Início » Finanças » Como saber se seu CPF foi usado para pedir o Auxílio Emergencial

Como saber se seu CPF foi usado para pedir o Auxílio Emergencial

Inscrição no Auxílio Emergencial negada por que seu CPF foi usado por outros? Saiba como checar a informação no site Dataprev

Melissa Cruz Cossetti Por
TB Responde

Você teve a inscrição no Auxílio Emergencial negada e recebeu uma mensagem dizendo que seu CPF já foi usado ou que o número do seu documento é inválido? Existe uma maneira de saber se algum pedido foi feito em seu nome, indevidamente. É possível checar se seus documentos foram usados em pedidos de auxílio via inetrnet.

“Este é o canal para consulta ao resultado da análise do Auxílio Emergencial. Por aqui você terá condições de saber se atende aos critérios de elegibilidade para recebimento do Auxílio Emergencial”, informa a página oficial. Siga o passo a passo e o site correto.

App CAIXA | Auxilio Emergencial Topo

Os sites podem ser acessados tanto em computadores quanto em celulares e tablets.

Há dois endereços, que levam ao mesmo serviço:

  • cidadania.gov.br/consultaauxilio
  • consultaauxilio.dataprev.gov.br

Ambos, com .gov.br na URL, fique atento a esse detalhe importante.

SITE DATAPREV AUXILIO EMERGENCIAL : MINISTERIO DA CIDADANIA

Como saber se seu CPF foi usado no Auxílio Emergencial

  1. No computador ou celular, acesse o site consultaauxilio.dataprev.gov.br;
  2. Informe seu CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento;
  3. Marque a opção “não sou um robô”;
  4. Clique/Toque em “Enviar”;
  5. Na próxima tela, você verá o “Resultado do processamento” e as etapas.

Você pode verificar a data de início do processamento que está em seu nome e até o dia em que o resultado dessa análise foi enviado para a Caixa. Além das etapas seguintes.

Há seis possibilidades de resultados entre os resultados:

BENEFÍCIO APROVADO ✅: Significa que o cidadão é elegível a receber o Auxílio Emergencial. A data de envio para a Caixa não representa a data efetiva do pagamento do benefício. O calendário de pagamento dos beneficiários que foram aprovados deverá ser consultado diretamente no site da Caixa (auxilio.caixa.gov.br);

BENEFÍCIO NÃO APROVADO ❌: Significa que o cidadão não é elegível a receber o Auxílio Emergencial. Na mesma tela, é possível verificar qual dos critérios não foi atendido, motivo que causou a sua inelegibilidade ao benefício. Quando o benefício não é aprovado, é possível fazer um novo requerimento e corrigir ou contestar o resultado. Nesse caso, o sistema apresentará na mesma consulta o resultado de ambas análises.

EM PROCESSAMENTO 📨: Significa que o cidadão está tendo, ainda, os dados checados para analisar a sua elegibilidade ao Auxílio Emergencial. Neste caso, são mostradas as datas do requerimento e início da análise, sem previsão de quando será concluída.

REQUERIMENTO NÃO ENCONTRADO 🔎: Caso o requerimento do cidadão ainda não tenha sido recebido pela Dataprev, é mostrada a mensagem “Requerimento não encontrado”. Isso quer dizer que não há pedido no CPF ou que não chegou à análise. Nessa situação, é necessário que o cidadão aguarde a chegada de remessas da Caixa. 

REQUERIMENTO RETIDO ⏳: A mensagem significa que o cadastro foi retido pela equipe de homologação do Ministério da Cidadania em função da complexidade de cenários e cruzamentos e será realizado novo reprocessamento das informações pela Dataprev. O cidadão deve aguardar o resultado da análise pelo aplicativo ou pelos sites oficiais.

DADOS INCONCLUSIVOS 😕: Caso o sistema identifique problemas nos dados do cidadão que impeçam a análise para concessão do benefício, o sistema vai orientar que se realize um novo requerimento no site da Caixa para complementar ou confirmar seus dados cadastrais ou de sua família (principalmente envolvendo dependentes).

Importante: 💥

O site vem enfrentando problemas técnicos por causa do volume de acessos. Uma opção é fazer a consulta em horários alternativos, pela manhã ou durante a noite.

SITE DATAPREV AUXILIO EMERGENCIAL : PROBLEMA TÉCNICO

Outra forma de checar o seu auxílio é no próprio aplicativo do CAIXA | Auxilio Emergencial. Basta que você baixe e toque em “Acompanhe sua solicitação”. Os dados solicitados são os mesmos dos sites acima e você verá as mesmas informações.

Você foi vítima de fraude?

Caso encontre alguma inconsistência no requerimento ou mesmo um requerimento em seu nome que não foi feito por você, é possível fazer uma denúncia pelo canal Fala.Br, integrado à Ouvidoria e Acesso à Informação da Controladoria-Geral da União (CGU).

De posse dos dados seus familiares, você pode centralizar e consultar o andamento dos requerimentos sempre que for necessário. Caso haja novidades, vamos atualizar o post.

Leia também a cartilha do Auxílio Emergencial (em .pdf).

Com informações: Extra e Ministério da Cidadania 

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Fernando Val (@fval)

“Estamos enfrentando problemas técnicos” demonstra claramente que, foi dimensionado – e isso não é uma novidade em serviços online do governo brasileiro – para ser acessado por cidadãos de Tuvalu (e não do Brasil).

@teh

Estamos enfrentando problemas técnicos

Tente novamente em alguns instantes

Felipe Silva (@Felipe_Silva)

Hoje tá funcionando, isso deve rodar no mesmo datacenter da caixa, pq sempre cai junto com os programas da caixa.