Início » Antivírus e Segurança » Código-fonte do Windows XP e Server 2003 vaza na internet

Código-fonte do Windows XP e Server 2003 vaza na internet

Além do Windows XP e Server 2003, códigos de sistemas mais antigos da Microsoft estão sendo distribuídos via torrent

Emerson Alecrim Por

Apesar de se mostrar cada vez mais simpatizante do open source, a Microsoft não abriu o código-fonte do Windows XP. Porém, o código do sistema tem sido distribuído indevidamente via torrent nos últimos dias. O vazamento também afeta o Windows Server 2003. A Microsoft já investiga o problema.

Windows XP

O responsável pela distribuição afirma ter passado os últimos dois meses montando um pacote de códigos vazados. Não está claro como esse vazamento aconteceu. O que se sabe é que o conjunto foi colocado para download via torrent no 4chan.

São 43 GB de dados. Eles incluem os códigos do Windows XP SP1, do Windows Server 2003 e de outros sistemas operacionais antigos da Microsoft, como o Windows 2000, o Windows NT 4.0 e o DOS 6.0.

Curiosamente, os arquivos também incluem conteúdos com teorias conspiratórias contra Bill Gates. Também está em circulação um pacote menor, com aproximadamente 3 GB, que contém apenas os códigos do Windows XP e do Windows Server 2003.

Outro detalhe que ainda não está claro é se os códigos são completos. De todo, o The Verge sinaliza que o material é legítimo, razão pela qual o vazamento representa um importante problema de segurança.

Arquivos do vazamento

Arquivos do vazamento (imagem: @RoninDey)

Primeiro porque os códigos são altamente sigilosos e, por isso, o incidente indica que a vigilância da Microsoft vazou de algum modo. Segundo porque, embora o Windows XP tenha tido o seu suporte descontinuado em 2014, o sistema operacional pode conter códigos que são usados nas versões atuais do Windows, embora o risco de complicações a partir disso seja baixo.

Por ora, a Microsoft informou apenas que está investigando o vazamento. Tudo indica que essa não vai ser uma tarefa fácil: os códigos estão sendo distribuídos agora, mas, aparentemente, hackers estariam compartilhando o material há anos, o que sugere que o vazamento aconteceu há muito tempo e, consequentemente, exigirá uma investigação bastante criteriosa.

Com informações: Bleeping Computer.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
9 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Luiz C. Eudes Corrêa (@Eudes)

O Barnacules (YouTube) que trabalhou anos na Microsoft disse num dos vídeos dele que basicamente todos os programadores da Microsoft tinha/faziam uma copia do diretório com os códigos fontes nos notebook deles, e me surpreende isso não ter vazado antes.

Anderson Antonio Santos Costa (@Anderson_Antonio_San)

Mais um Windows com código-fonte vazado…
Se a Microsoft não tivesse maior segurança, o Windows XP não teria seu código vazado na web.

Bruno (@Unknown)

Isso sim é perigoso.

João M. (@RonDamon)

Esse código já vazou há mtos anos em grupos de hackers, n tem mta novidade aí.

Matheus Souza (@Matheus_Souza)

Qualquer empresa que use git faz o mesmo, não?

CAV (@cav)

Se isso ao menos ajudar o pessoal do React OS, já vai ter valido a pena.

Mateus B. Cassiano (@mbc07)

O ReactOS só existe legalmente por utilizar a metodologia Clean Room no processo de engenharia reversa. A partir do momento que usarem código-fonte vazado pra qualquer tipo de melhoria o projeto se torna ilegal e vulnerável a diversas ações judiciais por parte da detentora dos direitos autorais do código vazado (nesse caso a Microsoft).

É a mesma situação com os vazamentos de código-fonte recentes da Nintendo, nenhum emulador que preze por sua integridade vai se arriscar a sequer olhar o código-fonte vazado diante dos problemas judiciais vão ter que enfrentar se isso for comprovado…

ochateador (@ochateador)

Poder usar até pode, mas é um saco fazer o processo de um jeito que não deixe brechas para processos.

Veja só:

Pessoa1 que não teve, não tem e nunca terá envolvimento com o ReactOS pega o código fonte vazado. Pessoa1 lê o código, entende o funcionamento do código e começa a anotar em um papel apenas as informações de entrada e saída, não poderá anotar o “processo”: Se apertar o botão W, o sistema operacional exibe um w na tela. Como que ele processou isso, jamais poderá ser anotado no papel. Repita esse processo para todas as outras funções. Qual é a entrada e qual deve ser a saída, nunca pode ser anotado no papel, qual é o processo que ocorre entre a entrada/saída. Pessoa2 que tem envolvimento com ReactOS, pega o papel e se vira para desenvolver o processo entre entrada/saída. A Pessoa2 que tem envolvimento com ReactOS, nunca, jamais poderá ter envolvimento direto e/ou indireto de qualquer tipo com o código fonte vazado (seja no passado, seja no presente, seja no futuro).