Início » Aplicativos e Software » Como pagar por aproximação e sem contato físico [contactless]

Como pagar por aproximação e sem contato físico [contactless]

Pagamento por aproximação é seguro e ajuda a não ter contato físico com o caixa ou a máquina de cartão; conheça algumas opções

Lucas Lima Por

Você já arrisca sair de casa sem a carteira? Dependendo do estabelecimento que vou, não levo nada além do celular — que contém os cartões e a CNH digitais. Além de ser seguro e rápido, o pagamento por aproximação (contactless) ajuda a evitar o contato físico com o cobrador ou com a máquina do cartão — é o método recomendado pela OMS para evitar o contágio do coronavírus (Covid-19). Conheça algumas formas de pagar por aproximação.

Google / Google Pay / pagamento por aproximação

1. Google Pay

O método de pagamento por aproximação do Google usa a tecnologia NFC presente em smartphones Android para funcionar. Após cadastrar o cartão no aplicativo, já é possível realizar os pagamentos sem o cartão físico, apenas desbloqueando o telefone.

2. Apple Pay

A solução para usuários de iPhone é usar o Apple Pay. A fabricante foi a primeira a implementar a modalidade nos telefones, desde o iPhone 6, de 2014, mas demorou para lançar de vez no Brasil. O funcionamento é o mesmo que no Google Pay: cadastre o cartão, ative e comece usar.

Itaú - Apple Pay / pagamento por aproximação (contactless)

3. Samsung Pay

A Samsung tem duas formas para pagamento por aproximação: a primeira é que usa a tecnologia NFC, enquanto a segunda é chamada de MST (transmissão magnética segura).

Esse método alternativo simula a tarja de um cartão magnético e não exige que o terminal ou máquina de cartão estejam habilitados com NFC para funcionar. Portanto, é mais abrangente.

4. Cartões habilitados

Ainda que não tenha o celular para usar uma das carteiras digitais acima, alguns cartões já contam com o chip de NFC embutido. Como exemplos cito os cartões do Nubank e C6 Bank. Talvez seja necessário ativar o recurso nas configurações do aplicativo.

Cartão C6 Carbon

Para saber se seu cartão suporta o NFC, basta observar o símbolo da tecnologia impresso em algum dos lados.

Como saber se posso usar o pagamento por aproximação?

Para usar o pagamento por aproximação é preciso considerar três pontos:

  1. Se o celular tem suporte à tecnologia NFC (ou MST também para aparelhos da Samsung). Nos dispositivos Android, é comum que o chip venha apenas em aparelhos mais caros;
  2. Verificar se o cartão é aceito em uma das carteiras (Google Pay, Apple Pay ou Samsung Pay). É necessário que a emissora do cartão tenha contrato com a fabricante do celular para fornecer suporte ao pagamento por aproximação;
  3. Encontrar terminal com suporte ao NFC (exceto tecnologia MST da Samsung): para usar o pagamento por aproximação, a máquina com a qual o celular se comunicará também precisa ter o chip habilitado.

NFC / Apple Pay / Pagamento por aproximação

5. Métodos alternativos: pagamento com QR Code

Outra maneira de conseguir pagar sem gerar contato físico é com a leitura de códigos QR.

Diversos bancos e carteiras digitais aderiram a esta modalidade, como uma alternativa ao pagamento por aproximação: PicPay, Iti do Itaú, Mercado Pago, banco Next, Ame Digital (para Lojas Americanas), iFood, Rappi, entre outros.

Itaú Iti e maquininha da Rede

A solução consiste em usar a câmera do celular para escanear um o código QR de um estabelecimento e assim pagar sem encostar na máquina ou entregar seu cartão para algum atendente.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
16 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@Rogerio.Neves

Uso o Samsung Pay e ele tem um limite de valor da compra, acredito. Se atingir esse limite, você tem que digitar a senha na máquina de qualquer jeito.

Tiago Paludo (@Tiago_Paludo)

Como se alguma dessas opções funcionasse com cartão de débito. Nem o aplicativo do próprio banco do brasil habilita a função sem o cartão ser crédito.

Arthur Silva Vicentini (@ArthurVX)

Na teoria, o limite de R$ 50 para pagamento por aproximação sem senha vale para todos os meios de pagamento por aproximação (Google Pay, Samsung Pay, Apple Pay, app do banco, pulseira, adesivo, o próprio cartão…).

@ksio89

Mas eu digo que quero pagar por aproximação, é que tava com preguiça de escrever e substitui a expressão por “NFC” rsrs. Mas mesmo falando que quero aproximar pra pagar, muitos caixas ficam boiando, geralmente esses não demonstram vontade alguma de aprender o procedimento.

Gigo CAP (@GigoCAP)

Esses leitores existem faz tempo. Talvez você que não tenha reparado, mas eles são utilizados por quem tem isenção. A carteirinha geralmente é em RFID ou NFC.

Minha ex-namorada tinha isenção por morar em uma cidade e trabalhar em outra, aí ela tinha um cartão desses.

Se eles começarem a usar esses equipamentos pra receber pagamento da geral vai ser excelente.

Leo (@leonardoroese)

Eu realmente não sabia disso, vou me informar melhor porque também é meu caso, se conseguir isenção de pelo menos 1 dos 7 pedágios que pago de São Carlos a São Paulo ja vai ajudar demais! Esse tipode coisa não fazem questão de divulgar, perguntei na cabine me disseram que ainda não recebia pagamentos no dispositivo, mas havia planos para isso. Valeu demais pela informação!!!

Leo (@leonardoroese)

Oi Lucas, obrigado pela dica também. Já conhecia o C6 desde ano passado, também sobre a Tag que acho muito interessante mesmo a iniciativa deles. Mas eu estou com conta no Inter e Nubank já, não me animei a abrir mais uma, além do Itaú também. Eu vou esperar um pouco para ver seno C6 vai se estabelecer como uma boa opção aí vou migrar uma das minhas contas. Quanto ao pedágio eu ja acho abusivo o valor, por isso não aderi a tags por causa de mensalidade, que é mais um custo que vamos somando na conta dos serviços que temos que assinar, tudo é serviço hoje em dia, no fim do mês é uma penca de débitos na vida das pessoas Vou ficar de olho no C6 sim até pela conta PJ.