Início » Gadgets » Apple anuncia HomePod Mini mais barato que versão anterior

Apple anuncia HomePod Mini mais barato que versão anterior

O novo Apple HomePod Mini tem menos da metade da altura do smart speaker original, custando 28,6% de seu valor de lançamento

André Fogaça Por

A Apple anunciou nesta terça-feira (13) a primeira variante de sua caixa de som inteligente, com nome de HomePod mini. O gadget tem áudio computacional para ajustar o som ao ambiente e é um concorrente direto do Google Nest Audio, assim como do Amazon Echo que já está disponível para venda no mercado brasileiro.

Apple HomePod Mini (Imagem: Apple)

Apple HomePod Mini (Imagem: Apple)

O primeiro HomePod foi anunciado em junho de 2017, durante o evento da Apple para desenvolvedores, a WWDC. O lançamento aconteceu apenas em fevereiro do ano seguinte, depois de sucessivos atrasos e colocou a empresa da maçã no mercado de smart speakers que já conta com nomes como Google e Amazon.

Os rumores de um HomePod mini já circulam pela internet faz tempo, principalmente com o avanço do Apple Music para outras plataformas, como televisores da Samsung, nas Android TV da Sony e nos dongles da Roku.

Novo HomePod mini é menor e mais barato

Apple HomePod Mini de perto (Imagem: Apple)

Apple HomePod Mini de perto (Imagem: Apple)

Por fora o HomePod é basicamente uma versão em miniatura do modelo original, com direito ao acabamento em tecido e tela de toque na parte superior. Em medidas o gadget tem pouco mais da metade da altura do primeiro HomePod e aproximadamente metade do peso.

Por dentro está o Apple S5, chip que também é o responsável por tudo que acontece no Apple Watch Series 5 e no SE. Como a caixa de som é maior e fica na tomada o tempo todo, certamente o processador está mais solto para rodar sem medo de ser feliz – mesmo para uma caixa de som, onde velocidade do chip não é bem um ponto essencial.

Interior do Apple HomePod Mini (Imagem: Apple)

Interior do Apple HomePod Mini (Imagem: Apple)

Um dos recursos deste chip é o áudio computacional, que utiliza o único falante presente no gadget para analisar o ambiente 180 vezes por segundo. O resultado faz o som ser equalizado para tocar da melhor forma possível, mais ou menos como o HomePod original já faz.

Outro fica na maior integração entre HomePod mini e um iPhone. Quando o usuário está escutando música no smartphone, basta se aproximar da caixa de som para que ela seja reproduzida no gadget instantaneamente. Muito provavelmente o smart speaker da Apple utiliza tecnologia UWB para este feito, já que os iPhones 11 são compatíveis com ela.

iPhone próximo do Apple HomePod Mini (Imagem: Apple)

iPhone próximo do Apple HomePod Mini (Imagem: Apple)

É possível agrupar múltiplos HomePods mini para que qualquer música, podcast ou rádio via streaming sejam reproduzidos em todos eles ao mesmo tempo. Por fim, o smart speaker conta com três microfones apontados para fora para entender o comando “E aí, Siri”, junto de um quarto microfone para dentro e que cancela o áudio. A ideia é de ajudar na hora de entender a voz do usuário.

O HomePod mini será lançado no dia 16 de novembro nas cores cinza e preto, com preço sugerido de US$ 99 – o valor representa apenas 28,6% do custo de lançamento do primeiro HomePod. A pré-venda já acontecerá a partir do dia 6 de novembro. Procurada pelo Tecnoblog, a Apple afirma que não existe previsão de lançamento do HomePod mini no Brasil.

Com informações: Apple.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
7 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Júlio César (@Potrinho)

Eu acho que chegaria no Brasil em torno dos R$1000

Breno (@bbcbreno)

Q caro! O dobro do preço da concorrência e não tem nenhuma vantagem pra valer a pena. =(

André Fogaça (@fogaca)

Qual concorrência? O Google Nest Audio, concorrente direto, custa o mesmo preço de US$ 99. O Amazon Echo também é concorrente, também custa US$ 99.

Junior Santos (@junior)

E eu acho que a Apple vai manter a tradição de colocar um zero na frente do preço e chega fácil nos R$1000,00.

Breno (@bbcbreno)

Ahh tá, por ele ter mini no nome achei ser equivalente ao Nest Mini/Echo Dot, por isso achei caro. Já q equivale ao Nest/Echo, tá ótimo então, mal pelo mal entendido.

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

Ela nunca trouxe o HomePod para o Brasil. Então se quer sabemos como ela se comportaria em relação ao preço.

DeadPull (@DeadPull)

Como não? Tem a logo da maçã.

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

Não, é mais complexo do que aparenta.

Junior Santos (@junior)

Sim, mas ela age assim na maioria dos produtos… Difícil imaginar que o HomePod Mini seria diferente.