Início » Internet » Facebook promete limitar conteúdo se eleição dos EUA gerar caos

Facebook promete limitar conteúdo se eleição dos EUA gerar caos

Facebook traçou planos para coibir manifestações danosas na rede social durante eleição presidencial dos EUA

Emerson Alecrim Por

A próxima eleição presidencial dos Estados Unidos está marcada para 3 de novembro e, naturalmente, o assunto começa a ganhar destaque nas redes sociais. As discussões devem ficar mais intensas nas próximas semanas, mas o Facebook já avisou: se o assunto gerar “caos” na rede social, poderá restringir a circulação de conteúdo político ou ligado ao tema de alguma forma.

Facebook

Quem deu o recado é Nick Clegg, líder de assuntos globais do Facebook, em entrevista ao Financial Times. Há uma boa razão para a companhia manifestar preocupação com o assunto: a rede social foi acusada de não fazer o suficiente para evitar a propagação de conteúdo manipulativo na eleição presidencial de 2016, o que teria inclusive favorecido Donald Trump.

As declarações polêmicas do atual presidente dos Estados Unidos, a guerra comercial travada contra a China e os efeitos da pandemia estão entre as pautas que devem ter grande peso sobre a próxima eleição. O problema é que esses e outros tópicos podem transformar o Facebook em um “campo de batalha”.

Clegg explica que a companhia traçou planos para lidar com diversos cenários relacionados à eleição que poderiam repercutir caoticamente dentro da rede social, por exemplo, agitação civil generalizada e “dilemas políticos” relacionados a votos presenciais contados mais rapidamente do que votos por correios (uma opção importante para estes tempos de pandemia).

Não está claro como esses planos vão funcionar, mas é pouco provável que Nick Clegg esteja blefando sobre eles. As redes sociais, sobretudo o Facebook, enfrentam grande pressão para controlar o conteúdo político relacionado à eleição.

Donald Trump / foto por Gage Skidmore/Flickr

O temor é o de que as redes sociais sirvam de palco para a desinformação, incentivo a protestos violentos, manifestações de ódio, repressão eleitoral e por aí vai. Não que esses problemas sejam inéditos para o Facebook, mas, dado o momento político, teme-se que eles alcancem proporções nunca antes atingidas.

Uma fonte próxima ao Facebook informou que a companhia tem planos para lidar com cerca de 70 cenários diferentes. Pode parecer exagero, mas a próxima eleição presidencial tem tudo para ser bastante conturbada. Entre as preocupações atuais está até a de que Donald Trump recorra às redes sociais para convocar protestos vigorosos em caso de resultados desfavoráveis a ele.

O Facebook já havia anunciado medidas para conter desinformação ou manipulação política, mas as declarações de Nick Clegg dizem respeito a situações extremas que, como tal, exigirão reações enérgicas. Por conta disso, toda decisão de alto risco caberá unicamente a um time de executivos do alto escalão do Facebook, incluindo o próprio Clegg.

Com informações: Ars Technica.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Helliton Soares Mesquita (@Helliton_Soares_Mesq)

No inicio falaram que com a internet, finalmente o povo poderia exercer sua opinião.
Porém descobriram que a opinião popular é totalmente diferente da opinião deles.
Depois acusaram golpe, desinformação e muitas coisas que nem fazem sentido, como roubo de dados para manipulação.
Agora vão começar restringir a internet. E sinceramente o povo vai preferir isso, vai ser igual em Cuba que o pessoal faz uma rede improvisada para jogar multiplayer e pra evitar ficar sem a rede, o próprio pessoal censura quem fizer comentários políticos.

ochateador (@ochateador)

Só proibir as pessoas de postarem qualquer coisa nova até o dia 1 de janeiro.
Já resolve meio problema.

Sérgio (@trovalds)

A restrição está acontecendo (e vai piorar) nas plataformas de comunicação mais populares. Existem outras plataformas que incentivam a livre manifestação de fato (claro, coibindo os excessos de fato). Enfim, oposição a Trump já está começando a se articular para coibir as manifestações a favor do presidente e candidato.

Particularmente duvido que o Trump não leve a reeleição.

sir kazu (@Duko)

nenhum direito é absoluto, ninguém tem liberdade de expressão para cometer crimes.

então se entendi bem, vc acha que qualquer pessoa pode usar discurso do ódio e cometer crime no internet que quiser? ou seja soltar palavras de ódio contra pessoas na internet indiretamente ou diretamente tipo criar grupo virtual tipo partido nazista virtual e ser extremista que quiser na internet por causa de liberdade de expressão mesmo que possa machucar minorias e que cause caos via comentários políticos que atentem contra democracia.

ou seja querem ter própria democracia onde podem soltar discurso do ódio e ter opinião que possa ferir os minorias que rebaixe os pessoas de forma cruel, então quer a internet não tenha as leis e censura que combate discurso do ódio que se espalha em forma de câmara de eco, agindo de forma livre sem se preocupar com leis e censura soltando palavras cruéis contra pessoas e causando caos na internet? é isso que vc gostaria e deseja isso?

usar cuba não tem fundamento lógico, mas prefere a época da Alemanha nazista onde podia soltar palavras odiosas e fazer saudação odiosa e quer isso nos dias modernos com internet atual onde possam fazer isso de forma livre certo?

Helliton Soares Mesquita (@Helliton_Soares_Mesq)

“usar cuba não tem fundamento lógico, mas prefere a época da Alemanha nazista onde podia soltar palavras odiosas e fazer saudação odiosa e quer isso nos dias modernos com internet atual onde possam fazer isso de forma livre certo?”

O que tem em comum na Alemanha Nazista e Cuba? Falta de liberdade de expressão, restrição a divulgação de idéias. A história prova, restringir idéias é mais perigoso do que ter idéias radicais.

A Alemanha Nazista você poderia fazer qualquer saudação? Falar mal do ditador? Era qualquer palavra odiosa? Era permitido não seguir normas e regulamentos abusivos? Então não faça comparações bobas. Restrição a discussão e idéias é pior. Porque são elas o que geram governo abusivos e não a liberdade de dize-las.

sir kazu (@Duko)

entendo que a Restrição a discussão e ideias criam problemas, porém ás vezes existem ideias perigosas possam causam problemas e levar ao ditadura…

por exemplo vamos promover ataques ao minorias é isso que os extremistas da direta tentam ter ideias perigosas com esse lógica: promover ataques contra minorias e ter liberdade de expressar discurso do ódio na internet e na vida real em ações e palavras vc acha que é justo deixar os pessoas expressar ideias perigosas que atentem contra democracia?

Helliton Soares Mesquita (@Helliton_Soares_Mesq)

Sim e não. Sim, no sentido que o conceito de democracia atualmente está deturpado. No Congresso deputados defendem o direito de roubar, como se fosse peça importante da Democracia. Restringe a vontade popular porque ela não é democrática e o supremo defende seus atos abusivos e anti-democráticos como se criticar fosse defender a Democracia.

Não, quando você sabe que Democracia é considerado errado, e está confundindo a democracia com a virtudes proposta pela ideia de Republica, já que Democracia sempre foi considerado na história como autoritarismo.
Porém, apesar dos pais fundadores do EUA, odiarem a Democracia e amarem a Republica. As pessoas confundem uma coisa com outra. Pior, a distorção é tão grande, que basicamente Democracia hoje em dia, virou defender o direito de quem tem privilégio ou um cargo publico. Então caso, seja esse conceito positivo de Democracia, termo que já foi deturpado, eu sou contra idéias que atentem contra a Democracia. Como o Nazismo, Socialismo e Comunismo. Mas veja ninguém está perseguindo Comunistas ao defender a Democracia, pelo contrário. Então infelizmente nem posso dizer que tipo de Democracia você está defendendo. Eu mesmo prefiro nem usar o termo, era errado no passado e continua errado hoje.

sir kazu (@Duko)

eu digo que tipo de democracia: é todo mundo conviver em paz sem os extremistas ameacem e instalem o autoritarismo ou totalitarismo…tendo respeito entre pessoas apesar de pessoas tentarem atentar contra diretos humanos e eleições livres que deverão ser julgados pela justiça de acordo com constituição, vc parece gostar de autoritarismo ou totalitarismo, já que a democracia não é mais válido hoje em dia…certo? mas maioria dos países não aboliram a democracia hoje em dia…infelizmente tem países que aboliram a democracia por entenderem que o conceito de democracia que já está deturpado como vc disse correto?

Helliton Soares Mesquita (@Helliton_Soares_Mesq)

Novidade pra você. Republica Democrática do Congo, Republica Democrática da Coréia, Republica Popular da China, eles não aboliram a Democracia por entender que está deturpado. Pelo contrário, se dizem defensores da Democracia. Assim como Stalinistas que defendem a Democracia.

O que fazem hoje em dia, é zoar com a cara da ignorância. Eles lerem os livros históricos, explicando que democracia é regime abusivo. É a velha classificação:
Monarquia - Autocracia.
Aristocracia - Oligarquia.
Republica - Democracia.

Eles, defendem a democracia porque entendem que é justamente sinônimo de ditadura, mas a pessoa que ouve acha que está defendendo algo bonito. Por isso eles defendem a democracia com unhas e dentes.

Helliton Soares Mesquita (@Helliton_Soares_Mesq)

Observação importante. Os regimes autoritários, abolem ou restringem a liberdade de expressão. Ou seja a discussão de idéias. Lembrando idéias é diferente de ataques pessoais. Mas para isso já tem lei.

sir kazu (@Duko)

só que sistema comunismo e socialismo não eram pra ser instalados como sistema político mas eram uma forma de criticar o sistema capitalista ditos pelo karl marx. só que os ditadores viram uma forma de usar e instalar a ditadura fodendo a critica de karl marx.

faz tempo que perdeu o sentido de criticar o capitalismo usando socialismo e comunismo, esses países são últimos que tentam usar esse sistema de comunismo e socialismo, qnt ao república é uma sistema do governo que são usados pelo maioria dos países, vc tenta usar para depurar Republica sabendo que tem países autoritários que usam de forma falsa: Republica…se acha Republica ruim, qual é sua proposta para criar novo sistema que não seja utópico?

sir kazu (@Duko)

mas as ideias pode evoluir para ataques ao democracia em grupos isso tem risco sabia? quando a pessoa não gosta de país ter eleições livres e então tenta criar ideia e forma grupos tentando fomentar eleições ilegais com fraude, por isso é preciso ter cautela em relação de ídeia qnd se trata de não querer democracia.

sir kazu (@Duko)

Eles, defendem a democracia porque entendem que é justamente sinônimo de ditadura só que em maioria dos países não concordam com isso e são poucos países que estão em ditadura usam isso.
vc quer que vivamos em ditadura que é sinônimo de democracia?

Helliton Soares Mesquita (@Helliton_Soares_Mesq)

Olha, o próprio Marx sabia e foi alertado que suas idéias seriam usadas para perseguir e matar pessoas. Ele foi avisado em vida, ele pregou algo pra melhorar a vida das pessoas, ele mentiu inclusive em dados claros pra pregar suas idéias. Por exemplo, ele citou a desigualdade, porém não disse que o pobre antes vivia pior.

Helliton Soares Mesquita (@Helliton_Soares_Mesq)

Ditadura é sinônimo de Democracia. Só não percebe quem não quer.

Exibir mais comentários