Início » Celular » Apple deixa de vender iPhone 8 após lançar novo iPhone SE

Apple deixa de vender iPhone 8 após lançar novo iPhone SE

iPhone 8 e iPhone 8 Plus continuam sendo vendidos por outras lojas e terão atualizações da Apple para iOS

Felipe Ventura Por

O iPhone SE 2020 foi lançado nesta quarta-feira (15) com tela pequena e Touch ID; ao mesmo tempo, o iPhone 8 e o iPhone 8 Plus deixaram de ser vendidos pela Apple. Ainda é possível encontrá-los em revendedores e eles ainda receberão atualizações do iOS.

Apple iPhone 8

Foto por Aaron Yoo/Flickr

Apple descontinua iPhone 8 e 8 Plus

O iPhone 8 e 8 Plus foram anunciados junto ao iPhone X em 2017: em vez de apostar totalmente no novo design sem botão Home, a Apple preferiu manter o visual clássico enquanto arriscava algo diferente.

Deu certo: o iPhone X foi um sucesso de vendas, apesar do preço alto, e várias empresas seguiram o design com notch. O iPhone XS trouxe poucas mudanças e vendeu abaixo do esperado, enquanto o iPhone XR foi o aparelho mais popular de 2019. O iPhone 11 também se saiu bem.

Tudo isso significa que a Apple pode investir com mais confiança nesse design, em vez de manter o botão físico e as bordas simétricas acima e abaixo da tela, algo que definiu o iPhone por uma década. O analista Ming-Chi Kuo afirma que, em 2021, teremos um “iPhone SE 2 Plus” com tela quase sem bordas e notch pequeno.

Assim, era questão de tempo até que o iPhone 8 e 8 Plus deixassem de ser vendidos, e isso enfim ocorreu hoje. Se você quiser um iPhone mais acessível — não barato! — há o novo iPhone SE; se preferir uma tela maior, pode recorrer ao iPhone XR.

O iPhone 8 e 8 Plus devem ser atualizados nos próximos anos: espera-se que o iOS 14 chegue a todos os celulares compatíveis com a versão 13. Eles continuam à venda em outras varejistas.

Antes:

Apple iPhone 8 e SE

Depois:

Apple iPhone 8 e SE

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação