Início » Gadgets » Hublot usa Google Wear OS em novo smartwatch de US$ 5,8 mil

Hublot usa Google Wear OS em novo smartwatch de US$ 5,8 mil

Hublot Big Bang e custa até US$ 5,8 mil e traz Google Wear OS e ficha técnica com processador Qualcomm Snapdragon Wear 3100

Bruno Gall De Blasi Por

A Hublot revelou um novo smartwatch de luxo. Trata-se do Hublot Big Bang e, um relógio com Google Wear OS que custa até US$ 5,8 mil. Ou seja: cerca de R$ 30.260 em conversão direta. Ainda não se sabe quando as vendas do gadget terão início.

Hublot Big Bang e (Foto: Divulgação/Hublot)

O Hublot Big Bang e é um smartwatch de luxo. Com diâmetro de 42 mm, o relógio possui um visual esportivo e tela OLED com resolução de 390 x 390 pixels. O gadget ainda é resistente à água (3 ATM).

A ficha técnica do relógio é formada pelo processador Snapdragon Wear 3100, memória RAM de 1 GB e armazenamento de 8 GB. Em relação à bateria, são 300 mAh, cuja capacidade é suficiente para oferecer cerca de um dia de uso, segundo a fabricante.

O relógio sai da caixa com o sistema operacional do Google para wearables, o Wear OS. O diferencial fica pelos watch faces exclusivos da Hublot, como visual de relógio analógico da marca ou até mesmo calendário lunar.

O Hublot Big Bang e estará à venda nas edições titânio e cerâmica, com preços sugeridos de US$ 5.200 (cerca de R$ 27.130 em conversão direta) e US$ 5.800 (R$ 30.260). Segundo a fabricante, o smartwatch é compatível com celulares Android 6.0 em diante e iPhone com iOS 12 ou mais recente.

Este é mais um relógio de luxo com Wear OS apresentado no primeiro semestre de 2020. Em março, a Montblanc e a TAG Heuer também anunciaram seus próprios smartwatches com o sistema operacional do Google, com preços a partir de US$ 1.170 (cerca de R$ 6.105 em conversão direta) e US$ 1.800 (R$ 9.390), respectivamente.

Com informações: The Verge e Android Police

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando