Início » Negócios » Huawei planeja construir fábrica de chips para não depender dos EUA

Huawei planeja construir fábrica de chips para não depender dos EUA

Possível fábrica de chips da Huawei será construída em Xangai e administrada pelo Shanghai IC R&D Center, diz jornal

Darlan HelderPor

No centro da guerra comercial entre Estados Unidos e China, agora especialmente devido à tecnologia 5G, a Huaweivem buscando outros caminhos para depender cada vez menos da maior potência do mundo. No sábado (31), o jornal Financial Times informou que a gigante chinesa de tecnologia planeja construir uma fábrica de chips, o que também beneficiaria a própria China.

Logo Huawei (Imagem: Divulgação/Huawei)

Logo Huawei (Imagem: Divulgação/Huawei)

Huawei pode produzir chips em Xangai

De acordo com o jornal, a unidade fabril ficará em Xangai e será administrada pelo Shanghai IC R&D Center (ICRD) — uma companhia de pesquisa de semicondutores que tem o apoio do governo municipal de Xangai.

O local não usará tecnologia americana, é claro, e, segundo especialistas, o plano pode dar fôlego à empresa no futuro. Além disso, esse possível anúncio poderá ajudar a própria China a deixar de usar chips de empresas estrangeiras. Porém, vale lembrar que a Huawei não tem experiência na produção de chips.

Prédio da Huawei (Imagem: Open Grid Scheduler/Flickr)

Prédio da Huawei (Imagem: Open Grid Scheduler/Flickr)

Para iniciar, a empresa deve fabricar chips de 45 nm de baixo custo. Até o final de 2021, eles pretendem produzir chips de 28 nm focados em smart TVs e outros dispositivos de Internet das Coisas (IoT). Apostando forte na tecnologia 5G, inclusive com o Brasil no radar, até dezembro de 2022, a Huawei deve fabricar chips de 20 nm para equipamentos de telecomunicações das redes móveis de quinta geração.

“Se tiver sucesso, pode se tornar uma ponte para um futuro sustentável para seu negócio de infraestrutura”, analisou um executivo da indústria de semicondutores em entrevista ao Financial Times. “Eles possivelmente podem fazer isso, em talvez dois anos”, disse Mark Li, outra executiva do setor.

As primeiras informações da possível fábrica surgiram no mês passado pelo jornal chinês Caixin. Tanto a Huawei como o Shanghai IC R&D Center (ICRD) não quiseram dar detalhes do negócio, tampouco confirmaram a parceria para a fábrica. “Isto é bastante sensível”, diz um porta-voz do ICRD.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
6 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Eita (@mandatario)

China tem planos de se livrar de tecnologia externa até 2030.
E estão trilhando o caminho!

Alfred Newman Viola (@Alfred_Newman_Viola)

Em tempos de chips de 5nm os caras vao , em 2021, iniciar a produçao com tecnologia de 28nm…Nao vejo a hora de poder comprar um celular com esses processadores e ainda SEM GOOGLE, FACE, WHATSAPP e demais apps … CADA UMA , SOH RINDO. Tio San deu um "no tatico " nesses chinas.

@ksio89

Acho que se o partido Democrata ganhar nas eleições nos EUA, provavelmente as sanções econômicas contra a China serão encerradas, mas pelo visto é um caminho sem volta o esforço da Huawei de não depender de componentes de empresas americanas ou de países aliados.

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

Mesmo que ganhe nas urnas, precisa da maioria dos delegados, para então vencer.

@ksio89

Sim, eu digo o resultado final. Estou torcendo para o candidato que acalmar o mercado e uma queda no dólar ganhar, e nesse caso, acredito que seja o do partido Democrata. Nenhum dos dois está se linchando para a América Latina mesmo, então que ganhe o que seja menos pior para nós.

Eu (@Keaton)

Com um empurrãozinho do palhaço laranja, né. hahaha

O Obama deveria voltar lá. lol

Uma coisa que eu gosto no sistema americano é isso: Gerrymandering
image838×580 42.8 KB

Eita (@mandatario)

O sistema de delegados foi inventado para ajudar o estados do SUL escravagistas.
É por isso que gosta do sistema?

Eita (@mandatario)

Mesmo se o laranja não tivesse feito nada. Os planos chineses só iam demorar mais!
No lugar de 2030, seria 2050, ou 60.
Mas, iria acontecer

Eu (@Keaton)

Já ouviu falar em sarcasmo?
De qualquer jeito, parece que esse tipo de fraude ainda existe.

Dúvido. China não é Brasil… capaz de ser 2025 ainda. hahaha