Início » Carro » Sem Parar Pay faz pagamento de pedágio via Bluetooth do celular

Sem Parar Pay faz pagamento de pedágio via Bluetooth do celular

Sem Parar Pay pode ser comprado via aplicativo; motorista vai até a cabine e avisa ao funcionário que vai pagar com o celular

Felipe Ventura Por

O Sem Parar lançou um novo serviço que permite pagar o pedágio sem usar dinheiro vivo nem instalar um dispositivo no carro: trata-se do Sem Parar Pay, que se conecta ao celular via Bluetooth para fazer a cobrança na sua conta. O recurso está disponível para motoristas no Rio Grande do Sul.

Pedágio

Pedágio CCR ViaSul de Montenegro, no Rio Grande do Sul (Foto: Divulgação/CCR)

Existem diversas empresas que oferecem pagamento automático de pedágio, incluindo o C6 Bank (Taggy), Veloe, ConectCar e o próprio Sem Parar. Você instala um dispositivo no veículo que libera a cancela em pistas dedicadas.

No caso do Sem Parar Pay, é diferente. “O foco é atender a demanda de motociclistas e consumidores que usam as praças de pedágios com menor frequência”, explica a empresa em comunicado. Isso estava em testes desde fevereiro e foi lançado nesta semana de forma oficial.

Como funciona o Sem Parar Pay

Após baixar o aplicativo do Sem Parar, o usuário seleciona a opção Comprar Online e depois toca em Comprar Sem Parar Pay. (Isso está disponível apenas no RS.) Você escolhe a forma de pagamento e, após a inclusão, aguarda até 6 horas para começar a usar.

Chegando ao pedágio, o usuário se dirige a uma das cabines manuais e avisa ao funcionário que vai pagar com essa modalidade. O Bluetooth precisa estar ativo no celular, e o app tem que estar instalado e logado na sua conta. Não será necessário manusear dinheiro nem recibo, porque o comprovante é digital.

Sem Parar Pay

O serviço está disponível para pessoas físicas em veículos de passeio ou motocicletas, limitado a um Sem Parar Pay por CPF, e não é aceito em pistas de pagamento automático. Ele pode ser usado nas seguintes praças de pedágio da CCR Via Sul:

  • Praça Victor Graeff
  • Praça Fontoura Xavier
  • Praça Paverama
  • Praça Montenegro
  • Praça Gravataí
  • Praça Santo Antônio da Patrulha
  • Praça Três Cachoeiras

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
12 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@doorspaulo

Sem parar, mas tem que parar.

Luiz C. Eudes Corrêa (@Eudes)

Melhor por uma maquininha de cartão penduraria na cabine e pagar via NFC com cartão de crédito, débito ou carteiras digitais.

Guilherme da Silva Manso (@GuilhermeManso)

Vim aqui só para isso. rs

seinper capi (@seinper_capi)

Parar para usar o sem parar.

Sérgio (@trovalds)

Bem isso. Daí o Bluetooth do celular buga e tu acaba tendo que pagar de outra forma.

Mais interessante seria adotarem débito usando contactless, que pode tanto ser usado de celular com NFC como cartões com o recurso. Como o valor dificilmente ultrapassa R$ 50, dispensa digitar senha (não sei se já existe algo do tipo).

John Biancato (@John_Biancato)

Você escolhe a forma de pagamento e, após a inclusão, aguarda até 6 horas para começar a usar.

@doorspaulo

Tudo isso por causa da burocracia da tag ser atrelada ao veículo.
Se fosse possível tirar e pendurar no retrovisor de outro carro, seria perfeito, sem complicações.

imhotep (@imhotep)

A grande vantagem nesse caso é não precisar de dinheiro. É muito chato ficar separando trocado pra pagar pedágio.

Pra quem não passa por pedágio toda hora, é uma forma de agilizar.

Mas um cartão NFC ou smartphone com o recurso teria o mesmo resultado.

@RODRIGO

Não, @trovalds! O limite sem senha para NFC foi aumentado para 100 reais! Informação no tecnoblog: https://tecnoblog.net/350917/cartoes-com-nfc-farao-pagamento-de-ate-r-100-sem-senha/

Mickey Sigrist (@Mickey)

Ter que aguardar até 6h é terrível, hein? O plano com recarga automática do Conectcar disponibiliza o crédito quase que instantaneamente depois que atinge o limite mínimo, muito mais prático.

Daniel Plácido (@Daniel_Placido)

Eu colei a Tag do meu num acrílico e levo no carro que quiser, quando vou viajar so coloco ela em cima do painel quando vai passar num pedagio.

@teh

Achei que o sem parar era vinculado a placa do carro

@teh

Estou com a TAggy do C6 e adorando. Sem assinatura, mesmo preço do pedagio comum e ainda tenho vantagens pro meu TIM.

@doorspaulo

Não tem um “cara-crachá” com a placa do veículo?
Se não tiver, é genialmente simples esse método.

Daniel Plácido (@Daniel_Placido)

Pelo menos da Veloe só tem o nome da empresa escrito e nada mais! Pura burocracia quererem atrelar a tag à um veículo.