Início » Jogos » Pokémon Go bate recorde anual e fatura US$ 1 bilhão

Pokémon Go bate recorde anual e fatura US$ 1 bilhão

Receita total de Pokémon Go passou os US$ 4 bilhões; recorde anual de US$ 1 bilhão foi alcançado nos dez primeiros meses do ano

Lucas Lima Por

Pokémon Go ainda continua um sucesso entre os jogadores mobile e amantes da franquia. Com pouco mais de quatro anos desde o lançamento, o game ultrapassou a receita de US$ 4 bilhões, sendo US$ 1 bilhão nos primeiros dez meses de 2020, um recorde anual para a empresa. Parte nisso se deve às mudanças para jogar em casa, durante o período de isolamento social para evitar o contágio do novo coronavírus.

Pokémon Go (Imagem: Divulgação/Pokémon Go)

Pokémon Go (Imagem: Divulgação/Pokémon Go)

Os dados foram estimados pelo Sensor Tower, que relatou o crescimento de 30% quando comparado o mesmo período de 2019. No ano de lançamento, de julho a dezembro de 2016, os jogadores gastaram US$ 832 milhões, com queda de 27% em 2017 e crescimento nos anos seguintes.

Receita de Pokémon Go (Imagem: Divulgação/Sensor Tower)

Receita de Pokémon Go (Imagem: Divulgação/Sensor Tower)

Com isso, pode-se entender que a fórmula vem dando certo. Pokémon Go teve sua explosão em 2016, mas perdeu jogadores no ano seguinte. Ao mesmo tempo, a Niantic trabalhou para trazer novas funções ao jogo, aumentando a receita a cada ano seguinte. Em breve, Pokémon Go terá integração com Pokémon Home e eu não duvido que isso aumente ainda mais a base de jogadores.

Pandemia influenciou recorde em receita de Pokémon Go

Pokémon Go bateu o recorde de US$ 1 bilhão em receita com o jogo no ano da pandemia da COVID-19, quando a Niantic implementou mudanças dentro do jogo para favorecer a gameplay mesmo dentro de casa. A exemplos foram a possibilidade de acessar ginásios e reides a distância, chocar ovos com metade da caminhada, Pokémon que apareciam com mais frequência, entre outros.

Óbvio que algumas dessas alterações visavam a venda de itens da loja, como os Passes de Reide a Distância e os combos de itens. A Niantic até oferece alguns itens essenciais gratuitos semanalmente, como Pokébolas, mas não chega a ser suficiente para cobrir a falta dos PokéStops em datas de evento, como no Dia Comunitário — eu mesmo comprei várias Pokébolas para garantir meu Abra Shiny.

Essa marca de um bilhão de dólares colocou Pokémon Go como o terceiro jogo com mais faturamento nos primeiros dez meses de 2020, não considerando as lojas alternativas do Android em outros mercados, como na China. O game da Niantic ficou atrás de PUBG Mobile e Honor of Kings, os primeiro e segundo colocados, respectivamente.

Ao todo, Pokémon Go acumulou cerca de US$ 4,2 bilhões em receita global. Desse montante, os jogadores dos Estados Unidos foram responsáveis pela fatia de 36,3% do faturamento, os do Japão por 31,3% e os da Alemanha por 5,7%. Cerca de US$ 2,2 bilhões foi gerado via Google Play Store, enquanto US$ 1,9 bilhão via App Store.

Com informações: Sensor Tower.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando