Início » Carro » Elon Musk revela bateria da Tesla para carros elétricos a preço menor

Elon Musk revela bateria da Tesla para carros elétricos a preço menor

Células Tesla 4860 prometem maior alcance e potência, além de redução no custo de fabricação de carros elétricos

Ana Marques Por

Elon Musk acaba de dar mais um passo para a popularização de carros elétricos. Em um evento chamado de “Battery Day” (“Dia da Bateria”, em tradução livre), o CEO da Tesla anunciou uma nova tecnologia de bateria que promete maior alcance e potência para os veículos da empresa – e pode afetar também no preço de vendas dos automóveis.

nova bateria da Tesla

Nova bateria pode proporcionar menor custo de fabricação

As células cilíndricas chamadas de 4860 medem 48 milímetros por 60 milímetros – sendo, portanto, maiores do que os componentes atuais. A expectativa é de que a nova bateria entregue cinco vezes mais energia e uma potência de saída seis vezes maior. Desse modo, os automóveis podem ter aumento de 16% em alcance.

De acordo com Musk, a tecnologia está passando por uma fase piloto e “perto de funcionar”. Sua evolução poderá permitir à empresa vender carros elétricos a preços equiparáveis aos veículos movidos à gasolina, já que o processo também implica em uma redução de 14% no custo por kWh.

Para fins de comparação, em  2019, as bateria da Tesla custavam cerca de US$ 126 por kWh. O esperado é uma economia de cerca de US$ 2.300 por veículo nos próximos três anos.

gráfico de custo por kwh - Tesla

Elon Musk fala sobre fabricação própria e crescimento

Atualmente, a Tesla compra bateria da Panasonic, da chinesa CATL e de outras fabricantes – mas a alta demanda encontrou alguns gargalos em 2018, o que gerou críticas ao ritmo de produção da companhia japonesa.

O evento desta terça-feira (22) também serviu para anunciar que a empresa pretende começar a fabricar suas próprias células de bateria na Alemanha e na Califórnia. No entanto, a compra de baterias não deve acabar tão cedo – ao contrário, espera-se que a Tesla passe a comprar ainda mais de seus parceiros.

Para atingir as metas futuras de uso de energia sustentável, Musk afirma que “o mundo precisa produzir 10 terawatts-hora de energia por ano”, quantidade que é 100 vezes maior do que a capacidade atual de produção da Tesla.

A companhia deve ter crescimento entre 30% e 40% em 2020, números que o CEO considera excelentes considerando que este foi o “ano mais difícil” enfrentado desde sua criação, devido às questões que envolvem a pandemia da COVID-19.

Com informações: Verge e Business Insider

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação