Início » Negócios » Apple One pode reunir múltiplos serviços e ter assinatura mais barata

Apple One pode reunir múltiplos serviços e ter assinatura mais barata

Apple One deve reunir serviços como Apple Music, Apple TV+, Apple News+ em pacotes únicos com valores mais em conta

Bruno Gall De Blasi Por

A Apple pode lançar pacotes de serviços com assinatura mais barata em breve. Segundo a Bloomberg nesta quinta-feira (13), o Apple One, que irá oferecer planos com pagamento único para ter acesso a produtos como o Apple Music, Apple TV+ e Apple News+, entre outros serviços, deve ser anunciado ainda em 2020.

Apple One pode reunir múltiplos serviços e ter assinatura mais barata

Os primeiros relatos sobre os supostos pacotes surgiram em 2019 e ganharam corpo em junho. Segundo informações de bastidores, a empresa pretende oferecer produtos de streaming, jogos e afins em uma única assinatura, com preços mais em conta para manter a fidelidade dos consumidores e atrair novos assinantes.

Agora, fontes a par do assunto ouvidas contam que a nova modalidade de assinatura única, conhecida como “Apple One” nos corredores de Cupertino, deve ser anunciada em outubro. A apresentação está prevista para acontecer junto com o lançamento do iPhone 12, que, segundo a companhia, vai atrasar “algumas semanas” em 2020.

A empresa pretende disponibilizar planos com combinações e valores diferentes para atender públicos distintos. Entre eles está uma opção mais simples, que englobaria somente o Apple Music e o Apple TV+. Há, ainda, uma variante mais cara, formada pelos serviços de streaming música, filmes e séries e o Apple Arcade.

É esperada, também, uma opção mais completa, que além de trazer os serviços citados anteriormente, inclui o Apple News+ e armazenamento extra no iCloud para guardar arquivos, fotos e backups na nuvem.

Plataforma de jogos, Apple Arcade pode ser ofertado em pacote único com outros serviços pelo Apple One

A companhia ainda trabalha em um serviço para oferecer aulas virtuais de atividades físicas em um app para iOS e tvOS, conhecido internamente pelo codinome “Seymour”. O novo serviço deve ser oferecido junto ao pacote mais completo (e, consequentemente, mais caro) de serviços.

Por fim, a fabricante do iPhone permitirá o compartilhamento de assinaturas com outras pessoas, como nos planos familiares, ainda de acordo com o site especializado. Os preços dos novos conjuntos de serviços da companhia, no entanto, ainda não foram revelados.

Não há previsão de lançamento dos pacotes de serviços no Brasil. Atualmente, a empresa oferece o Apple Music, TV+, Arcade e 50 GB de espaço no iCloud por R$ 16,90 (plano individual), R$ 9,90, R$ 9,90 e R$ 3,50, respectivamente, cuja combinação leva R$ 40,20 todo mês do bolso do consumidor brasileiro.

Procurada pela Bloomberg, empresa não comentou sobre o assunto.

Com informações: Bloomberg

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação