Início » Celular » Tela do iPhone 12 com Ceramic Shield é mesmo resistente

Tela do iPhone 12 com Ceramic Shield é mesmo resistente

Testes mostram que Ceramic Shield não é indestrutível, mas realmente deixa tela do iPhone 12 mais resistente

Emerson Alecrim Por

Um das novidades que chamam atenção na linha iPhone 12 é a tela com Ceramic Shield, proteção que, nas palavras da Apple, faz o componente ter mais resistência contra danos. Será mesmo? Testes mostram que a companhia não está mentindo, mas que devemos ter em mente que a proteção não torna o visor dos novos iPhones indestrutível.

Teste de resistência do iPhone 12 (imagem: Chris Parker/CNET)

Teste de resistência do iPhone 12 (imagem: Chris Parker/CNET)

Um dos testes foi conduzido pela CNET. O veículo afirma que, além do vidro em si, o design da linha iPhone 12 ajuda o componente a ser mais resistente a quedas por este estar alinhado à estrutura de metal do aparelho em vez de ter curvatura nas bordas.

Em uma das etapas do teste, o iPhone 12 foi colocado em uma pequena bolsa junto a objetos que poderiam arranhá-lo, como moedas e chaves. A bolsa foi agitada vigorosamente por 30 segundos, mas o celular saiu ileso dali.

Em outra etapa, o aparelho foi arranhado frente e verso com uma lixa. Dessa vez houve danos visíveis. Apesar disso, o veículo verificou que a tela continuou funcionando normalmente.

Teste de resistência do iPhone 12 com lixa (imagem: Vanessa Hand Orellana/CNET )

Teste de resistência do iPhone 12 com lixa (imagem: Vanessa Hand Orellana/CNET)

Nos testes de queda, o vidro traseiro quebrou e a moldura ficou com alguns “machucados”. A tela, no entanto, permaneceu intacta mesmo com o iPhone 12 tendo sido largado de uma altura de quase 3 m por três vezes seguidas (sem considerar as quedas com alturas menores).

A Allstate Protection Plans, empresa que oferece seguros para smartphones, também conduziu uma rodada de testes. Os resultados, resumidos no vídeo a seguir, indicam que o iPhone 12 é mais resistente que o iPhone 11 e o Samsung Galaxy S20 considerando quedas de uma altura de 1,8 m, tanto com a tela virada para cima quanto para baixo. Somente pequenos danos na traseira e nas laterais foram constatados.

Já o iPhone 12 Pro teve resultado um pouco pior, talvez por ser cerca de 25 gramas mais pesado do que o iPhone 12. Além de alguns danos nas laterais, o vidro traseiro (que não conta com Ceramic Shield) ficou todo rachado. Já a tela apresentou uma rachadura na parte inferior, mas continuou funcionando — provavelmente, os danos seriam maiores nas gerações anteriores.

Assim como a CNET, a Allstate Protection Plans concluiu que o design da linha iPhone 12 contribui para o aspecto da resistência por fazer as laterais absorverem melhor o impacto nas quedas.

De modo geral, a percepção é a de que a proteção Ceramic Shield não é intransponível, mas realmente contribui para fazer desta a geração mais resistente do iPhone.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
8 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Alberto Roberto (@ComentarioMilGrau)

Tava vendo o Marques Brownlee falando sobre isso e ele disse que há uma clara diferença entre uma tela feita para não trincar e outra para não arranhar. Basicamente a tela do iPhone entra na primeira lista, porém o problema das “telas anti quedas” é que são mto mais suscetíveis há riscos (desses que a gente nunca sabe de onde veio) do que telas como as da Corning que equipam os celulares Android. Ou seja, de qualquer jeito vc terá que usar uma boa película protetora para evitar esses malditos risquinhos na tela.

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

O Ceramic Shield é manufaturado pela Corning em parceria com a Apple. E o vidro de traz também é Corning, 2X mais resistente que a geração passada.

Muitas pessoas acham que o Gorilla Glass de uma geração para outra é uma evolução, mas não. Sempre que se evolui em uma área (resistência) se perde em arranhões. Ao longo dos anos foi se fazendo vidros cada vez mais finos e mantendo a resistência de quando tinham 4mm. O Gorila Glass 3 é o que mais tem resistência a aranhões, e o 7 agora conta com um melhor equilíbrio entre ser resistente e a prova de arranhões.

Eu (@Keaton)

Será que esse iPhone resiste nas mãos de certos usuários? :V

Felipe Silva (@Felipe_Silva)

me pareceu boa a resistência do celular, tem uns que no primeiro tombo se espatifam tudo.

Filipe Espósito (@filipeesposito)

O que acontece é o seguinte: pra você aumentar a resistência do vidro (que por natureza quebra com facilidade), você precisa misturá-lo com outros componentes. No caso da Apple, cristais de cerâmica. Essa mistura, em contrapartida, diminui a dureza do material (que implica na resistência aos arranhões).

Um ótimo exemplo está na tela do Apple Watch. As versões de alumínio (consideradas Sport) contam com tela de vidro composto similar a do iPhone. Ela é bem difícil de quebrar, mas arranha com facilidade. Já os modelos mais caros do Apple Watch utilizam tela de safira ao invés de vidro comum. A safira é muito mais resistente aos riscos por conta da dureza do material, só que também é bem mais frágil e trinca com facilidade num eventual impacto.

Na tela do iPhone 11, que já tinha ficado mais resistente em relação aos iPhones anteriores, já dava pra notar que ela riscava com muito mais facilidade — meu 11 Pro Max mesmo está com a tela consideravelmente riscada (não uso película). Porém, o celular já levou um tombo feio e não aconteceu nada.

Provavelmente a empresa colocou tudo na balança e viu que, pra maioria dos clientes, ter uma tela que não quebra é mais importante do que ter uma tela que não risca — já que muita gente compra o celular e acaba colocando uma película pra proteger dos riscos.

E só pra constar, todas as telas de iPhone, desde o primeiro, são fabricadas pela Corning. A Apple apenas não fica mencionando o nome de suas parceiras publicamente, mas foi o próprio Steve Jobs que convenceu a Corning a fazer telas para smartphones na época.

² (@centauro)

Em resumo, material duro é resistente à riscos.
Material mole é resistente à quebras.

Vidro
Dureza do material:
Duro-Δ--------------------Mole
Resistente contra:
Risco-Δ------------------Quebra

Plástico
Dureza do material:
Duro--------------------Δ-Mole
Resistente contra:
Risco------------------Δ-Quebra

Felipe Silva (@Felipe_Silva)

Ótima analise, e eu concordo, prefiro uma tela riscada do que quebrada, especialmente que é mais fácil proteger a tela de riscos com uma película do que de quebrar.