Início » Brasil » Uber Eats tem golpe dos 10 minutos que deixa clientes sem comida e dinheiro

Uber Eats tem golpe dos 10 minutos que deixa clientes sem comida e dinheiro

Exclusivo: mecanismo do Uber Eats abre espaço para entregadores ficarem com pedido de clientes sem direito a reembolso

Paulo Higa Por

Usuários do Uber Eats estão sendo vítimas de um golpe aplicado por alguns entregadores mal intencionados: o aplicativo informa que o entregador tentou entrar em contato com o cliente e não obteve sucesso, por isso, o pedido foi cancelado depois de 10 minutos, sem direito a reembolso. A comida não é entregue e o dinheiro pago antecipadamente não é estornado pela empresa, conforme apurou o Tecnoblog.

Uber Eats

O aplicativo possui um procedimento padrão para entregas malsucedidas: caso um entregador não encontre o cliente no local indicado, deverá acioná-lo por telefone. A partir daí, uma contagem regressiva de 10 minutos é iniciada. Quando o tempo se esgota, sem a realização da entrega, o pedido poderá cancelado sem reembolso, uma vez que a comida já foi preparada pelo restaurante.

No entanto, golpistas podem ativar o timer de 10 minutos do Uber Eats mesmo sem completar a tentativa de contato telefônico. Nesse caso, a comida não volta para o restaurante, a entrega não é realizada e o entregador fica tanto com o valor da entrega quanto com o pedido da vítima. Ao entrar em contato com o suporte da Uber, clientes não conseguem o reembolso pelo serviço não prestado.

Uber Eats / golpe dos 10 minutos

Suporte do Uber Eats não reembolsa pedidos cancelados

Os relatos do golpe dos 10 minutos existem há meses, mas se intensificaram em meio à pandemia, com o aumento nos pedidos de delivery. O analista de suporte Vinícius Ramos foi uma das vítimas. Ao Tecnoblog, ele comenta que pediu comida em um “restaurante bem próximo” ao condomínio onde mora, mas não recebeu a entrega e nem o reembolso da Uber, que alegou que o entregador seguiu as políticas.

“Estranhei o fato da portaria não ter interfonado, que é o procedimento padrão. Chegando na portaria não tinha nenhum entregador me aguardando, esperei alguns minutos (…) quando peguei meu celular, meu pedido havia acabado de ser cancelado porque o entregador não me encontrou. O fato do restaurante ser próximo é importante, porque o GPS tem uma margem de erro e, mesmo sem ele estar no ponto do endereço, o Uber Eats identifica que esteve lá”, diz Ramos.

Uber Eats / golpe dos 10 minutos

Um caso semelhante foi relatado pelo UX designer Diego Silva. “Detalhe que meu prédio tem porteiro 24 horas, então seria impossível ele ter chegado ao endereço e não ter ninguém para receber o pedido. Tentei contato e o que eles enviam são respostas automáticas, dizendo que o entregador tentou entregar e esperou no local por 10 minutos”, comenta.

Aos clientes afetados, o suporte da Uber explica que os entregadores tentaram contato. “Verificamos seu pedido e não foi possível efetuar o reembolso porque, quando o parceiro de entrega chegou no seu endereço, ele tentou entrar em contato diretamente com você e aguardou por mais de 10 minutos e não teve sucesso”, diz uma mensagem de suporte obtida pelo Tecnoblog.

Uber diz que entregadores podem ser desligados

O Tecnoblog procurou a Uber para comentar o caso. Em nota, a empresa diz que possui medidas de proteção contra fraudes e que o sistema de avaliações é a maneira mais eficaz de mensurar a qualidade do serviço prestado. Segundo a Uber, uma equipe de suporte que funciona 24 horas por dia, 7 dias por semana, pode ser acionada pelo aplicativo e analisará cada caso.

“Parceiros com sucessivas avaliações negativas podem, inclusive, ter as contas desativadas da plataforma. Parceiros que descumprem os Termos de Uso da plataforma (por exemplo, com seguidos cancelamentos injustificados, denúncias de extravio de pedidos ou tentativas de fraude) também estão sujeitos à desativação”, diz a Uber em comunicado.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
24 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Ecliptor (@ecliptor)

Recentemente tive um problema com o UberEats, pois por erro meu, selecionei a forma de pagamento em dinheiro. Entrei em contato com eles pedindo pra debitar no cartão cadastrado ou cancelar o pedido, que eu faria novamente. Me falaram que não poderiam fazer nada e que o cancelamento geraria multa, mesmo que o pedido fosse feito novamente. Pelo jeito, o “modus operandi” do UberEats é esse. Pena que alguns bons restaurantes só operam por ele. Mas desinstalei o aplicativo. Vou ficar com só o iFood mesmo.

imhotep (@imhotep)

Pilantras existem em qualquer lugar.
E sujam o nome de quem trabalha honestamente.

Goku SSGSS (@renatodantas)

No entanto, golpistas podem ativar o timer de 10 minutos do Uber Eats mesmo sem completar a tentativa de contato telefônico.

Corrigir o bug, que é bom, nada, né?

Vinícius (@Lage)

Putz, ai me f**e!
Estou usando só o Eats pq o frete por proximidade, mesmo com taxa, sai mais barato que iFoods, Rappi ou 99.
Até prefiro porque consegue rastrear o motoboy e tal, mas com esse esquema eu realmente pensarei 2x antes de pedir. Suporte fraco assim é osso, precisei do suporte do Rappi umas 3x e fui muito bem atendido, esperava o mesmo no Eats

Jefferson Rodrigues (@Jefferson_Rodrigues)

Quando não consigo resolver um através do sac do uber, abro reclamação no consumidor.gov.br e sempre funciona.

Caio Garcia (@Caio_Garcia)

Passei por situação parecida! Mas no meu caso o restaurante havia feito a comida e o motoboy ficou esperando la para trazer minha entrega…Só que não sei o que aconteceu que minha entrega do nada foi cancelada e na porcaria do app do uber Eats não existe nenhuma opção para reembolso e nem chat para entrar em contato e portanto tive que entrar em contato por TELEFONE, em pleno 2020, para que o reembolso fosse feito. Ifood está a mil anos luz a frente do Uber Eats…sem contar que pagamento com VR pelo uberEats só o do ticket… é bem limitado ainda pelo nome que tem…

Evenor Ferreira de Lima (@Evenor_Ferreira_de_L)

Só motorista da Uber e sempre entrei em contato com suporte da Uber para informa o não contato com o cliente, pois e uma forma que me proteger de clientes mal- intencionados que recebe a comida e coloca que não recebeu e acaba prejudicando nós motoboy.
A publicação está sendo injusta sem tentar ouvir os motoboy que estão na linha de frente. Pois eu mesmo já entreguei pedido para o cliente e o mesmo colocou que não tinha recebido, sorte minha que eu tinha tirado uma foto pra adiciona no wazer. Por favor corrijam sua publicação, pois tem muita gente boa tentando ganhar a vida em cima de uma moto para ser difamado por uma reportagem mal preparada.
Escutem os 2 lados, mas falo de clientes e motoboys.

Flavio Furioto (@Flavio_Furioto)

Cara eu não entendo como alguns clientes finalizam o pedido sem dinheiro, e quer que nós da Uber levamos a máquina sendo que não é permitido pela Uber, marca endereço errado , não atende o telefone e faz o entregador ficar parado feito uma besta em lugar perigos por mais de 10 minutos correndo riscos de ser assaltados ou até mesmo atropelado por que o cidadão não sabe nem se cadastrar , e sem falar quando o cliente SAFADO que já sabe não atende onde ele mora e mesmo assim finaliza o pedido esperando o motoqueiro ir entregar no endereço que ele está, vamos se atentar as reclamações, nem todos que estão falando aqui fizeram certo desde o começo, então não condene uma categoria ou um aplicativo que ajuda e muito a todos , com uma matéria dessas , golpe é ter que sair de casa , e encontrar clientes sem caráter e sem preocupação com o entregador que não ganha por hora e sim por entrega , e ainda mais em um aplicativo que vc pode acompanhar a viajem do entregador até sua casa …

Thiago Mobilon (@mobilon)

@Flavio_Furioto Acho que você não leu ou não entendeu a matéria, então vou tentar resumir aqui:

Alguns entregadores estão se aproveitando de uma falha no recurso dos 10 minutos para aplicar um golpe nos clientes. Eles fingem que estão aguardando o cliente, muitas vezes sem nem comparecerem ao local da entrega. Então quando o tempo termina, eles simplesmente ficam com a comida e também com a taxa da entrega.

A matéria não está condenando a categoria, está apenas expondo uma falha na política do Uber, que permite esse tipo de ação por parte de alguns entregadores mal intencionados.

ㅤ (@Gonnes)

A única coisa que eu quero é que diminua esses 10 minutos para 5. Bando de clientes folgados, fazem o pedido e depois esquece e ainda querem culpar o entregador.
No aplicativo mostra detalhadamente o GPS do entregador justamente para a entrega ser acompanhada. Aí o entregador chega no endereço, não encontra o cliente (que deveria estar no portão esperando), liga para ele, o infeliz não atende, faz o entregador esperar 10 minutos (levando o risco de ser assaltado) e ainda quer ter razão.
Esses tipos de clientes tem que se ferrar mesmo para aprender à respeitar o entregador.

David Almeida (@davidalmeida14)

Trágico! Também fui vítima desse golpe. No entanto, o mais estranho é que o Uber permitiu o entregador habilitar o timer sem ele sequer estar perto do endereço de destino.
No meu caso, ele não saiu das redondezas do restaurante (que fica há uns 5km do condomínio que moro), e em seguida a entrega foi cancelada por esse mesmo motivo.
Por sorte, liguei direto na Uber Eats, fiquei um tempão no telefone explicando o ocorrido e felizmente tive o valor estornado.
Sugiro que, caso percebam tal situação, entrem em contato via telefone com a Uber.

Antonio Vieira (@Antonio_Vieira)

Isso acaba queimando a reputação da empresa e dos entregadores honestos que querem ganhar seu sustento nas plataformas.

André Cardoso (@andre)

por isso que agora sempre que posso entro em contato direto com o restaurante, a maioria já atende por whatsapp, vejo o cardápio em algum app mas o pedido faço direto com eles, normalmente a taxa de entrega é mais barata e se der algum problema eu tenho com quem falar e não fico recebendo respostas automáticas de um robô

Taiana Menezes Flor (@Taiana_Menezes_Flor)

Fui vítima desse golpe!! Moro em condomínio e o entregador propositalmente não tocou nem a campainha. Tentei contato com o atendimento da Uber Eats e nada foi feito, o procedimento foi exatamente como apresentado na matéria… eles dizem não poder fazer nada pq o entregador ‘tentou contato comigo “. O que ele fez na verdade foi tentar ligar, e desligar na hora que prontamente atendi. Registrei o caso no reclame aqui e a empresa não se deu ao trabalho de responder… desde então não fiz mais pedidos por este app. Infelizmente quem trabalha direito acaba sendo penalizado pelos oportunistas.

Estevão Alves (@Estevao_Alves)

Avisei a equipe do Tecnoblog em 27 de abril sobre esse golpe. Dia 28 de julho os caras postam. Antes tarde do que nunca.

Confira aí… Fui no procon e os advogados dos caras contestaram… Falaram q foi problema meu:

Socializetrips com/blog/dicas-apps-viagens/golpe-no-uber-eats-durante-a-pandemia

Exibir mais comentários