Início » Telecomunicações » O que é uma MVNO?

O que é uma MVNO?

Saiba o que é MVNO, as diferenças para uma operadora móvel tradicional e os benefícios desta tecnologia para os usuários

Ricardo Fraga Por
TB Responde

Quando se pensa em operadora de telefonia móvel, normalmente, imagina-se toda uma infraestrutura robusta com torres e antenas espalhadas por toda a cidade, além de toda a parte burocrática relacionada às licenças necessárias para operar. Mas, nem tudo é o que parece. Entenda o que é uma MVNO e como ela pode nos beneficiar.

O que é uma MVNO?

O que é uma MVNO?

Uma MVNO, sigla em inglês para mobile virtual network operator, é uma operadora de rede móvel virtual que, basicamente, compra o direito de utilizar parte da infraestrutura oferecida por uma ou mais operadoras móveis (essas sim, com torres e antenas).

Sendo assim, uma MVNO não precisa se preocupar em fazer investimentos pesados em torres e antenas, como também não conta com espectros de radiofrequência, ficando responsável somente pela comercialização e faturamento do serviço, além do atendimento aos clientes.

Benefício para o usuário

Ao comprar, no atacado, grande quantidade de minutos e dados, por exemplo, uma MVNO pode praticar preços competitivos em relação às grandes operadoras móveis.

Outra vantagem é que, ao atender um número significativo menor de usuários, ela pode comercializar planos mais adequados à suas necessidades, além de oferecer um melhor atendimento, que é uma das principais reclamações por parte dos usuários das grandes operadoras.

MVNE e MVNA

Diferentemente de uma MVNO, a MVNE (acrônimo de mobile virtual network enabler) é uma operadora móvel com rede. É ela que cuida de toda a sua infraestrutura e vende o serviço para a MVNO.

A MVNA (acrônimo de mobile virtual network aggregator) é uma agregadora/facilitadora de operadoras móveis virtuais. Ela faz o “meio de campo” entre as MVNEs e as MVNOs, comprando grande quantidade de serviço das operadoras físicas e vendendo para as operadoras virtuais.

MVNO no Brasil

No Brasil, há muitas operadoras de rede móvel virtual, mas muitos clientes não sabem distingui-las das operadoras “tradicionais”. A maior delas em operação é a Correios Celular, que pertence aos Correios e utiliza a infraestrutura da TIM.

Uma outra MVNO a operar no país é a Americanet, que oferece o serviço exclusivamente a pessoas físicas. A operadora de banda larga fixa atua em alguns municípios do estado de São Paulo e, também utilizando a infraestrutura da TIM, oferece planos de telefonia móvel, alguns deles com roaming internacional sem custo em mais de 100 países.

MVNO no mundo

Fora do Brasil, é mais comum encontrar MVNOs com os mais variados públicos. A Telcel América, por exemplo, utiliza a rede da T-Mobile e tem planos interessantes para estrangeiros e imigrantes, com ligações ilimitadas para números do Canadá, China, Índia e México.

A H2O Wireless, que utiliza a rede da AT&T, comercializa planos com velocidade limitada a 8 Mb/s. Também é comum ter operadora de rede móvel virtual que não permite o compartilhamento da conexão do smartphone com outros dispositivos (função Roteador ou Acesso Pessoal), uma forma de minimizar o tráfego e garantir um custo menor de operação.

Conclusão

Além de ampliar a oferta de planos cada vez mais dentro das necessidades dos usuários e com preços, normalmente, competitivos, as MVNOs tendem a oferecer um melhor atendimento aos clientes.

Todavia, é bom ficar atento às características dos planos antes de contratar o serviço de uma operadora virtual, principalmente em possíveis limitações, para não ficar insatisfeito depois.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação