Início » Aplicativos e Software » Instagram libera lives de até 4 horas e permite salvá-las por um mês

Instagram libera lives de até 4 horas e permite salvá-las por um mês

Mais populares, transmissões ao vivo também serão sugeridas pelo Instagram na aba Explorar e no aplicativo do IGTV

Victor Hugo Silva Por

Com o crescimento das lives nos últimos meses, não é raro ver aquelas que são pausadas antes de uma hora e retomadas em uma nova transmissão segundos depois para evitar o limite de tempo do Instagram. A prática poderá ser abandonada por muitos usuários. Isso porque a rede social anunciou nesta terça-feira (27) um ampliação do tempo máximo dos vídeos ao vivo, passando de 1 para 4 horas.

Arquivo de lives (Imagem: Divulgação/Instagram)

Arquivo de lives (Imagem: Divulgação/Instagram)

A rede social também liberou uma opção para o autor das lives arquivar o vídeo por até 30 dias. Nesse período, é possível baixar a transmissão para o celular ou publicar o vídeo no IGTV para que outras pessoas também a assistam. Caso nenhuma ação seja tomada durante o intervalo, o vídeo arquivado é excluído pela plataforma. A tela do arquivo de lives também tem atalho para a lista de fotos e stories arquivados.

O Instagram anunciou ainda que dará mais destaque para as lives. Além da barra dos stories no topo da tela, que prioriza vídeos ao vivo, a rede social exibirá na aba Explorar e no aplicativo do IGTV, várias sugestões de vídeos que estão sendo transmitidos naquele momento.

Seção de lives do IGTV (Imagem: Divulgação/Instagram)

Seção de lives do IGTV (Imagem: Divulgação/Instagram)

Instagram iguala Facebook no tempo de lives

Com a mudança, as lives da rede social passam a ter o mesmo limite de tempo permitido pelo aplicativo do Facebook, que também oferece o prazo de 8 horas caso a transmissão aconteça em um computador ou por meio de uma API. Como destaca o TechCrunch, o Instagram afirma que o novo limite foi liberado em todo o mundo, mas destaca que usuários não poderão usá-lo para violar suas políticas.

O anúncio acontece dias depois da plataforma liberar o programa de monetização para influenciadores. Ele já havia sido revelado em maio e, agora, está disponível para cerca de 50 mil criadores de conteúdo. O grupo terá lives com comentários pagos, que custarão US$ 0,99, US$ 1,99 ou US$ 4,99 para quem quiser chamar a atenção de quem está realizando a transmissão ao vivo.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação