Início » Finanças » WhatsApp Pagamentos deve voltar ao Brasil em novembro, diz Cielo

WhatsApp Pagamentos deve voltar ao Brasil em novembro, diz Cielo

Presidente da Cielo afirma que, após suspender WhatsApp Pagamentos, Banco Central está próximo de liberar serviço

Victor Hugo Silva Por

O WhatsApp Pagamentos foi anunciado pelo Facebook em junho, mas, logo em seguida, foi suspenso pelo Banco Central para avaliação de possíveis riscos trazidos pela modalidade. Agora, há uma expectativa de que ela seja liberada em breve. A Cielo, parceira responsável por processar transações, anunciou que espera a autorização do BC em novembro.

enviar dinheiro pelo whatsapp

A declaração foi feita na quarta-feira (28) pelo presidente da Cielo, Paulo Caffarelli, durante a apresentação dos resultados da empresa para o terceiro trimestre de 2020. “A expectativa que a gente tem ouvido de partes envolvidas no assunto é de que autorização do regulador sairá em novembro”, afirmou o executivo em teleconferência com jornalistas.

Em chamada com investidores, Caffarelli afirmou que a autorização do BC é aguardada para o serviço começar a ser oferecido. “A Cielo foi escolhida entre outras adquirentes para fornecer a solução do WhatsApp Pagamentos em uma iniciativa inédita. Esperamos receber nas próximas semanas a autorização do nosso regulador para começar a operar no Brasil”.

Antes da suspensão, o WhatsApp Pagamentos foi liberado para clientes do Banco do Brasil, Nubank e Sicredi com cartões de débito e crédito das bandeiras Visa e Mastercard. O serviço permite enviar e receber dinheiro pelo aplicativo sem a cobrança de taxas. As empresas com contas no WhatsApp Business também poderão utilizá-lo para fazer cobranças, mas pagarão taxa de 3,99% pelo processamento.

BC analisa riscos do WhatsApp Pagamentos

Ainda em junho, o Banco Central afirmou que a suspensão da modalidade era necessária para “avaliar eventuais riscos” e que sua oferta sem uma análise prévia poderia causar “danos irreparáveis” à concorrência e à privacidade. O Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) também aplicou uma medida cautelar que suspendia o serviço, mas a revogou após receber mais informações.

Caso seja liberado em novembro, o WhatsApp Pagamentos começará a operar no mesmo mês do Pix, que começa a operar em fase restrita na próxima terça-feira (3) e chega a todos os clientes em 16 de novembro. Criado pelo BC, o sistema de pagamentos permitirá enviar dinheiro em poucos segundos e deverá substituir TED, DOC e boletos bancários.

Com informações: Reuters.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
2 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Arthur Soares (@arthursoas)

Grandes coisas. Agora com o pix eu confio muito mais em fazer um pix do que fazer pagamentos no whatsapp.