Início » Jogos » Rocket League será free-to-play a partir de 23 de setembro

Rocket League será free-to-play a partir de 23 de setembro

Rocket League passa a ser free-to-play e também será lançado na Epic Games Store, com benefícios para quem resgatar o jogo

Felipe Vinha Por

O jogo Rocket League passa a ser gratuito, ou free-to-play, em 23 de setembro, tanto no PC, quanto para PS4, Switch e Xbox One. A novidade já havia sido mencionada anteriormente, mas agora temos todos os detalhes de como isso vai funcionar e a data de estreia.

Rocket League será free-to-play a partir de 23 de setembro / Divulgação / Epic Games

Uma atualização será lançada no dia 16, às 14h (horário de Brasília), para preparar o terreno da gratuidade.

Esta atualização vai permitir que os jogadores vinculem suas contas com uma conta da Epic Games, principalmente, deixando o sistema parecido com o de Fortnite. Quem for usuário pago do game vai receber itens de brinde e outras melhorias também devem entrar em vigor.

Assim, em 23 de setembro, Rocket League será lançado na Epic Games Store para PC, gratuitamente. Quem baixar por lá receberá o aprimoramento Raio de Sol e os itens Pedras Quentes. A nova versão também trará o primeiro Passe de Temporada do jogo, com itens e benefícios desbloqueáveis.

O jogo contará ainda com um evento inédito, chamado Llama-Rama, inspirado em Fortnite, pouco tempo após seu relançamento no dia 23. Mais detalhes sobre o evento serão divulgados pela Epic e o estúdio Psyonix.

Por fim, quem jogar Rocket League no Switch e PS4 não precisará das assinaturas Nintendo Switch Online e PlayStation Plus para usar o multiplayer. O mesmo não vale para o Xbox One: será necessário assinar a Live Gold para aproveitar o jogo em rede.

Rocket League é um jogo de competição que mistura carros de corrida com futebol. O jogador precisa controlar seu veículo e marcar gols para seu equipe, enquanto protege o próprio gol. É possível personalizar os carros e usar habilidades e estratégias para vencer. O game possui modo offline, mas é no multiplayer que mora o verdadeiro desafio.

Com informações: Rocket League

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Vinicius Vicentini (@ViniciusHVC)

Esse modelo de negócio baseado em Passe tem se tornado cada vez mais comum nos games

Jhonny (@jokalokao)

Não é pay to win (na maioria dos jogos), gera uma boa receita pra empresa e mantém um bom número de usuários ativos. Foi bom acerto.

Jedielson (@Jedielson)

Eu não acho ruim não, confesso que se não fosse pelo Game Pass eu não jogaria o jogo, mas gratuito eu daria uma nova chance com certeza. Eu não gasto com itens, mas quem gasta acaba mantendo o jogo e dando mais receita que se fosse pago, por exemplo.