Início » Negócios » Governo dos EUA quer parte do valor de possível venda do TikTok

Governo dos EUA quer parte do valor de possível venda do TikTok

Segundo Donald Trump, o Tesouro dos EUA deverá receber "muito dinheiro" para uma eventual operação entre Microsoft e TikTok ser aprovada

Victor Hugo Silva Por

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, comentou sobre a conversa com Satya Nadella, CEO da Microsoft, que demonstra interesse em comprar o TikTok. O republicano afirmou que a rede social chinesa deixará de operar no país em 15 de setembro caso não seja comprada por uma empresa dos EUA. Ele declarou ainda que o Tesouro deverá receber “muito dinheiro” para a operação ser aprovada.

tiktok app icone iphone app store tecnoblog

“Eu disse [a Nadella] que uma parcela muito substancial dessa quantia terá que entrar no Tesouro dos EUA. Porque estamos possibilitando que esse acordo aconteça. No momento, eles não têm nenhum direito, a menos que concedamos a eles. Então, se vamos dar a eles os direitos, esse valor precisa entrar neste país”, afirmou Trump.

Trump indicou que, desde que a compradora seja “grande”, “segura” e “muito americana”, não se importa com qual será a empresa. Em comunicado divulgado no domingo (2), a Microsoft confirmou a conversa entre Nadella e Trump. A companhia informou que discute assumir as operações do TikTok nos Estados Unidos, no Canadá, na Austrália e na Nova Zelândia.

Para o presidente americano, porém, seria importante adquirir toda a rede social, já que, em sua avaliação, seria muito “complicado” ter uma plataforma que é de propriedade de duas empresas. Antes da reunião com Nadella, ele havia indicado que o banimento nos EUA poderia acontecer em 2 de agosto. Agora, concordou em oferecer um intervalo de 45 dias para a Microsoft apresentar sua proposta à ByteDance, proprietária do serviço.

O governo dos EUA aponta há semanas para o interesse de proibir o TikTok sob a alegação de que o aplicativo oferece riscos à segurança nacional e à privacidade dos usuários. Sem dar detalhes sobre a acusação, as autoridades americanas afirmam que a rede social serve como ferramenta de espionagem do governo chinês.

Enquanto a possível venda do TikTok não é confirmada, órgãos americanos mantém regras contra a plataforma de vídeos. É o caso do Marinha, que ainda em 2019 proibiu o uso da rede social entre seu efetivo por avaliar que ela é uma “ameaça à segurança cibernética”. O serviço também foi banido pelo governo da Índia junto com outros aplicativos chineses.

Com informações: TechCrunch.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
17 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Sammy (@Sammy)

“Eu vou ficar com uma parte, afinal… eu vou permitir que você adquira e execute na América”, disse o país que se diz democrático heahuehauehea o estado e suas peripécias.

wesley soares (@wesley_soares)

Minha visão quanto a essa cobrança é absurda, o estado recebendo comissão por obrigar '‘Uma estatização’ praticamente. Beira o surreal, parece coisa de venezuela e afins…
Por um lado eu entendo que as leis da china, principalmente essa de obrigar as empresas a repassar todos os dados para o governo não favorecem eles e deixam os outros países com o pé atrás em fazer negócios com empresas chinesas e será cada vez mais comum este tipo de atitude visto que por trás da cortina o objetivo é tentar frear o crescimento da china.
Por outro, os EUA estão agindo como quando a bolivia se não me engano, nacionalizou as refinarias brasileiras. Ai te pergunto, será que se o TikTok fosse uma empresa brasileira não ocorreria o mesmo? Várias empresas brasileiras quando começam a crescer muito nos EUA, rapidinho passam a enfrentar o anti-trust de lá, embraer já sofreu, jbs, vale… É aquela coisa, capitalismo pra mim, desde que sejam as minhas empresas no seu país, do contrario, deixe eu inventar algo aqui pra você não se dar bem…
Eu quero mesmo é ver os dois países se pegando, nenhum dos dois estão certos. Aliás o próprio EUA espionava todo mundo ai, até os aliados, não tem muito tempo e tão querendo pagar de gatinho agora…

JulioCampos (@juliocesar)

Vejo a Microsoft entrando num beco sem saída. Se recusar, vai ficar mal com o Trump e pode sofrer retaliações (principalmente em contratos com o governo). Se comprar, vai ficar com um produto deslocado com o que a empresa tem se direcionado ultimamente.

JulioCampos (@juliocesar)

Se não me engano, toda empresa da China é obrigada a passar dados para o governo assim que o mesmo pedir. A China cresceu vertiginosamente quando começou a copiar descaradamente tecnologias de empresas estrangeiras com ajuda de ‘espiões’ infiltrados nos EUA. Não é espião comum mas uma forma tão sutil que só agora está sendo revelada (ao público, pelo menos): com rios de dinheiros despejados em instituições de ensino americanas em troca de bolsas para estudantes chineses. Esses estudantes informavam à China projetos de alta tecnologias (e outras áreas) para a China. Esses mesmos estudantes retornavam ao país de origem com bagagem para lançar produtos de alta tecnologias com roubo de projetos americanos. Uma estratégia a longo prazo que foi sucesso para a China. Os EUA tem de se preocupar com isso.

Matt (@hadtohear)

TikTok é uma mina de ouro para a Microsoft

² (@centauro)

Vendo as entrevistas do Trump, eu fico imaginando quão desgastante deve ser ter que negociar com esse indivíduo.
Não porque ele é um bom negociador, mas porque parece que ele conhece nada de nada e acha que pode ganhar tudo no grito.

Breno (@bbcbreno)

Tá no manual do mundo. Apenas o governo dos USA pode espionar o mundo.

Douglas Furtado Gonçalves (@DouglasFurtado)

Os EUA é o lugar da liberdade e da oportunidade, diziam eles…

Eu (@Keaton)

Antes eu até acreditava que era espionagem chinesa, agora acho que é mais um jogo de interesses…

@bkdwt

Do jeito que a MS tem um dedo podre pra esse tipo de serviço, não duvido nada dela botar a mão no tiktok e o serviço ir ladeira abaixo.

² (@centauro)

Algumas pessoas iriam adorar ver o TT morrendo.

Scott (@Lord_Scott)

Um presidente que obriga uma empresa privada a comprar outra empresa e ainda quer ficar com parte do dinheiro da compra. Grande exemplo de livre mercado.

Guilherme Machado (@meioprato)

LAND OF THE FREE…pero no mucho

Uriel (@Uriel)

Foi o Japão que inventou essa técnica(ele aprimorou).

Vc copia, e leva 4 (ou 5)gerações para fazer melhor que copiado!

E a china não cresceu por copiar.
Ela cresceu por saber usar o que tinha(mão de obra barata e educação acima da média)
estratégicamente.

Uma empresa só pode se instalar num lugar que a China quiser.
E este lugar vai ser preparado para o tipo de tecnologia que virá.
Resultando em crescimento naquela região!

Estratégia copiada do Japão pelos tigres asiaticos e posteriormente pela China.Hong Kong; Coreia do Sul; Singapura; Taiwan.
Agora eles só tem coisa de alta tecnologia!

Exibir mais comentários