Início » Aplicativos e Software » Google Chrome volta a ocultar URL completa na barra de endereço

Google Chrome volta a ocultar URL completa na barra de endereço

Recurso na versão de testes do Google Chrome 85 oculta partes de URLs na barra de endereços do navegador

Bruno Gall De BlasiPor

O Google retomou os planos para ocultar partes da URL no Google Chrome 85. Disponível somente nas versões de testes do navegador, um novo recurso do browser é capaz de alterar o funcionamento da barra de endereços para exibir somente o domínio de um site, em vez de apresentar o link completo.

Google Chrome 85 oculta partes de URL (Foto: Reprodução/Bruno Gall De Blasi/Tecnoblog)

O Google tenta ocultar partes da URL desde 2018 para impedir golpes a partir de ataques homográficos, que alteram um link de um site legítimo para confundir a vítima e levá-la a uma página falsa. Os planos, porém, foram adiados no mesmo mês após críticas de usuários.

Apesar da suspensão há quase dois anos, o projeto da companhia permanece de pé. Segundo o Android Police nesta sexta-feira (12), tanto o Chrome Dev 85 quanto o Chrome Canary 85 contam com uma nova opção no “chrome://flags” para apresentar somente o domínio de um site.

Conhecida como “Omnibox UI Hide Steady-State URL Path, Query, and Ref”, o recurso, quando ativado, é capaz de esconder partes do endereço, assim como já é feito no Safari. O Google ainda incluiu mais duas opções para controlar o funcionamento do recurso.

Essa é mais uma novidade que o Google Chrome 85 deve trazer aos usuários no futuro. No começo de junho, a companhia disponibilizou melhorias na ferramenta de upload de arquivos no navegador para computadores.

Com informações: Android Police

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@RODRIGO

Eu mesmo gostei! Fica mais bonito e sem aqueles caracteres confusos!!

Leonardo Paulo de Macedo (@leonardopmacedo)

Acho que deveriam realmente habilitar por padrão e deixar a cargo do usuário desabilitar caso não ache interessante.
Assim, quem é leigo não nota a diferença e deixa mais claro o domínio que está acessando, já quem é avançado simplesmente vai e altera.
Enquanto isso, vou usando o Edge hahaha

@RODRIGO

Na verdade, vejo razão para a possível mudança! Fica mais entendível o domínio do site acessado, por exemplo!!

@RODRIGO

Caso lançado na versão final, deixar para habilitar ou desabilitar? Respeitosamente, discordo! O padrão tem que ser único a todos!

Leonardo Paulo de Macedo (@leonardopmacedo)

Eu no lugar da Google deixaria esse recurso habilitado por padrão.
Mas também deixaria a opção de desabilitar, caso queiram. Não precisa impor, quem se incomodar vai e desabilita, quem nem ligar pra isso vai ficar com ela habilitada.
Mas é só minha opinião mesmo…

@RODRIGO

Compreendido!! Não sei, no entanto, esta nova roupagem em URLs poderia deixar mais seguro o acesso, supostamente, copiar o link maliciosamente seria mais difícil! Será?