Início » Gadgets » Capa de celular com pernas robóticas rasteja até carregador sem fio

Capa de celular com pernas robóticas rasteja até carregador sem fio

A CaseCrawler ainda é um projeto e está longe da produção em massa, mas me assustaria com meu celular caminhando pela casa

André FogaçaPor

Uma equipe de pesquisadores da Coreia do Sul desenvolveu uma capinha de celular chamada de CaseCrawler, que vem com pequenas pernas robóticas e que pode rastejar todo o conjunto em direção de um carregador sem fios. A ideia é bastante semelhante, de certa forma, ao que já fazem os robôs aspiradores mais inteligentes do mercado.

CaseCrawler

Imagine um mundo onde o celular com pouca bateria levanta do chão, tira a poeira dos joelhos e vai até um carregador. Por mais bizarra que possa parecer a ideia, foi o que desenvolveu um grupo de pesquisadores coreanos da Universidade Nacional de Seul, com a CaseCrawler. A capinha tem pernas minúsculas que tremem tudo e conseguem até subir obstáculos que estão na mesa, como um livro.

Claro que ter um motor na capa faz a case ser generosamente grande e pesada, com 82 gramas só para ela e uma área separada para todo o cérebro de músculos que se movem. As perninhas, quando não estão em uso, ficam dobradas para deixar a parte traseira da case reta e o movimento, por mais que seja parecido com uma tremedeira, faz o aparelho andar para frente até parar em uma estação de carregamento sem fios.

A equipe criou uma versão do mesmo motor, só que sem a parte de tentar ser uma case para celulares, que pesa 23 gramas e ela conseguiu carregar um peso de pouco mais de 300 gramas. Isso significa que este motor é capaz de levantar 13 vezes seu peso e 300 gramas é mais peso que a imensa maioria dos smartphones lançados atualmente.

A CaseCrawler ainda é um projeto e está longe de entrar em alguma linha de produção, mas eu certamente ficaria assustado ao ouvir na madrugada o barulho do meu celular caminhando até a tomada. Prefiro fazer tudo na mão mesmo, xô Transformer!

Com informações: Gizmodo e IEEE.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
3 usuários participando