Início » Gadgets » Climatizador ou ar-condicionado; qual é a diferença?

Climatizador ou ar-condicionado; qual é a diferença?

Refrescar ou resfriar; saiba como escolher entre climatizador ou ar-condicionado, quais são as diferenças entre os dois

Leandro Kovacs Por

Climatizador ou ar-condicionado; qual a diferença? O que difere os dois aparelhos é, basicamente, refrescar o ambiente com o próprio ar (climatizador) ou utilizar um gás para refrigerar o local (ar-condicionado). O que determina a boa utilização é entender qual a necessidade em sua residência, quem irá utilizar o aparelho, o clima da região. 

Exaustores externos instalados (Imagem: Leman/Unsplash)

Exaustores externos instalados (Imagem: Leman/Unsplash)

Climatizador ou ar-condicionado; qual é a diferença?

O climatizador de ar tem a função de refrescar o ambiente, utilizando água ou gelo em seu recipiente traseiro, puxando para as hélices o ar mais fresco. O climatizador não refrigera, apenas refresca e umidifica o ambiente, podendo ser utilizado com a janela aberta. É um ventilador com “algo a mais”.

O ar-condicionado utiliza um gás para resfriar o ar quente que entra no aparelho, baixando a temperatura do ambiente fechado. O ar-condicionado é um sistema de refrigeração muito potente, sendo capaz de reduzir as temperaturas em cômodos fechados. 

Climatizador é enganação?

Climatizador não é enganação, o que traz essa má impressão é não utilizar nos locais corretos. O aparelho não refrigera o ambiente, ele só torna o ar mais fresco. Em locais úmidos e com calor excessivo não irá cumprir sua função de forma adequada.

Onde posso utilizar o climatizador?

Algumas condições específicas são apresentadas pelos fabricantes para que o climatizador trabalhe de forma correta e satisfatória.

  • Regiões com clima mais seco: a sensação de calor não é tão intensa quanto nas regiões úmidas. Ainda serve para umidificar o ambiente, combatendo os ressecamentos de vias respiratórias;
  • Função ION: alguns aparelhos contém essa função e ajudam a eliminar bactérias e germes do ambiente;
  • Locais com circulação de ar: eles operam melhor com a janela aberta, locais que eventualmente podem entrar correntes de ar;
  • Pessoas com problemas respiratórios (bronquite e rinite): a ausência do gás no processo de resfriamento do ar, protege o sistema respiratório já comprometido do enfermo, evitando crises;
  • Quarto do bebê: são indicados para colocar no cômodo onde ficam os bebês, o gás do ar-condicionado causa ressecamento das vias aéreas do recém nascido. Respirar ar refrigerado por longos períodos também traz malefícios aos pequenos.

Onde posso utilizar o ar-condicionado?

Basicamente, se o cenário não for um dos indicados para o climatizador, a opção é o aparelho de ar-condicionado.

  • Locais de temperatura muito elevada e clima úmido: não vai ter jeito, em temperaturas extremas, nas quais você precisa baixar a umidade do ar e resfria-lo, somente o ar-condicionado irá atender;
  • Ambientes fechados: salas comerciais, escritórios, onde a janela não é aberta ou ausente, o ar para ser refrigerado é daquele ambiente, somente o aparelho de ar-condicionado dá conta;

Espero ter ajudado a responder a pergunta: climatizador ou ar-condicionado; qual a diferença? Veja se o seu ambiente se enquadra para um climatizador, caso contrário, parta para o ar-condicionado. Bom verão!

Com informação: elgin, consul

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação