Início » Internet » Airbnb proíbe estadias para mais de 16 pessoas

Airbnb proíbe estadias para mais de 16 pessoas

Limite de 16 pessoas do Airbnb é válido até em acomodações que comportam mais gente; festas também foram proibidas

Emerson Alecrim Por

O Airbnb foi duramente afetado pela pandemia de coronavírus (COVID-19), mas a plataforma vem, aos poucos, retomando as suas operações. Há mudanças, porém. Uma delas foi anunciada nesta quinta-feira (20) e consiste em limitar a 16 o número de pessoas permitidas em uma acomodação. Outra é a proibição de festas.

As novas medidas são válidas no mundo todo e visam coibir aglomerações e eventos que poderiam facilitar uma eventual propagação do coronavírus. O Airbnb poderá abrir exceções para o limite de 16 pessoas apenas a alguns estabelecimentos muito específicos, como hotéis-boutique.

Airbnb

No que diz respeito a festas, o Airbnb já tinha limites para esse tipo de evento. Antes da pandemia, pequenas celebrações para chás de bebê e comemorações de aniversário, por exemplo, podiam ser permitidas pelos anfitriões (donos dos imóveis), desde que tivessem tamanho adequado ao local e respeitassem as regras da vizinhança.

De acordo com Airbnb, 73% de todas as acomodações da plataforma já indicavam proibição de festas sem autorização prévia na área “Regras da casa”.

Após a pandemia, filtros que permitiam localizar acomodações que liberavam festas e celebrações semelhantes, como “amigável para eventos”, foram removidos da plataforma. Note que a proibição para esses eventos é válida mesmo em regiões que não têm regras restringindo festas e aglomerações.

De modo complementar, o Airbnb também adicionou uma regra em suas políticas que determina que os usuários cumpram as recomendações locais de saúde pública relacionadas à COVID-19.

Ainda de acordo com o serviços, os usuários da plataforma serão informados sobre as novas condições e consequências legais cabíveis em caso de descumprimento.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
2 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Tech Nerd 🤓 (@technerd)

Engraçado como até no mundo dos aplicativos de compartilhamento a pirâmide social fica evidente, explico:

iFood e Rappi são a base

Uber o meio

Airbnb o topo

Deve existir o topo do topo, mas desconheço tal aplicativo pq sou classe mérdia.

Notem, principalmente aqui no BR, quem são os entregadores e quem aluga pelo airbnb.