Início » Negócios » Uber prepara tecnologia para garantir que motorista use máscara

Uber prepara tecnologia para garantir que motorista use máscara

Uber deve tornar uso de máscara obrigatório para motoristas e passageiros de determinadas cidades pare reforça segurança em viagens

Emerson AlecrimPor

Vários países já iniciam ou ensaiam a flexibilização das regras de quarentena e isolamento social. Em função dessa movimentação, a Uber se prepara para registrar um aumento na demanda por viagens em sua plataforma. Mas o cenário atual ainda exige cuidados, por isso, a companhia deve incluir entre as suas medidas preventivas uma tecnologia que checa se o motorista está usando máscara.

Mulher usando máscara - coronavírus (foto: Pixabay)

Especialistas e autoridades de saúde entendem que a proteção facial pode combater o aumento no número de casos de COVID-19 por evitar que pessoas contaminadas, especialmente assintomáticas, transmitam o novo coronavírus ao falar ou espirrar, por exemplo. As máscaras também podem oferecer algum nível de proteção contra a contaminação pelo ar.

É por isso que, em várias localidades, o uso de máscara vem se tornando obrigatório, especialmente em serviços de transporte público. Na Uber, as máscaras poderão ser uma condição para a realização das viagens mesmo em cidades onde o uso dessa proteção permanece facultativo.

Há duas razões para isso. A primeira, óbvia, é diminuir o risco de contaminação pelo coronavírus. A segunda consiste em estabelecer uma relação de confiança: com a obrigatoriedade do uso de máscaras, motoristas e passageiros se sentirão mais seguros para realizar as corridas.

O desafio é assegurar que a adesão à nova política seja massiva. É aí que a tal tecnologia pode entrar em cena. Não está claro como a Uber fará o monitoramento, mas uma possibilidade é a de que o motorista seja obrigado a tirar uma selfie usando máscara antes de iniciar a viagem — a plataforma já possui um sistema de reconhecimento facial para verificação, em tempo real, da identidade do condutor.

Uber

Como a ideia é recente, vários detalhes ainda precisam ser definidos. Um deles é se e como a Uber irá fiscalizar o uso de máscaras pelos usuários, por exemplo. Mas é provável que o foco fique mesmo sobre os motoristas.

Em determinadas localidades, a companhia já disponibiliza máscaras e outros itens de proteção para condutores, mas a nova política poderá ter que ser cumprida mesmo por aqueles que não receberam nenhuma ajuda nesse sentido. De todo modo, a empresa explica que vem tentando aumentar o fornecimento de máscaras.

Com informações: CNN Business.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
3 usuários participando