Início » Gadgets » Google testa comandos de voz sem “OK Google” em smart displays

Google testa comandos de voz sem “OK Google” em smart displays

Google testa uso de comandos de voz em Nest Hub Max sem "OK Google"; recurso não está disponível aos usuários

Bruno Gall De Blasi Por

O Google está buscando novos meios para acionar comandos de voz em smart displays sem depender do “OK Google”. É o que revela um vídeo de Jan Boromeusz, no YouTube, que mostrou o uso da assistente virtual do Google Nest Hub Max ao se aproximar do dispositivo. Em testes internos, o recurso não está disponível aos usuários.

Google Nest Hub Max (Imagem: Divulgação/Google)

Google Nest Hub Max (Imagem: Divulgação/Google)

Google testa comandos de voz por aproximação

A função dá mais agilidade ao utilizar o dispositivo, já que o tradicional comando de voz que ativa a Assistente torna-se opcional. No lugar, o usuário precisa apenas se aproximar do dispositivo, conforme apresentado pelo vídeo. Depois, é só solicitar algo, por exemplo, como a previsão do tempo, e aguardar o retorno.

Apesar da demonstração, ainda não está claro se o dispositivo irá detectar a presença de pessoas com a câmera ou outro tipo de sensor, assim como os impactos na privacidade. Além disso, não se sabe se o recurso será levado aos usuários no futuro, uma vez que o acionamento da assistente virtual sem o comando de voz foi encontrado em uma versão experimental do sistema do gadget.

Boromeusz também revelou com antecedência outras mudanças que estão por vir, como as mudanças no visual do sistema e o modo escuro (dark mode). Ainda segundo a companhia norte-americana nesta segunda-feira (19), além da nova interface, os smart displays receberão suporte a mais de uma conta, sons de relaxamento para melhorar a qualidade do sono e um novo despertador.

Com informações: Android Police (1 e 2) e Google (Blog)

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Vítor Gomes (@vctgomes)

Bacana, mas nem acho o comando de acionar tão incômodo. O que o Google deveria fazer era dar um nome ao assistente…

Acho mais naturao vc falar Alexa do que Ok Google.

Reginaldo Ribeiro (@Reginaldo_Ribeiro)

Concordo, a única inveja que tenho da Alexa, é o modo de aciona-la, que é muito mais natural. Nomear o assistente seria bem vindo, mas acho que só de abolir o " Hey " e o " Ok ", já melhoraria muito.

Kaue Lima (@kauelima)

Vou dar uma visão que com certeza é muito pontual mas traz uma nova visão pra esse assunto. Tenho uma grande amiga que chama Alexia. Com isso, algumas conversas aqui em casa poderiam gerar gatilhos falsos pra Alexa. Acho que muuuito pouca gente teria esse problema estando aqui do Brasil, mas acho a frase de acionamento Hey Google muuuuito mais confortável para garantir que acionamentos errados não sejam realizados.

A ideia de não usar o hey e o ok vai no mesmo caminho que deve aumentar bastante acionamentos incorretos. No meu caso de uso o quanto mais “alienígena” parecer a frase de ativação melhor porque torna as ativações mais intencionais.

@RODRIGO

Espero que este recurso chegue aos smartphones, PCs, notebooks e tablets!