Início » Internet » Microsoft troca jornalistas por inteligência artificial

Microsoft troca jornalistas por inteligência artificial

Cerca de 80 cargos em portais da Microsoft serão cortados e substituídos por sistemas de inteligência artificial

Bruno Gall De Blasi Por

A Microsoft automatizará ainda mais os seus portais online: a companhia irá trocar jornalistas por sistemas de inteligência artificial (IA) nos Estados Unidos e Reino Unido. Ao todo, cerca de 80 profissionais responsáveis pela curadoria e edição de conteúdos deixarão a empresa a partir de 30 de junho.

Microsoft - prédio

As primeiras informações sobre o encerramento dos contratos começaram a surgir na semana passada. Segundo o The Seattle Times, cerca de 50 cargos serão cortados nos Estados Unidos. Já no Reino Unido, a cifra é de por volta de 27 postos, de acordo com o The Guardian.

No lugar, os portais online MSN e Microsoft News serão controlados por sistemas de inteligência artificial, cujos robôs estarão responsáveis pelo controle e seleção de conteúdos nos serviços da companhia. Os empregados em regime integral, porém, permanecem na Microsoft.

“Como todas as empresas, avaliamos nossos negócios regularmente. Isso pode resultar em aumento do investimento em alguns lugares e, de tempos em tempos, reimplantação em outros”, explica um porta-voz da companhia.

A Microsoft ainda afirma que os cortes não estão ligados aos impactos causados pelo novo coronavírus (COVID-19). “Essas decisões não são o resultado da atual pandemia”, afirmam.

Com informações: Engadget e The Verge

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
9 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Vítor Gomes Neves Oliveira (@vctgomes)

Isso é o que o futuro nos reserva.

Só fiquei assustado por serem jornalistas. Pensei que essas profissões “pensantes” demorassem mais tempo para serem substituídas…