Início » Aplicativos e Software » LineageOS com Android 10 chega ao Moto X, Xiaomi Redmi 2 e mais

LineageOS com Android 10 chega ao Moto X, Xiaomi Redmi 2 e mais

LineageOS 17.1 leva Android 10 para celulares Samsung Galaxy, Motorola, Xiaomi, Essential e OnePlus; saiba como instalar

Felipe Ventura Por

O LineageOS 17.1 com Android 10 dá a oportunidade de atualizar celulares que perderam suporte oficial de suas fabricantes, e a lista de dispositivos compatíveis não para de crescer: desta vez, temos o segundo Moto X, da época em que a Motorola era do Google; o Redmi 2, lançado na primeira vez que a Xiaomi esteve no Brasil; e outros modelos Samsung Galaxy, Essential e OnePlus. Ensinamos neste link como instalar o LineageOS e atualizar o seu Android.

Moto X 2014

Moto X (2014)

O Moto X (2014) é a segunda geração do smartphone high-end que a Motorola lançou quando ainda fazia parte do Google; ela foi transferida de vez para a Lenovo no final de 2014. Na época, elogiamos o aparelho por seu custo-benefício imbatível, acabamento premium e Android puro.

Oficialmente, o Moto X de 2ª geração parou no Android 6.0 Marshmallow, mas você pode instalar o LineageOS e atualizá-lo para o Android 10.

O Redmi 2 também é compatível com o LineageOS 17.1: este foi o primeiro celular lançado pela Xiaomi no Brasil, sob o comando de Hugo Barra. Na época, o aparelho foi elogiado pela MIUI e pelo custo-benefício — ele custava R$ 499 quando chegou ao país em 2015.

Minha mãe teve o Redmi 2 por alguns anos. Ele foi atualizado até a MIUI 9, indo do KitKat 4.4 para o Lollipop 5.1 como base. Agora, é possível rodar Android 10 nele, ainda que sem a MIUI.

Vale notar que o Redmi 2 era fabricado pela empresa Wingtech, por isso ele não aparece como um aparelho da Xiaomi na listagem do projeto LineageOS.

Xiaomi Redmi 2

Xiaomi Redmi 2

Mais celulares podem instalar LineageOS 17.1

Estes são os celulares que agora são compatíveis com LineageOS 17.1:

  • Essential Phone
  • Motorola Moto X (2014)
  • OnePlus 2
  • OnePlus 7
  • Samsung Galaxy A3 (2016)
  • Samsung Galaxy A5 (2016)
  • Samsung Galaxy S5 Neo
  • Wileyfox Swift
  • Wingtech (Xiaomi) Redmi 2
  • Xiaomi Mi A2
  • Xiaomi Mi 6X
  • Xiaomi Mi Note 3
  • Xiaomi Redmi 7
  • Xiaomi Redmi Note 5 Pro
  • Xiaomi Redmi Note 6 Pro
  • Xiaomi Redmi Note 7

Vale lembrar que atualmente existem mais de 130 dispositivos que podem instalar o LineageOS 17.1, entre celulares e tablets da Asus, Huawei, LG, Motorola, Samsung, Sony e muitas outras; a lista completa está aqui.

Com informações: XDA Developers.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@teh

Felipe, como sao essas ROMs da LineageOS? Só soltam quando esta 100% pronta ou é igual a ROMs do passado que sempre tinha um ou outro bug existente?

Reginaldo Ribeiro (@Reginaldo_Ribeiro)

Fiz muito isso, já cheguei a comprar celular novo e trocar a rom no mesmo dia! Mas ultimamente, acho que só vale a pena migrar de rom caso tenha um aparelho realmente defasado, 3 ou 4 anos para mais. Os intermediários estão envelhecendo bem, sem muita perda de desempenho, High End então nem se fala, se consegue ficar 3 anos bem tranquilo.

Felipe Ventura (@felipe)

A equipe do LineageOS solta versões nightly (quase) todo dia; pode ter um ou outro bug, mas isso vai sendo resolvido ao longo do processo de desenvolvimento.

Por exemplo, no ano passado, eu instalei o LineageOS 16 (Android 9 Pie) em um Moto Z de primeira geração alguns meses após o lançamento da ROM, e tudo funcionava perfeitamente.

Em abril, dias depois de sair o LineageOS 17.1 (Android 10), eu fiz a instalação nesse Moto Z e o app da câmera não estava funcionando direito; acho que isso deve ter sido resolvido desde então, mas preciso atualizar.

@teh

Acho que estou ficando velho. Isso que eu queria evitar. Nightly toda semana pra corrigir alguma ou outra coisa. Hj em dia fico ate com a ROM defasada mesmo…
Queria que lançassem algo definitivamente estavel com talvez um ou outro bug que o usuário possa ter encontrado e assim ter um ou no max 2 updates pra versão da ROM, como é feito pelas fabricantes.

Felipe Ventura (@felipe)

Eu acho que, se o usuário esperar um ou dois meses após o lançamento da ROM, dá pra instalar só uma vez e usar sem se preocupar. Os desenvolvedores têm interesse em fazer tudo funcionar direito porque eles realmente usam os celulares, então não querem nada quebrado.

Não sei se eu deixei isso claro, mas você não precisa instalar toda versão lançada pela equipe do LineageOS, dá pra permanecer em uma delas sem ficar atualizando o tempo todo. Por exemplo, eu nunca atualizei a ROM do Android 9 Pie no meu Moto Z, só instalei uma vez.

@doorspaulo

Surpreso em ver o Mi Note 3 na lista.
Quem sabe testo no futuro.

Denilson Rocha (@Denilson_Rocha)

Olá, pessoal. Uma pequena correção: O Redmi 2 foi atualizado até a MIUI 9 sim, mas não sempre com 4.4 KitKat como base, chegou ao Lollipop, na verdade. Tenho um aqui, 100% funcional, que uso pra fazer exercícios.

Felipe Ventura (@felipe)

Vou corrigir, obrigado!