Início » Celular » Facebook testa Discover, app para internet de graça no celular

Facebook testa Discover, app para internet de graça no celular

Em teste no Peru, Facebook Discover oferece acesso gratuito a páginas web para ampliar conectividade

Emerson Alecrim Por

O Facebook escolheu o Peru para testar uma iniciativa um tanto polêmica: o Discover. Trata-se de um aplicativo que permite ao usuário acessar a web gratuitamente por algum tempo. O serviço só exigirá contratação de um plano móvel (pago) se o usuário acessar vídeo, áudio ou qualquer outro tipo de conteúdo com grande fluxo de dados.

Facebook Discover

Por que a iniciativa tem algum nível de polêmica? Porque desperta desconfiança sobre neutralidade de rede. Em 2016, um projeto semelhante do Facebook chamado Free Basics foi banido de países como a Índia por preocupações sobre o acesso gratuito à internet favorecer apenas determinados serviços online, incluindo a rede social da própria companhia.

As alegações de favorecimento sempre foram negadas pelo Facebook. A empresa dá a entender que iniciativas do tipo visam somente ampliar a conectividade em regiões carentes ou com infraestrutura precária de acesso à internet.

Nesse sentido, o Facebook explica que o Discover foi desenvolvido com base no Free Basics, mas levando em conta recomendações de organizações como a World Wide Web Foundation. Entre elas estão medidas para permitir tratamento igual a todo serviço online que possa ser acessado a partir do aplicativo.

De fato, o Free Basics é limitado a determinados sites enquanto o Discover permite acesso a praticamente toda a web. O controle é feito por meio de uma franquia diária de dados. No Peru, os testes estão sendo feitos com 10 MB por dia para cada usuário.

A quantidade de dados varia conforme determinação da operadora parceira. O Facebook também pretende testar o Discover em países como Tailândia e Filipinas, e estima que, neles, as empresas de telecomunicações oferecerão franquias gratuitas de até 20 MB por dia.

Facebook Discover

É o suficiente para permitir que o usuário acesse algo entre 10 e 40 páginas por dia. Para evitar que o limite diário seja alcançado rapidamente, o Facebook Discover filtra os sites acessados para barrar vídeos, áudios e outros fluxos intensos de dados. O usuário até pode acessar esse conteúdo, mas precisa pagar para isso. Os valores variam conforme o que for oferecido pela operadora.

Para o Facebook, o Discover é especialmente importante no momento atual por possibilitar que mais pessoas se mantenham informadas durante a pandemia de coronavírus (COVID-19).

Histórico de páginas acessadas e outros dados de navegação não são armazenados pelo aplicativo, afirma o Facebook.

Não há informação sobre disponibilidade do Discover no Brasil. O Facebook sinaliza que os resultados dos testes é que vão determinar a liberação da ferramenta para mais países.

Com informações: CNET.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Marcos D. (@marcos_5000)

Bom, esse tipo de recurso as operadoras já oferecem por aqui. Assistir vídeo para liberar uma franquia para acesso a rede.
A TIM tinha, a Claro e a Vivo também…

A TIM, acho que removeu o recurso, já que as últimas vezes que tentei me conectar pelo 3G sem crédito não apareceu mais a opção de assistir vídeo.

Eu (@Keaton)

10MB por dia… que lindo, consigo carregar 1/2 de um artigo do Tecnoblog se usar adblock ou só 1/130 sem. :V (zuera)

mas 10MB é muito pouco…

Henrique Nakade (@Henrique_Nakade)

velocidade ridícula.

@Banana_Phone

Aeroportos também tinham isso, mas hoje em dia a maioria oferece 30 minutos de graça e pede pra pagar para continuar usando.