Início » Negócios » MediaTek vira segunda empresa mais valiosa de Taiwan… por causa dos EUA

MediaTek vira segunda empresa mais valiosa de Taiwan… por causa dos EUA

MediaTek já tem valor de mercado maior que Foxconn; empresa foi beneficiada com sanções dos Estados Unidos contra a Huawei

Paulo Higa Por

A MediaTek acaba de chegar ao segundo lugar na lista das empresas de capital aberto com maior valor de mercado em Taiwan, ultrapassando a poderosa Foxconn e ficando atrás somente da TSMC, empresa de processadores que fabrica para… todo mundo. E um dos principais motivos do crescimento expressivo da MediaTek é um tanto curioso: as sanções dos Estados Unidos contra a Huawei.

Helio M70 5G

Como sabemos, a Huawei enfrenta fortes restrições comerciais impostas pelos Estados Unidos desde o ano passado. Ela não pode fazer negócios com empresas americanas, o que a impede de incluir a Google Play Store em seus celulares Android, por exemplo. Os americanos também fazem pressão para que países aliados não utilizem equipamentos da Huawei em redes 5G.

A situação piorou em maio deste ano. O braço de semicondutores da Huawei, a HiSilicon, é o que chamamos de fabless: ela desenvolve, mas não fabrica os próprios chips — esse processo era feito pela TSMC. A administração Trump determinou que a TSMC não poderia mais fabricar chips para a Huawei, sua maior cliente, porque esse processo depende do uso de tecnologias americanas.

Em resumo, a Huawei não pode usar chips da Huawei em equipamentos da Huawei, por mais estranho que isso possa parecer. E mesmo as fabricantes chinesas de semicondutores, como a SMIC, dependem de tecnologias americanas, por isso não podem fornecer chips à Huawei. Mas por que diabos estamos no quarto parágrafo de um texto sem termos a explicação sobre o crescimento da MediaTek?

Bom, o detalhe é o seguinte: pela interpretação das regras dos Estados Unidos, a TSMC não pode vender para a Huawei, mas pode vender para alguma empresa que, por sua vez, pode vender para a Huawei.

Ou seja, isto não pode:

  • Huawei -> TSMC

Mas isto pode:

  • Huawei -> alguma empresa -> TSMC

“Alguma empresa” é a MediaTek, que já era fornecedora da Huawei e já projetava chips 5G tanto para smartphones quanto para equipamentos de infraestrutura de rede móvel. A Bloomberg revela que o valor de mercado da MediaTek ultrapassou US$ 40 bilhões (o equivalente a R$ 214 bilhões) e que os analistas esperam um aumento de 14% no faturamento da companhia em 2020 e 29% em 2021.

E o bom momento da MediaTek pode ser duradouro: as operadoras chinesas estão avançando no 5G, e as fabricantes de celulares obviamente precisam de fornecedores de modens 5G. A Huawei está impedida de fabricar chips, enquanto a outra grande concorrente no segmento é a Qualcomm, que é uma empresa americana e está no meio de toda essa guerra. Sabe quem pode acabar vendendo mais? Pois é, a MediaTek.

Que coisa, né?

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação