Início » Internet » Facebook alerta usuário que tenta postar notícia antiga no feed

Facebook alerta usuário que tenta postar notícia antiga no feed

Segundo o Facebook, o objetivo é garantir que os usuários tenham mais informações sobre o que compartilham em seus perfis

Victor Hugo Silva Por

Um dos problemas envolvendo a desinformação na internet é o compartilhamento de notícias que estão fora do contexto em que foram publicadas. Sabendo disso, o Facebook vai alertar usuários que tentarem compartilhar uma notícia antiga no feed. O aviso será exibido para os conteúdos publicados há mais de três meses.

Com a decisão, quando o usuário selecionar o botão de compartilhar em uma notícia antiga, o Facebook indicará há quanto tempo ela foi publicada. Em seguida, é possível prosseguir com o compartilhamento ou desistir da operação. A ideia, segundo a rede social, é garantir que as pessoas tenham o contexto que precisam para tomarem decisões sobre o que publicam em seus perfis.

Em comunicado sobre a mudança, o Facebook destacou que a data em que a notícia foi publicada é um fator importante para ajudar as pessoas a decidirem o que leem, em que confiam e o que compartilham. O alerta sobre conteúdos antigos é uma expansão ao botão de contexto (o ícone “i”), implementado em 2018 para exibir informações complementares sobre as fontes de notícias que aparecem no feed.

O Facebook adianta que, nos próximos meses, vai adotar o alerta antes do compartilhamento para mais situações. A rede social já testa o aviso em publicações com links sobre a COVID-19, em que apresenta mais informações sobre a fonte do conteúdo e sugere ao usuário uma visita à sua central de informações sobre a pandemia.

Facebook é rede social mais usada como fonte de notícias

Por mais um ano, o Facebook foi a rede social mais usada como fonte de notícias no Brasil. Segundo o Reuters Digital News Report, 54% das pessoas no país usam a plataforma para se informar. Em seguida, com 48%, está o WhatsApp, que caiu 5 pontos percentuais em relação a 2019. O YouTube e o Instagram registraram alta de 3 e 4 pontos percentuais, respectivamente.

A rede social tem tomado algumas ações na tentativa de evitar a desinformação. Entre elas, estão a sinalização de notícias falsas em posts e stories; alertas para usuários que interagem com fake news sobre a COVID-19; e a limitação do alcance de grupos que disseminam informações falsas.

Com informações: Facebook.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Rafael Machado de Souza (@rafael.mds)

É um recurso interessante.
Faz poucos dias que uma amiga compartilhou uma noticia sobre uma “Concept Tent”… no entanto já circulam noticias sobre isso desde 2013!!!
Volta e meia aparecem novamente aquelas sobre os pneus que não precisam de ar, air bag de smartphone e outras besteiras.

Vinicius (@vinimaz)

Não sei se é exatamente o que você e o @rafael.mds tavam falando, mas esse Bridgestone DriveGuard é vendido faz um tempo, ele tem ar, mas se fura ainda dá pra continuar andando com ele por um tempo tranquilo

https://www.bridgestonetire.com/tire-brand/driveguard

Rafael Machado de Souza (@rafael.mds)

Não. Pesquisa “pneu sem ar” no google e vai ter video de 2012…
Tão prometendo ele pra 2024.
Tem muita coisa assim. Aquela coisa de “carro voador” é outra que só serve pra gerar visitas em sites.

Eu (@Keaton)

Nah, nem é.800×450 474 KB

Eu (@Keaton)

Esse tipo de coisa demora mesmo pra ser desenvolvido… mas quando sai e funciona, é lindo (e carissimo).