Início » Aplicativos e Software » WhatsApp deverá permitir uso de uma conta em vários dispositivos

WhatsApp deverá permitir uso de uma conta em vários dispositivos

A versão beta do WhatsApp já reúne avisos que serão exibidos quando usuário adicionar um novo aparelho

Victor Hugo Silva Por

O WhatsApp poderá fazer uma mudança significativa em breve e liberar o uso de uma conta em mais de um dispositivo. A possibilidade permitiria, por exemplo, que celular e tablet fossem utilizados de forma independente para enviar mensagens pelo mesmo número.

WhatsApp deverá permitir uso de uma conta em vários dispositivos

Segundo o WABetaInfo, que costuma adiantar alguns dos novos recursos do WhatsApp, a novidade foi encontrada na versão beta 2.20.110. Ela tem indícios de que o aplicativo trabalha para suportar vários aparelhos conectados à mesma conta.

O código da versão de testes já reúne os avisos que serão mostrados quando um usuário incluir um novo dispositivo em sua conta. Eles indicam, por exemplo, que o código de segurança da conversa mudou porque a pessoa “se conectou ou desconectou de vários dispositivos”.

Ainda em desenvolvimento, a opção será liberada para iOS e Android e fará com que o celular principal tenha o mesmo peso dos equipamentos adicionais. Ao contrário do que acontece hoje no WhatsApp Web e nos aplicativos para Windows e Mac, que dependem do smartphone para funcionarem.

WhatsApp testa mensagens que se autodestroem

A nova versão de testes do WhatsApp também possui novidades sobre mensagens que se autodestroem. O desenvolvimento do recurso foi descoberto em outubro e, desde então, o aplicativo realizou uma série de mudanças, incluindo o nome e o tempo para o conteúdo apagar.

WhatsApp testa recurso de mensagens que se autodestroem

Na versão beta 2.20.110 do mensageiro, o recurso passou a se chamar “Expiring Messages”. Ele é voltado tanto para conversas privadas, quanto para grupos, e permite destruir mensagens automaticamente após um dia, uma semana e um mês. O aplicativo removeu as opções de apagar mensagens em uma hora ou um ano, que apareciam em versõs anteriores.

Em grupos, o recurso só pode ser habilitado por administradores e faz todas as mensagens se tornarem autodestrutivas. Em conversas privadas, o aplicativo mostra o ícone de um relógio para sinalizar que a opção está funcionando.

WhatsApp testa recurso de mensagens que se autodestroem

Como visto nos últimos meses, o WhatsApp parece ainda não ter definido detalhes sobre as mensagens que se apagam depois de um tempo. O recurso ainda poderá ter outras mudanças antes de ser liberado para os usuários de forma oficial.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
8 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Valdiclei Moura (@valdiclei)

agora vai?!?!?!

Vítor Gomes (@vctgomes)

Finalmente! Aquele WhatsApp Web é uma porcaria exatamente por isso.

Isso vai ser bom pra várias pessoas, seja civis que desejam usar o WhatsApp no PC ou seja pra empresas, que poderão usar vários PCs pra atendimento, por exemplo.

O chato, que aparentemente deixou em aberto, é que ele ainda não sincronizará o histórico como o Telegram faz. Deve ser mais estilo ao iMessage, que somente as novas msgs estarão disponíveis

Pedro Willyam Calheiros (@pedrowillyam)

Até que enfim!

Renato Garcia (@Renato)

Será que agora o WhatsApp finalmente ficará que nem o Telegram e permitiirá acessar todo o histórico de conversas de qualquer dispositivo conectado? Porque não vejo outra forma disso funcionar com o backup locale e na nuvem de terceiros, como funciona hoje.

Matheus Alexandre (@matheusalexandre)

O Facebook deixou claro que não faz planos de abrir mão da criptografia de ponta a ponta, então veremos como eles conseguirão fazer para uma conta ser acessível em mais de um aparelho. O Telegram não conseguiu.

Christopher (@dlucz)

Já era tempo de implementarem isso. Whatsapp chegou em 2016, parabens.

Christopher (@dlucz)

Ai você pediu demais, coloca mais uns 3 anos ai até colocarem o WhatsApp completamente na nuvem.

Eu (@Keaton)

Quero nem ver o caos que vai dar no começo… hahahaha