Início » Computador » PCs Lenovo ThinkPad e ThinkStation terão certificação Linux

PCs Lenovo ThinkPad e ThinkStation terão certificação Linux

Computadores Lenovo ThinkPad e ThinkStation (séries P) serão totalmente compatíveis com Red Hat e Ubuntu Linux

Emerson Alecrim Por

Via de regra, distribuições Linux podem rodar em qualquer PC. Mas, após uma instalação, não é incomum o usuário se deparar com problemas na interface gráfica ou em um driver, por exemplo. Pois bem, a Lenovo acaba de anunciar uma certificação Linux que assegura a compatibilidade do sistema operacional com certos computadores das linhas ThinkPad e ThinkStation.

Não que o Linux seja novidade para a Lenovo. Há algum tempo que a companhia oferece PCs ThinkPad e ThinkStation reconhecidamente compatíveis com esse sistema operacional. O problema é que, até então, apenas alguns poucos modelos recebiam o certificado.

Computador Lenovo com Ubuntu Linux

A partir de agora, vai ser diferente. Com o novo programa de certificação, a Lenovo irá assegurar o funcionamento do Linux em um número mais expressivo de computadores ThinkPad e ThinkStation.

Sendo mais específico, a partir de agora, a Lenovo irá certificar computadores ThinkPad e ThinkStation das séries P — voltados aos segmentos corporativo e industrial — para o Red Hat Enterprise e o Ubuntu LTS.

As empresas que adquirirem essas máquinas saberão, portanto, que estas são totalmente compatíveis com as mencionadas distribuições. Além disso, elas receberão suporte técnico orientado ao Linux por parte da Lenovo, com direito a guias e fóruns. Correções de segurança e atualizações de drivers também estarão entre os recursos oferecidos pela companhia.

Outras distribuições Linux podem ser instaladas, é claro, mas o suporte oferecido pela Lenovo estará concentrado no Red Hat e no Ubuntu. É possível que o Fedora Linux entre para a lista, afinal, computadores ThinkPad com esse sistema operacional pré-instalado começaram a ser vendidos recentemente.

Com informações: SlashGear.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
6 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

DovahShy (@JustMonika)

Na verdade o suporte se estenderá ao Fedora sim também: