Início » Telecomunicações » O que é GPON?

O que é GPON?

Entenda o que é o padrão GPON de uma rede de fibra óptica, e quais são as suas vantagens para o consumidor e as operadoras

Ronaldo Gogoni Por

O GPON é um padrão de rede de fibra óptica para a implementação de conexões de banda larga. É um dos mais usados atualmente e entrega uma velocidade de download de mais de 1 Gb/s, além de ser mais barato no que tange à infraestrutura. Descubra o que é GPON e como ele funciona no artigo a seguir.

Roteador (Imagem: jarmoluk/Pixabay)

Roteador (Imagem: jarmoluk/Pixabay)

O que é GPON?

GPON é a sigla em inglês de Gigabit-capable Passive Optical Network, ou Rede Óptica Passiva com Capacidade de conexão em Gigabits. Também conhecido como G.984, é um dos padrões possíveis para a topologia de rede PON, ou Passive Optical Network (Rede Óptica Passiva).

Para entender o que é GPON, é preciso primeiro entender o que é PON. Por ser uma rede passiva, isso significa que o splitter, responsável por redistribuir a conexão entre o concentrador de rede da operadora (Optical Line Terminal, ou OLT) e o receptor do usuário (Optical Network Unit, ou ONU, também chamado de Optical Network Terminal, ou ONT) não é energizado.

Por não existir uma corrente elétrica na estrutura da rede, é possível usar bem menos infraestrutura do que uma rede tradicional na “última milha”, a distância final entre o provedor e o consumidor, bem como o risco de acidentes é menor.

O que é PON?

A principal característica de uma rede PON é o uso da fibra óptica para entregar conexões de alta velocidade aos usuários, com uma topologia de rede ponto-multiponto, mais vantajosa do que a ponto-a-ponto, em que cada usuário tem uma conexão direta com o provedor ou o distribuidor de rede.

Na topologia ponto-multiponto, cada ONU/ONT recebe os dados de todos os usuários de uma região enviados pelo OLT (broadcast), com o terminal do usuário filtrando o que o consumidor deverá ver. No sentido inverso, o ONU/ONT envia as informações de upstream de volta em velocidade assíncrona, menor do que a download.

Os dados trafegam criptografados para impedir que o usuário A receba dados do usuário B, já que todos os ONUs/ONTs são alimentados com as mesmas informações.

Download e upload em uma rede GPON de topologia ponto-multiponto (Imagem: GPON.com) / o que é gpon

Download e upload em uma rede GPON de topologia ponto-multiponto (Imagem: GPON.com)

O upload na arquitetura PON não é contínuo, mas feito em pulsos. Cada usuário tem uma janela de tempo para enviar seus dados para o splitter, que irá reunir as conexões de uma região e mandar tudo de volta para o OLT.

O padrão GPON denomina uma rede PON capaz de oferecer uma conexão acima de 1 gigabit por segundo (1 Gb/s). No geral, a estrutura é capaz de fornecer uma velocidade de download de até 2,5 Gb/s, enquanto o upload alcança até 1,25 Gb/s. Como a demanda é maior no sentido provedor-usuário do que o contrário, uma rede assimétrica é mais vantajosa, por permitir maiores velocidades de download.

Uma rede GPON pode ter download e upload simétricos de até 2,4 Gb/s, mas o uso dessa configuração é muito raro.

Split ratio 1:64 e eficiência da rede

O split ratio é a quantidade de usuários que cada splitter é capaz de conectar em uma rede. No padrão GPON, em cada ponto de rede não energizado saindo do OLT, é possível ligar até 64 ONUs/ONTs, com atualizações de hardware suportando até 128 conexões.

A razão do número de usuários varia conforme a quantidade de serviços disponibilizados — quanto mais, menor é o número para que todos os consumidores tenham a máxima qualidade de conexão.

Cabo de fibra óptica (Imagem: Cnippato78/Pixabay) / o que é gpon

Cabo de fibra óptica (Imagem: Cnippato78/Pixabay)

Falando em qualidade, a eficiência de uma rede GPON é também bastante alta, por seu protocolo prever transmissão de pacotes com tamanhos variados, entre 64 e 1.518 bytes. Assim, a eficiência da transmissão como um todo chega a 92%.

Outros padrões de redes PON

O GPON não é o único padrão de rede PON, e há outros com características distintas:

  • XGPON/10G-PON: Considerado o substituto do GPON, é capaz de fornecer velocidades de download de até 10 Gb/s e upload de até 2,5 Gb/s;
  • XGSPON: Uma evolução do XGPON, fornece conexão síncrona (download = upload) de até 10 Gb/s;
  • EPON/GEPON: Usa Ethernet na conexão final. O padrão GEPON entrega conexão síncrona de até 1,25 Gb/s;
  • 10G-EPON: Evolução do GEPON, fornece conexão síncrona de até 10 Gb/s;
  • PACPON: Um ponto de acesso cabeado (um switch, por exemplo) recebe a conexão de uma rede PON, e redistribui o sinal para usuários via cabo Ethernet. Mais usado em condomínios e edifícios.

Com informações: Intelbrás.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando