Início » Celular » Apple começa a produzir iPhone 11 na Índia

Apple começa a produzir iPhone 11 na Índia

Apple iPhone 11 é montado pela Foxconn, na Índia; Apple produz iPhone top de linha pela primeira vez no país asiático

Bruno Gall De BlasiPor

A Apple começou a produzir o iPhone 11 na Índia. A geração mais recente do celular da marca norte-americana, apresentada no final do ano passado, está sendo montada pela Foxconn em instalações próximas à Chennai, capital de Tamil Nadu. Esta é a primeira vez que a Apple produz um iPhone top de linha no país asiático.

Apple começa a produzir iPhone 11 na Índia

As informações foram reveladas pelo The Economic Times e pelo TechCrunch nesta sexta-feira (24). Segundo fontes ouvidas pelos sites especializados, ainda que de forma limitada, a Apple já deu a largada na montagem dos celulares na Índia, com direito a algumas unidades enviadas para lojas do país.

A iniciativa tende a trazer vantagens comerciais à Apple, pois reduz em mais de 20% os custos de importação do iPhone 11, o que permite até a diminuição de preços para torná-lo mais competitivo no mercado local, por exemplo. Além disso, segundo o jornal indiano, a montagem do celular na Índia deixa a Apple mais independente da China.

O relato sobre a produção do smartphone na Índia também partiu de uma autoridade local. Pelo Twitter nesta sexta-feira (24), o ministro do Comércio e Indústria, Piyush Goyal, anunciou que a Apple começou a montar o iPhone 11 no país, conforme aponta o TechCrunch.

A Apple ainda considera produzir o iPhone SE (2020) nas instalações da Wistron, perto de Bangalore, no sul da Índia, onde a geração anterior do smartphone foi montada no passado. Atualmente, a companhia taiwanesa produz o iPhone XR no país asiático.

No Brasil, unidades do iPhone XR e iPhone 11 também são produzidas pela Foxconn na fábrica de Jundiaí, em São Paulo, com exceção do iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max.

A Apple não comentou sobre o assunto.

Com informações: The Economic Times e TechCrunch

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando