de beleza e cuidados pessoais, produtos para bebê e suprimentos para animais de estimação. No Brasil, esses tipos de produtos também estão com prazo de entrega maior que o normal.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
2 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Thiago (@Tjago)

Por “sorte” recebi em 1 dia útil em SP