Tecnoblog
Início » Negócios » Spotify chega a 286 milhões de usuários e a 1 milhão de podcasts

Spotify chega a 286 milhões de usuários e a 1 milhão de podcasts

Dos 286 milhões de usuários do Spotify, 130 milhões correspondem a contas Premium (pagas)

O Spotify divulgou, nesta quarta-feira (29), os resultados financeiros de suas operações no primeiro trimestre de 2020. Os números indicam que o streaming de música é realmente um dos segmentos que foram pouco atingidos pela pandemia de coronavírus: a companhia encerrou o período com 286 milhões de assinantes e até registrou algum lucro.

Os 286 milhões de assinantes representam um crescimento de 5% em relação ao trimestre anterior e de 31% na comparação com o mesmo período do ano passado. Desse total, 130 milhões correspondem a contas Premium (pagas). O restante diz respeito, obviamente, às contas gratuitas que são mantidas por anúncios.

A receita nos três primeiros meses do ano ficou em € 1,85 bilhão, montante equivalente a US$ 2 bilhões. Esse número ficou ligeiramente abaixo das expectativas dos analistas de mercado, que previam arrecadação de € 1,86 bilhão.

Já o lucro líquido ficou em US$ 1 milhão. Não é muita coisa para uma companhia desse porte, mas não deixa de ser um avanço, afinal, o Spotify registrou perdas no mesmo período do ano passado e no trimestre anterior.

Apesar dos números favoráveis, o próprio Spotify sinaliza que sentiu os impactos da pandemia de coronavírus, embora não de modo grave. A companhia notou, por exemplo, um declínio considerável na base de usuários ativos diários na Espanha e Itália, dois países fortemente afetados pela COVID-19.

Mudanças comportamentais globais também foram notadas. O Spotify percebeu que o uso da sua plataforma em carros, dispositivos vestíveis e web diminuiu, por outro lado, aumentou 50% em TVs e consoles de jogos na comparação com o primeiro trimestre de 2019. Em função disso, a empresa comentou até que “todos os dias agora parecem um final de semana.”

Até a publicação de podcasts chegou a ser afetada por causa da pandemia. Mesmo assim, os números mais recentes agradaram ao Spotify. A companhia estima que 19% dos usuários ativos mensais ouvem esse tipo de conteúdo. No último trimestre de 2019, essa proporção estava em 16%.

É por isso que o Spotify continua apostando fortemente nesse segmento. Não por acaso, a plataforma atingiu a marca de 1 milhão de podcasts disponíveis em sua plataforma (em tempo, o Tecnocast também está lá). Mais de 60% deles são uma “herança” da Anchor, serviço para criação e distribuição de podcasts que a companhia adquiriu em 2019 (ou seja, valeu a pena fazer esse negócio).

Tamanha variedade de publicações permitiu que o Spotify notasse outro movimento interessante (e bastante lógico, dadas as circunstâncias): por causa da pandemia, a procura por podcasts relacionados a bem-estar e meditação aumentou consideravelmente nas últimas semanas.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação