Início » Computador » Raspberry Pi lança Compute Module 4, versão compacta do Pi 4

Raspberry Pi lança Compute Module 4, versão compacta do Pi 4

Com 32 variações possíveis, Raspberry Pi Compute Module 4 é versão compacta com foco sobre aplicações industriais

Emerson AlecrimPor

A Raspberry Pi Foundation anunciou nesta segunda-feira (19) o Raspberry Pi Compute Module 4. Tecnicamente, a placa é muito parecida com o Raspberry Pi 4 lançado em junho de 2019, mas traz um formato que a torna adequada a aplicações industriais.

Raspberry Pi Compute Module 4 (imagem: divulgação/Raspberry Pi)

Raspberry Pi Compute Module 4 (imagem: divulgação/Raspberry Pi)

Um dispositivo como esse faz bastante sentido. O Raspberry Pi tradicional pode ser direcionado a uma infinidade de projetos educacionais ou aplicações desenvolvidas por entusiastas, por exemplo. Também é possível empregá-lo em aplicações industriais ou comerciais. O problema é que, dependendo da finalidade, as portas do dispositivo podem atrapalhar ou não ter utilidade.

Modelos como o Raspberry Pi Compute Module 4 preenchem essa lacuna por consistirem em plaquinhas que não trazem conectores USB ou Gigabit Ethernet, por exemplo, e poderem ser instaladas com mais facilidade em equipamentos que não requerem esses recursos.

Isso não quer dizer que a novidade não tem poder de fogo. O Raspberry Pi Compute Module 4 conta com o processador Broadcom BCM2711, chip quad-core (quatro núcleos Cortex-A72 de 1,5 GHz) de 64 bits que também aparece no Raspberry Pi 4.

Outra característica herdada do Raspberry Pi 4 é a GPU VideoCore VI de 500 MHz, capaz de trabalhar com os padrões H.265 (HEVC) para decodificação de vídeo em até 4K e 60 fps ou H.264 (AVC) para 1080p e 60 fps. Ainda no quesito vídeo, a plaquinha conta com duas interfaces HDMI que suportam resoluções de até 4K.

A quantidade de memória RAM (LPDDR4-3200) varia de 1 GB a 8 GB. Também há opções de armazenamento, de nenhuma (trata-se da versão “Lite”) a até 32 GB de eMMC.

É possível escolher também se o dispositivo contará com Wi-Fi 802.11ac e Bluetooth 5.0.

No fim das contas, são tantos recursos opcionais que o Raspberry Pi Compute Module 4 acaba tendo 32 variações. A mais barata sai por US$ 25 e traz 1 GB de RAM. A mais cara, com preço de US$ 90, tem 8 GB de RAM, 32 GB de armazenamento e Wi-Fi. Esta tabela contém todas versões e seus respectivos preços (PDF).

Para quem precisa da conveniência das múltiplas portas, a Raspberry Pi Foundation anunciou o Compute Module IO Board, placa maior que acomoda o Compute Module 4 e traz recursos como duas portas HDMI, conexão Gigabit Ethernet, duas portas USB 2.0 e conectores para câmera ou tela.

Isoladamente, o Compute Module IO Board sai por US$ 35.

Compute Module IO Board (imagem: divulgação/Raspberry Pi)

Compute Module IO Board (imagem: divulgação/Raspberry Pi)

Raspberry Pi Compute Module 4 — fica técnica

  • Processador: Broadcom BCM2711 quad-core (quatro núcleos Cortex-A72 de 1,5 GHz) de 64 bits
  • GPU: VideoCore VI de 500 MHz, OpenGL ES 3.x, decodificação H.265 e H.264
  • RAM: 1 GB, 2 GB, 4 GB ou 8 GB de LPDDR4 de 3.200 MHz
  • Armazenamento: eMMC de 8 GB, 16 GB ou 32 GB (existe uma variante “Lite” sem armazenamento)
  • Conectividade sem fio: Wi-Fi 802.11ac dual-band (2,4 GHz e 5 GHz) e Bluetooth 5.0 opcionais
  • Conectividade: duas interfaces HDMI, uma interface USB 2.0, conector GPIO de 28 pinos, uma interface PCI Express 2.0, interfaces para vídeo e câmera
  • Dimensões: 55 x 40 mm

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
2 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Eu (@Keaton)

Pelo que entendi, temos o mais básico do básico dos Raspberry PI CM4 1GB s/ wifi s/ armazenamento… e a cada 1GB de RAM adiciona $5, a cada 8GB de storage adiciona $5 e o Wi-Fi adiciona $5… bem simples a conta. (Sim, eu fiquei um tempo analisando isso… hahaha)