Tecnoblog
Início » Aplicativos e Software » YouTube Music abre formulário para migração do Google Play Música

YouTube Music abre formulário para migração do Google Play Música

Dados do Google Play Música serão utilizados para as recomendações personalizadas que existem dentro do serviço YouTube Music

O Google começou a permitir que usuários migrem seus dados do Google Play Música para o YouTube Music. A transferência poderá levar segundos ou dias, dependendo da quantidade de informações e elas incluem músicas enviadas para o backup, estações assinadas e canções curtidas ou que o usuário deu um dislike.

O processo, que vem sendo prometido pelo gigante das buscas faz tempo, também significa que o Play Música vai (finalmente) morrer. Nesta transferência, são enviados ao YouTube Music:

  • Recomendações de música
  • Estações
  • Playlists
  • Likes e deslikes em canções
  • Uploads feitos para a nuvem
  • Compras de músicas ou álbuns
  • Informações da biblioteca do usuário

A transferência pode ser rápida ou lenta, dependendo apenas da quantidade de informações que vão trafegar de um serviço para o outro. Ela ainda não está disponível para todos, mas um acesso antecipado pode ser solicitado pelo usuário ao preencher este formulário, que basicamente pergunta qual é a conta do Google que está no Play Música, junto do país onde o acesso é feito.

Um ponto interessante é que todas as informações que migraram serão utilizadas para a composição de recomendações ao usuário, dentro do YouTube Music. Além disso, o limite de upload de músicas na nova plataforma é duas vezes maior do que o Play Música, oferecendo espaço para até 100 mil faixas.

Para quem tem uma biblioteca mais recheada de opções, o próprio Google diz que envia um e-mail avisando que tudo já foi transferido e que é hora de não acessar mais o Play Música – uma notificação em ambos os apps também avisará o usuário. O antigo serviço de streaming de músicas do Google será desligado até o final deste ano, então é importante fazer a transferência o quanto antes.

Com informações: 9to5Google e The Verge.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação