Início » Aplicativos e Software » Google lança Nearby Share, o AirDrop para celulares Android

Google lança Nearby Share, o AirDrop para celulares Android

O novo método de transferência rápida de arquivos do Google será liberado primeiro para alguns modelos do Pixel e da Samsung

Victor Hugo Silva Por

O Google oficializou seu método de compartilhamento rápido de arquivos entre dispositivos Android. Batizado de Nearby Share, ele é equivalente ao AirDrop, da Apple. O recurso, lançado nesta terça-feira (4), começará a ser liberado para modelos do Pixel e da Samsung, e nas próximas semanas chegará a outros celulares a partir do Android 6.0 Marshmallow.

Com o Nearby Share, é possível transferir fotos, vídeos e outros tipos de arquivos, além de links para sites, com mais rapidez do que por apps de mensagens, por exemplo. O Google explica que, ao abrir o arquivo, basta selecionar a opção de compartilhar e tocar na opção Nearby. Em seguida, o celular busca aparelhos que estão próximos e permite escolher para qual deles a transferência será feita.

O destinatário é notificado e só precisa autorizar a conexão entre os celulares. “O Nearby Share escolhe automaticamente o melhor protocolo para o compartilhamento rápido e fácil usando Bluetooth, Bluetooth Low Energy, WebRTC ou Wi-Fi ponto a ponto [conhecido como Wi-Fi Direto] — permitindo que você compartilhe mesmo quando estiver totalmente offline”, indicou a empresa, ao anunciar a novidade do Android.

Além de agilizar a transferência de arquivos e oferecer uma padronização no Android, o novo método é criptografado, o que, segundo a empresa, garante que informações de contato não sejam compartilhadas para a outra pessoa. O recurso conta ainda com configurações de privacidade para tornar o dispositivo visível para todos os contatos, apenas alguns deles ou ninguém.

Nos próximos meses, o Nearby Share conseguirá transferir arquivos entre celulares Android e Chromebooks. Em seu comunicado sobre o recurso, o Google não informou se e quando ele ficará disponível para outros sistemas operacionais. No entanto, ele possivelmente será compatível com Windows, Mac e Linux, que fariam transferências pelo Chrome.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
8 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Mateus B. Cassiano (@mbc07)

A função chegou a aparecer no meu aparelho enquanto estava no beta, mas agora que foi lançado “oficialmente”, sumiu de novo

Felipe Silva (@Felipe_Silva)

Se não adicionarem essa função de forma automática nos android vai ser mais um app morto da google.

555 (@555)

É automático, vai aparecer sozinho nos aparelhos compatíveis: Android 7 em diante. Não é um app.

Caio Garcia (@Caio_Garcia)

Apareceu aqui pra mim(Samsung) mas por enquanto sem utilidade, apareceu semana passada e não sabia do que se tratava.

Anderson Ramos (@Anderson_Ramos)

Screenshot_20200805-0151381080×2160 124 KB

Motorola moto G6 plus. Como o Android praticamente é 99,9% puro. O recurso tá ativado. Só basta ser Beta no Google play services.

Lucas Cecílio 🏳️‍🌈 (@lukke.ya)

Eu cheguei a testar em beta, mas deve ter sido atualizado novamente para a versão “estável”, e causado esse mesmo erro. Voltou a funcionar depois que reiniciei meu aparelho.

Lucas Cecílio 🏳️‍🌈 (@lukke.ya)

Espero que seja disponibilizado logo para o chrome de windows e linux. Seria uma mão na roda não depender de outras soluções falhas para transferir arquivos e etc. A solução da microsoft de conectar o windows 10 e android é até bacana, quando funciona, mas está longe de ser a ideal.